TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

Psicologia Geral Da Educação

Por:   •  13/2/2015  •  3.395 Palavras (14 Páginas)  •  470 Visualizações

Página 1 de 14

Teorias

• Cognitivismo

A ciência da cognição ou o cognitivismo designa normalmente o estudo científico da mente ou da inteligência e teve início com o August Jung.

O cognitivismo é normalmente visto como sendo compatível e interdependente das ciências físicas e faz uso frequente do método científico, assim como da simulação/modelação, comparando as saídas de modelos com aspectos do comportamento humano. Existe, no entanto, muita controvérsia acerca da exata relação entre a ciência cognitiva e outros campos, e a sua natureza interdisciplinar é ainda frágil e circunscrita.

O objetivo da ciência cognitiva é compreender a estrutura e o funcionamento da mente humana. Para isso, ela tem uma variedade de abordagens que vai desde o debate filosófico até a criação de modelos computacionais para a visão. Um tema recorrente nesse campo é a modularidade da mente, a ideia de que a mente não é um todo sem emendas, mas é, ao contrário, uma coleção de componentes mais ou menos especializados, entre os quais há fortes conexões.

Existem diversas abordagens no estudo da ciência cognitiva. Podemos classifica-la em três categorias: Simbólica, conexionista e sistemas dinâmicos.

Simbólico - Considera que a cognição pode ser explicada através de operações sobre símbolos. Estas operações são teorias computacionais e modelos de mente. Os processos mentais são análogos a procedimentos realizados por computadores;

Conexionista - A cognição só pode ser modelada e explicada por um modelo que leve em conta a estrutura física/biológica do cérebro. A classe principal destes modelos são as redes neurais artificiais; Sistemas híbridos - Considera a cognição como um sistema híbrido do conexionista

• Construtivismo

Construtivismo é uma das correntes teóricas empenhadas em explicar como a inteligência humana se desenvolve partindo do princípio de que o desenvolvimento da inteligência é determinado pelas ações mútuas entre o indivíduo e o meio.

A ideia é que o homem não nasce inteligente, mas também não é passivo sob a influência do meio, isto é, ele responde aos estímulos externos agindo sobre eles para construir e organizar o seu próprio conhecimento, de forma cada vez mais elaborada.

A palavra construtivismo refere-se a uma série de correntes de pensamento em diferentes áreas do conhecimento.

• Cognitivismo social

O cognitivismo social é o estudo do ser humano no seu pensamento e ação social. Os cognitivistas também investigam os processos mentais do ser humano de forma científica, tais como a percepção, o processamento de informação e a compreensão.

O cognitivismo procura perceber de que forma é que as pessoas entendem/percepcionam a realidade em que vivem a partir da transformação da informação sensorial.

• Teorias motivacionais

Os psicólogos educacionais desenvolvem o seu trabalho em conjunto com os educadores de forma a tornar o processo de aprendizagem mais efetivo e significativo para o educando, principalmente no que diz respeito à motivação e às dificuldades de aprendizagem.

Motivo, motivação, mover, movimentar e motor são todas as palavras modernas que têm a mesma origem e estão associadas à mesma ideia: a palavra latina motivus, que significa aquilo que movimenta que faz andar.

A palavra motivação representa, então, uma causa que movimenta a natureza humana na busca de algo, estando diretamente ligada com o comportamento das pessoas por oferecer a energia necessária para a ação praticada.

As teorias motivacionais estudam os fatores que agem sobre as pessoas para mover seu comportamento. Seus estudos retroagem aos filósofos gregos, nas discussões sobre o conceito de felicidade com base na teoria hedônica, que entende o comportamento do homem voltado para o prazer.

As teorias motivacionais modernas ainda se inspiram nessas antigas ideias que identificaram três tipos principais de motivos e hipóteses correspondentes sobre a natureza do homem: o ganho material, o reconhecimento social e a realização pessoal.

• Teorias do desenvolvimento

Para os teóricos da aprendizagem o desenvolvimento humano “resulta da aprendizagem, com base na experiência ou adaptação ao ambiente”, reforçando que” a vida é um contínuo processo de aprendizagem: novos eventos e novas experiências desenvolvem novos padrões de

...

Baixar como (para membros premium)  txt (20.3 Kb)  
Continuar por mais 13 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com