TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

ATPS De Fundamentos Historico E Teorico Do Serviço Social

Exames: ATPS De Fundamentos Historico E Teorico Do Serviço Social. Pesquise 800.000+ trabalhos acadêmicos

Por:   •  18/3/2014  •  2.266 Palavras (10 Páginas)  •  222 Visualizações

Página 1 de 10

Desafios, Compreensão e Trabalho do Assistente Social

Resumo

Conhecendo os atuais problemas da sociedade e as diversas expressões da questão social existentes nela, tais como: violência, desemprego, preconceito, discriminação, exploração do trabalho infantil, e demais demandas existentes como na saúde, habitação, educação entre outras. O Assistente Social tem como principal desafio compreender a realidade dos indivíduos construindo proposta de trabalho, coerentes com suas necessidades.

O papel do profissional é de um protagonista, pois se proteja frente à sociedade, através de metas e projetos políticos capazes de transformar a realidade da sociedade, colocando em pratica políticas sociais de atendimento ao combate a desigualdades.

Sua função é garantir os direitos do cidadão e ajudá-los resolver seus problemas, que através da mobilização dos recursos da comunidade via política publica.

1. A importância do profissional de Serviço Social e suas áreas de atuação.

Os assistentes sociais têm importante papel em projetos de inclusão e trabalho contra a miséria, fome e analfabetismo. Além disso, também atuam dentro das empresas na área de Recursos Humanos, contribuindo para o desenvolvimento organizacional.

O assistente social pode trabalhar na participação, na elaboração e gerenciamento das políticas sociais, na formulação e implementação de programas sociais, na democratização das informações e no acesso aos programas disponíveis na instituição onde trabalha, auxiliando na solução de conflitos e questões sociais com um grupo específico de pessoas. Ainda pode trabalhar com grupos diversos como, por exemplo, crianças, idosos, dependentes químicos, etc.

O Assistente Social trabalha em hospitais, postos de saúdes, ONGs, empresas públicas e privadas, presídios, asilos, orfanatos e órgãos públicos.

Interdisciplinaridade e multidisciplinaridade, ação características essências ao profissional de Serviço Social. Trabalhar em equipe, desenvolver trabalhos de grupo, criatividade, flexibilidade, visão sistêmica. A profissão é mais composta por mulheres por que tem sua origem vinculada à questão do cuidado, o que também é uma característica feminina. No entanto, com a reconceitualização, a profissão revelou a questão sócio-política passando a ter um discurso mais atrativo ao universo masculino, que é uma característica também cultural.

O Estado ainda é o maior empregador, embora grandes empresas estejam investindo na profissão. No entanto, mesmo o Serviço Social estando presente nestas empresas, ainda é em número mínimo.

O campo de atuação atualmente abrange seis grandes áreas: Educação, Saúde, Justiça, Previdência Social, Sistema Penitenciário e Obras Sociais. Por ser o Estado o maior empregador, o acesso através dos concursos permite que todos participem. Com o novo governo, os concursos têm sido periódicos, o que facilita.

Cabe ao profissional estar sempre atento para as novas demandas exigidas pela profissão. Realizar experiências na área que pretende atuar, desde a fase de estágio, manter-se atualizado, ler e conhecer as novidades em informática.

1.2 Atuações do Assistente Social no Setor Público

Podendo executar atividades nas três esferas públicas governamentais como municipal, estadual e federal. O assistente social tem um papel de grande importância nesses poderes, atendendo comunidades de acordo com as demandas referidas a cada órgão na garantia dos direito sociais previsto em lei. Independentemente de trabalhar para qualquer um deles, o profissional se mantém numa visão voltada ao ser social.

Nos poderes públicos são várias instituições que o profissional pode atuar, se enquadrando em diversas áreas diferentes, como o da saúde, educação, da justiça e da seguridade social entre outras, executando políticas públicas sociais como representante técnico desses órgãos, exemplo, na administração central (em ministérios ou centros regionais de segurança social) e local (nos serviços municipais de habitação, de ação social, de educação, ação cultural ou de saúde etc.). No atendimento direto ao indivíduo, podem trabalhar em hospitais, centros de saúde, serviços de apoio a escolas, centro de formação profissional, estabelecimentos prisionais, centros de apoio à infância, à juventude, aos idosos, entre outras.

1.3 Atuações do Assistente Social no Setor Privado

Nas organizações privadas, o assistente social pode atuar na área de recursos humanos, uma área que se expande, no gerenciamento, planejamento estratégico, relações interpessoais, qualidade de vida do trabalhador, treinamentos organizacionais, elaboração ou implementação de projetos, programas de prevenção de riscos sociais etc.

Reflexão (indo logo no foco do assunto)

O assistente social que trabalha nas organizações sociais privadas, não terá um bom lucro pela sua produção, pois o assistente nas instituições é um reforço profissional, que procura solucionar problemas sociais, quando um indivíduo tem problemas de resolver suas necessidades. Como vimos, o assistente social trabalha com serviços sociais que podem atuar em várias áreas que são: misericórdias, associações de doentes, cooperativas de habitação, associações de moradores, associações de educação de adultos e de animação cultural, associações de jovens, associações de desenvolvimento rural e diferentes associações de defesa dos direitos humanos, podem ainda trabalhar em empresas de diferentes ramos de atividade, nos seus sectores de serviços sociais, recursos humanos e saúde ocupacional. Com essas áreas sociais o assistente ajuda na qualidade de vida de uma nação, ampliando projetos e outros meios de recursos para o melhoramento a população.

O assistente social na sua área de atuação se depara com problemas sociais e também no seu mercado de trabalho, com essa grande desigualdade no quotidiano prejudica o trabalhadores e no meio social, pois a cada dia os “heróis” da sociedade procuram minimizar esses fatores que vivem cotidianamente, fazem o melhor que podem para ajudar ao próximo.

1.4 Atuações do Assistente Social no Terceiro Setor

A compreensão do que vem a ser o terceiro setor, suas características, desafios e forma de gestão se constitui em um desafio primordial para todos aqueles que desejam atuar nesse contexto. As transformações políticas, sociais, econômicas e legais, ocorridas ao longo dos

...

Baixar como (para membros premium)  txt (16.7 Kb)  
Continuar por mais 9 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com