TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

ATPS-FUNDAMENTOS HISTÓRICOS E TEÓRICOS-METODOLÓGICOS DO SERVIÇO SOCIAL

Trabalho Universitário: ATPS-FUNDAMENTOS HISTÓRICOS E TEÓRICOS-METODOLÓGICOS DO SERVIÇO SOCIAL. Pesquise 800.000+ trabalhos acadêmicos

Por:   •  26/11/2013  •  2.679 Palavras (11 Páginas)  •  315 Visualizações

Página 1 de 11

UNIVERSIDADE ANHAGUERA-UNIDERP DE BRASILIA

SERVIÇO SOCIAL

ATPS-FUNDAMENTOS HISTÓRICOS E TEÓRICOS-METODOLÓGICOS DO SERVIÇO SOCIAL

TAGUATINGA 7 DE OUTUBRO /2013

UNIVERSIDADE ANHAGUERA- UNIDERP DE BRASILIA

SERVIÇO SOCIAL

TUTOR(A) PRESENCIAL: ADRIANA ALVES

TUTOR(A) EAD: LEANDRO HENRIQUE DE ARAUJO LEITE

DOCENTE EAD: MARIA ELAINE GOMES

ATPS-FUNDAMENTOS HISTÓRICOS E TEÓRICOS-METODOLÓGICOS DO SERVIÇO SOCIAL

Relatório apresentado pelos (as) alunos (os) do Serviço Social 2° semestre, da Universidade Anhanguera-Uniderp de Brasília para a obtenção parcial de nota da disciplina Serviço Social Fundamento Históricos Teórico-Metodológicas com Maria Elaine Cristina Vaz Vaez Gomes

TAGUATINGA 7 DE OUTUBRO/2013

Sumario

1 Introdução....................................................................................1

2 O lucro é o que mais importa nas empresas...............................2

3 Introdução ao serviço social........................................................2

4 Assistente social no Brasil.............................................................3

5 Problemas enfrentados pela população carente...........................4

6 Problemas sócias ilustração............................................................5

7 Bibliografia........................................................................................7

Introdução

Introdução da matéria de fundamentos históricos metodológicos do serviço social Com o principal objetivo esclarecer aos estudantes de Serviço Social algumas dúvidas a matéria referente a fundamentos históricos metodológicos mostra a história da Profissão, como que ela surge, e quais foram às formas que ela penetrou na sociedade e também contribui para repensá-lo da atuação profissional. As transformações ocorridas a partir da década de 1990 no Serviço Social que têm demandado novas habilidades e competências impulsionando a categoria profissional para uma atuação diferenciada. Esta matéria traduz nossa intenção em debater o Serviço Social na contemporaneidade e contribuir com uma reflexão crítica sobre o modo de pensar e agir profissional, tendo por fundamento uma perspectiva teórico-metodológica. Discutir a relação teórica e prática não é uma proposta inusitada e nem conclusiva, mas faz-se necessária, na medida em que, por meio da elucidação das contradições existentes no movimento da ação profissional, crie possibilidade de influir sobre a atuação profissional

Essa e sobre a fome

A fome provém da falta de alimentos que atinge um numero elevado de pessoas no Brasil e no mundo. Apesar dos grandes avanços econômicos, sociais, tecnológicos, a falta de comida para milhares de pessoas no Brasil continua. Esse processo é resultado da desigualdade de renda, a falta de dinheiro faz com que milhões de pessoas passem fome. Mesmo com programas sociais federais e estaduais o problema da fome não é solucionado, o pior é que ela faz presente em pequenas, médias e grandes cidades e também no campo, independentemente da região ou estado brasileiro. O programa fome zero é um conjunto de ações que foram e ainda estão sendo implantados pelo Governo Federal. O objetivo é promover ações para garantir segurança alimentar e nutricional aos brasileiros. Garantir segurança alimentar e nutricional a população de um país significa proporcionar a todos os cidadãos e cidadãs o acesso a uma alimentação digna com regularidade, qualidade e quantidade suficientes.

Uma sociedade egoísta onde o lucro é o que mais importa, deixando de lado o bem social.

No personagem de Chaplin o vermos sofrendo de grandes distúrbios decorrente de seu trabalho na fábrica. É possível listar as seguintes criticas ao Taylor ismo, nítidas no filme como ausência da opinião do operário na estrutura e funcionamento da empresa.

- Operário = Máquina: O homem é estudado e acompanhado como indivíduo e suas relações sociais não são valorizadas ou percebidos na administração científica.

Foco único na produção: Os estudos de Taylor e seus seguidores se restringiam à produção das empresas.

O Taylor ismo é essencialmente uma técnica social de dominação, elaborada por Friedrich Taylor, tendo como principal característica ainda individualização dos salários. Seja através do salário por peça produzida, seja através de prêmios adicionais, forma explícita de introduzir a competição entre os trabalhadores, objetivando o aumento da produtividade do trabalho evitando qualquer perda de tempo na produção. Com fundamentação em o que move o mundo é o dinheiro, se a pessoa não o recebe não produz, a remuneração é um incentivo, assim os incentivos seriam sempre financeiros.

Podemos analisar de imediato que Taylor estava preocupado em Aumentar a produção para satisfazer a necessidade das demandas. E para que isso fosse possível ele teria que aproveitar mais sua mão de obra, capacitando cada operário para certo setor da fábrica, formando assim a divisão de trabalho e logo agilizando o processo de produção com o mínimo de custo possível. Esse foi um breve resumo da teoria elaborada por Taylor, agora comparando com o filme Tempos Modernos que também se passava no início do Século XX na Inglaterra. Podemos reparar o horário em que as pessoas saíam para trabalhar e o horário que elas voltavam que começava por volta das 6 horas da manhã e terminava na tardar do dia, colocando em prática o máximo aproveitamento da mão de obra. Charles

...

Baixar como (para membros premium)  txt (17.2 Kb)  
Continuar por mais 10 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com