TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

Módulo C – Fase I/2018 Adaptação de atividade

Por:   •  31/1/2019  •  Trabalho acadêmico  •  370 Palavras (2 Páginas)  •  16 Visualizações

Página 1 de 2

Módulo C – Fase I/2018

Adaptação de atividade

Nome: Pedrosa RU:

Polo: PB

Ano/Série e idade do aluno:

6º ano do ensino fundamenta- 12 anos de idade

Caracterização do aluno e necessidades educativas especiais (8 a 15 linhas):

Aluno inscrito no ensino regular portador de deficiência física paralisia cerebral, que apresenta impedimento parcial ou total do sistema cerebral por motivo da imperfeição do sistema. Podendo causar impedimento total ou parcial de algumas funções decorrente da deficiência afetando de maneira irremediável a capacidade entendimento, distancia, forma ou capacidade de locomoção e isso interfere ou limita na execução de tarefa em desempenho geral do aluno na rotina escolar. A paralisia cerebral não é uma doença como muitos confundem, mas uma condição na qual algumas pessoas vivem e que por este motivo são limitadas para realizar algumas atividades.

Atividade escolhida (marque um X):

(     ) Atividade 1

(  x ) Atividade 2

(     ) Atividade 3

Proposta de adaptação da atividade (até 20 linhas):

Adaptar os números utilizando números em placas coloridas. A confecção dos números serão feitos com cartolinas e feltros coloridos para facilitar o aprendizado. A atividade envolve todos os alunos da classe reproduzindo a atividade com confecção dos números com folhas de cartolinas e feltros e papel laminados, para formar as respostas da atividade auxiliando o desenvolvimento da memória visual dentro de um espaço delimitado e permite trabalhar com a atenção concentrada

Objetivos da adaptação (2 a 3 objetivos):

Estabelecer diálogo entre alunos para que matemática seja divertida;

Desenvolver a inclusão dos alunos

Resultados esperados (até 10 linhas):

Favorecer o desenvolvimento do portador de deficiência metal bem como o seu processo de inclusão incentivando os demais alunos a não ter discriminação por pessoas consideradas diferentes delas e que o convívio com eles são totalmente aceitável na esfera social sem que haja nem um tipo de preconceito. Promover a liberdade de aprendizagem com afetividade entre os alunos. Ao saber lidar com as limitações do deficiente se envolverá significam que nem todos são iguais fisicamente ou intelectualmente, mas que tem a mesma capacidade de aprender basta só buscar a melhor maneira para si e para os outros de modo que aumente o interesse e a capacidade de desenvolver a inclusão entre os alunos com benefícios sociais e educacionais para todos.

...

Baixar como (para membros premium)  txt (2.5 Kb)   pdf (69.2 Kb)   docx (45.8 Kb)  
Continuar por mais 1 página »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com