TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

O Serviço Social

Por:   •  10/7/2019  •  Resenha  •  1.088 Palavras (5 Páginas)  •  20 Visualizações

Página 1 de 5

Centro Universitário Internacional - Uninter

Curso: Bacharelado em Serviço Social

Disciplinas: Desenvolvimento Capitalista e Serviço Social e Ética Profissional do Serviço Social

Tutor(a): Renata Oliveira Trindade

Nome do Aluno(a): Luana Oliveira Maia RU: 1382742

Barroco, Maria Lúcia Silva. Fundamentos Éticos do Serviço Social. In: Serviço Social: Direitos Sociais e Competências Profissionais. Conselho Federal de Serviço Social. Brasília. 2009.

Resenha

A autora Maria Lúcia Silva Barroco do texto Fundamentos Éticos do Serviço Social, formada em Serviço Social pela PUC/SP (1982), atuando profissionalmente na coordenação de projetos de Reurbanização de Favelas, na CDHU e na PMSP, e no projeto do Teatro com Presas(os), na Penitenciária Feminina da Capital(SP) e na PAPUDA, no DF. É aluna do curso regular de Graduação em Serviço da PUC/SP para ministrar as disciplinas de Ética e Fundamentos Filosóficos.

No referido texto a autora diz que a ética deriva do ethos, origem grega, quer dizer modo de ser, hábitos da população, respeito a costumes, dentre outros. Corresponde a ensinamentos e valor que constitui padrões e vínculos do ser humano na sua vida social, assim, ética é o modo como as pessoas vivem, se ligam e pretendem provar costumes e preceitos perante a sociedade. Ela destaca também em seu texto que a ética requer ser compreendida para além da teoria, uma vez que a reflexão e sistematização filosófica é idealizada como práxis (que ainda veremos o que é), portanto viabiliza a ampliação da consciência moral e individual. A autora também em seu texto apresenta a diferença entre a ética e a moral, que é simples, pois a ética é a razão que examina a conduta do ser humano e a moral a qualidade dessa conduta ética.

Tradicionalmente, a ética e a moral foram desenvolvidas por um processo de alteração entre as sociedades e momentos. Com base em uma visão filosófica, o conceito da ética está atrelado aos estudos dos valores morais que norteiam as ações sociais. A ética não mostra um caminho único e definido mas trabalha com indagações e com a base lógica para a tomada de decisões responsáveis e consequentes. Esses valores que estão impostos na sociedade não são fixos, são valores que se transformam por vez, podem ficar estáticos por acreditarmos que esses valores de fato precisam ficar na nossa sociedade, são valores que vão construir uma nova ordem societária e vão transformar a nossa compreensão. A moral é uma base da ética considerada como conjunto de normas, regulamento e regras presentes na sociedade. Portanto a ética fundamenta reflexão a respeito da moral e dos costumes presentes na sociedade.

O texto aponta vários temas, fala de diversos assuntos como por exemplo a alienação, práxis, ação moral, ethos, moral profissional, projeto profissional, código de ética profissional, crítica ao conservadorismo dentre outros.

A ética profissional diante das nossas atitudes, das nossas relações, vai fazer com que nós tenhamos bom relacionamento, é a partir dessa prática, que vamos ter de fato eficácia em nosso trabalho, teremos um boa relação com as pessoas, então a ética é primordial em nossa vida, se objetiva como ação moral por meio da ação profissional, normaliza deveres e valores por intermédio do Código de Ética Profissional, como reflexão ética, no decorrer das filosofias e teorias que constituem sua interferência e reflexão como ação ético-político.

A moral profissional é o elo entre a ação profissional do sujeito, nela inseridos usuários, colegas e outros, é o item preciso da mediação profissional. A moral é indicadora de uma concedida consciência moral ou moralidade que requer por meio de exigências do ato moral. A moralidade é peça de uma educação moral antes da formação profissional, a maneira de socialização através da atuação cultural, política, religiosa, pode fortalecer ou rebater valores inclusos.

O conceito de alienação é relacionado com a sociedade capitalista sim, pois a maioria das pessoas acabam só pensando no serviço e ficam “loucas” temos como exemplo o filme de Charlie Chaplin que trabalhava tanto fazendo sempre a mesma coisa que acabou se alienando ao serviço na Revolução Industrial. Beneficiada por condições sociais a frente de motivações coletivas, voltada a uma mediação consciente criadora de direitos, deveres e valores que assumam as exigências dos usuários, contudo a ética profissional não é dispensada por processos de alienação.

...

Baixar como (para membros premium)  txt (7.2 Kb)   pdf (59.6 Kb)   docx (9.6 Kb)  
Continuar por mais 4 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com