TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

A Importância Da Leitura No Processo Da Construção Do Indivíduo

Trabalho Escolar: A Importância Da Leitura No Processo Da Construção Do Indivíduo. Pesquise 812.000+ trabalhos acadêmicos

Por:   •  17/9/2013  •  5.526 Palavras (23 Páginas)  •  425 Visualizações

Página 1 de 23

UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO

ANA PATRICIA MACHADO VIANA

A importância da leitura no processo da construção do indivíduo

BARRETOS

2012

ANA PATRICIA MACHADO VIANA

A importância da leitura no processo da construção do indivíduo

Trabalho de conclusão de curso apresentado à Universidade Estadual Paulista

Área: Gestão do Currículo

Orientadora: Talita Dias Miranda e Silva

BARRETOS

2012

Autorizo a reprodução e divulgação total ou parcial deste trabalho, por qualquer meio convencional ou eletrônico, para fins de estudo e pesquisa, desde que citada a fonte.

Dedico esse trabalho aos três homens de minha vida, a quem não tenho dedicado muito do meu tempo: Rodrigo, Paulo e Pedro.

“A leitura tem o poder de despertar em nós regiões que estavam adormecidas. Tal como o belo príncipe do conto de fadas, o autor inclina-se sobre nós, toca-nos, uma lembrança escondida se manifesta, uma sensação ou um sentimento que não saberíamos expressar revela-se com uma nitidez surpreendente.”

(Michèle Petit)

RESUMO

O presente trabalho discorre sobre a importância da aquisição da competência leitora para a formação de um indivíduo crítico. Para isso ressalta a importância do desenvolvimento de estratégias de leitura no contexto escolar em todas as áreas do conhecimento.

Palavras-chave: leitura, estratégias, formação

SUMÁRIO

I. INTRODUÇÃO ....................................................................................................................07

II. MEDO DA LEITURA: O RECEIO DE QUE O CIDADÃO REFLITA......................08

III. A LEITURA NA ESCOLA.................................................................................................10

IV. A INTERDISCIPLINARIDADE DA LEITURA: DOCUMENTOS OFICIAIS...........13

V. ALGUMAS ESTRATÉGIAS DE LEITURA...................................................................15

VI. CONCLUSÃO..................................................................................................................... 17

VII. REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS .......................................................................... 18

I. INTRODUÇÃO

O presente trabalho pretende expor qual a importância da leitura na construção do indivíduo, enfatizando-se o papel que esta desempenha no processo de formação das crianças e jovens em cidadãos críticos, quesito imprescindível para o exercício da cidadania e para a aquisição da autonomia, uma vez que, segundo Petit (2009)

Compreendemos que por meio da leitura, mesmo esporádica, podem estar preparados para resistir aos processos de marginalização. Compreendemos que ela os ajuda a se construir, a imaginar outras possibilidades, a sonhar. A encontrar um sentido. A encontrar mobilidade no tabuleiro social. A encontrar a distancia que dá sentido ao humor. E a pensar, nesses tempos em que o pensamento se faz raro. (PETIT, 2009, p.19)

Ao ler o leitor constrói uma ponte que liga suas vivências ao novo mundo que o texto descortina; e esta ponte construída, este diálogo estabelecido, segundo Jacobik (2011) propicia a este leitor a oportunidade de refletir sobre o texto lido e suas possíveis relações com outros textos e com seu contexto social. Sendo assim, não é possível, de acordo com Freire (1992), a leitura descontextualizada, desprovida das vivências, das experiências vividas pelo leitor.

A leitura do mundo precede a leitura da palavra, daí que a posterior leitura desta não possa prescindir da continuidade da leitura daquele. Linguagem e realidade se prendem dinamicamente. A compreensão do texto a ser alcançada por sua leitura crítica implica a percepção das relações entre o texto e o contexto. (FREIRE, 1992, p.19-20)

Segundo Rodrigues (2007) não se pode falar em leitura sem mencionar as contribuições de Paulo Freire sobre o tema. Freire (1992) concebe a leitura como algo intimamente ligado à leitura da vivência em todos os seus momentos.

Nossa inserção no mundo é mediada pela leitura da “palavramundo”, ou seja, Freire não apresenta apenas uma ampliação das concepções anteriores de leitura, mas uma compreensão de que a leitura permeia todo o nosso vivido, é constitutiva da existência do sujeito no mundo. Assim, não se pode ensinar a ler a palavra se não se ensina a ler o mundo, uma vez que essa última leitura precede e permeia a primeira. Não são só os textos escritos que precisam ser lidos para ser compreendidos. A partir do pensamento de Freire, pode-se dizer, metaforicamente, que o mundo é um enorme hipertexto que precisa ser decodificado, compreendido, interpretado para fazer sentido. Nossa existência precisa ser lida para ser significada. (RODRIGUES, 2007, p. 222)

De acordo com Buranello (2005) na atual sociedade do conhecimento e da informação, a leitura tem papel central, uma vez que propicia prazer e conhecimento, além de incentivar o protagonismo.

...

Baixar como (para membros premium)  txt (37.3 Kb)  
Continuar por mais 22 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com