TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

A ABORDAGEM CULTURALISTA

Por:   •  7/11/2016  •  Resenha  •  481 Palavras (2 Páginas)  •  965 Visualizações

Página 1 de 2

Instruções:

Escreva um texto de caráter dissertativo de aproximadamente 500 palavras (1 página tamanho A4 em Arial, tamanho 12, espaçamento 1 entre linhas, margens da página de 3 cm), respondendo à seguinte pergunta: de que maneiras a abordagem culturalista pode nos ajudar a construir uma educação mais justa, mais solidária e mais democrática no combate aos preconceitos? A ABORDAGEM CULTURALISTA

Os critérios de avaliação serão: 1) articulação dos conceitos teóricos discutidos nos fóruns da disciplina, a partir das leituras recomendadas, com propriedade; 2) coesão e coerência textuais na articulação da escrita; 3) utilização da norma culta da língua portuguesa (gramática, ortografia e semântica); 4) relações estabelecidas pelo aluno entre a discussão teórica e a realidade escolar, no sentido de melhor compreender e de melhor intervir no espaço escolar.

Talvez pensar no culturalismo como fosse um dos caminhos para combater os preconceitos e discriminações ligados à raça, ao gênero e a cultura, constituindo assim uma nova ideologia para uma sociedade que é composta por diversas etnias, nas quais, como cor da pele, modos de falar, diversidade religiosa, fazem a diferença em nossa sociedade. Se a educação está centrada na dominação cultural da elite branca, o multiculturalismo por ser uma estratégia de orientação educacional para os problemas das diferenças culturais na instituição escolar, pois reconhece o direito e as diferença dos grupos, como negros, índios, mulheres, deficientes físicos e outros, que se sentem excluídos do processo social. A realidade é clara o que enfrentamos hoje onde criança estão nas ruas passando fome, prostituindo-se, e, além disso, podemos observar em nosso redor atitudes preconceituosas das pessoas onde muitas vezes com palavras preconceituosa discrimina o ser humano, e como não poderia ser diferente isto acontece no ambiente escolar também.

Sabe que é difícil, mas nunca impossível, construir um meio para ajudar os professores a desencadear um processo de superação do racismo e preconceito na escola, mas isto só será possível com a realização de ações ao combate do racismo, e a discriminação e ao preconceito que esta presente na comunidade escolar. Para tanto, é preciso formar grupos de trabalho para propor ações destinadas à valorização da comunidade escolar, indicando de como os professores e alunos podem, em conjunto, desenvolver mecanismos pedagógicos eficazes para a superação das desigualdades, para a elevação da auto-estima dos alunos para o reconhecimento da diversidade, é preciso que as pessoas busquem soluções com grupos de educadores e a sociedade em geral para que estas ações se realizem, só a partir de tal identidade é que se podem desenvolver estas ações que venham a formar movimentos sociais. Trabalhar essas diferenças

...

Baixar como (para membros premium)  txt (3.2 Kb)   pdf (55.4 Kb)   docx (9.6 Kb)  
Continuar por mais 1 página »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com