TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

Resumo autocritico do Filme “Tempos Modernos”

Por:   •  9/5/2018  •  Trabalho acadêmico  •  838 Palavras (4 Páginas)  •  188 Visualizações

Página 1 de 4

O filme Tempos Modernos, produzido no ano de 1936, mostra a dura jornada de trabalho incessante vivida em uma fábrica, por um operário em plena época da revolução industrial, onde houve a passagem do trabalho artesanal, para o industrial. Tal âmbito industrial, nos mostra um espaço onde os funcionários se submetiam a condições que ultrapassavam seus limites físicos e psicológicos, sem uma importância maior do dono da fábrica para com as condições vividas pelos operários, e sim uma relevância maior que visava o lucro adquirido pelos mesmos.

Sendo assim, o filme nos mostra um operário chamado Carlitos, interpretado por Charles Chaplin, que vivia a base de um trabalho incansavelmente repetitivo na fábrica, além dele, muitos outros operários eram submetidos a exploração dentro das fabricas, para que fizessem seu trabalho mais rápido, obtendo assim o produto final em menos tempo pois quem ganhava maiores lucros com isso era o proprietário. No meio desse cenário, Carlitos acaba tendo um transtorno mental, não conseguindo parar de fazer os movimentos que fazia em sua constante tarefa dentro da fábrica, isso resulta na sua demissão, e no seu encaminhamento para um hospital. Saindo do hospital com a ideia de que está curado, Carlitos volta a fábrica procurando seu antigo emprego, pois dele precisa, encontra seu antigo local de trabalho, fechada, e logo se depara com incidente, é confundido com um líder de uma reinvindicação de operários que está acontecendo no local e que logo foi agressivamente reprimidas pelas autoridades, sendo assim, Carlitos é levado para a cadeia, e acaba gostando da vida que vive lá, pois recebe abrigo, comida e descanso, porem Carlitos acaba sendo liberto, pois frustra a fuga de outros prisioneiros.

Saindo da prisão, Carlitos consegue outro emprego por causa da carta de recomendação das autoridades por sua colaboração. Contudo, não vai bem, por causa das sequelas do transtorno que teve na fábrica, e acaba sendo demitido por conta das consequências infelizes de seus atos. Logo após ser demitido, Carlitos conhece uma Jovem desempregada, que vivia em grande pobreza, com suas duas irmãs, sem mãe e com o pai recentemente morto, trazendo à tona a ideia de como a sociedade no período era violenta, diante desses fatos, ela foge para não ser encaminhada para abrigo de adoções. Carlitos consegue seu antigo emprego, na fábrica que outrora havia fechado, mediante a diversas adversidades causadas por greves e reivindicações dos funcionários, mais uma vez Carlitos vai para a prisão. Ao sair, encontra mais uma vez, com a moça órfã, porem dessa vez empregada, como dançarina em um restaurante, e logo arruma um emprego no mesmo lugar para Carlitos, porem por ser menor de idade e órfã, é procurada pela polícia. Sendo assim, consegue fugir com Carlitos, para tentar construir uma vida nova no cenário de inseguranças da sociedade burguesa.

Concluindo, Tempos modernos é uma sátira do antigo e ainda atual modo de produção Capitalista, onde operários são expostos a grandes cargas de trabalho, como visto no filme incansavelmente repetitivo, levando assim ao grande stress. Onde os proprietários, viam o homem como, e o tempo de sua vida, como lucro ou perda dele, assim, forçando os operários a produzirem sempre mais em condições de trabalho insalubres. Além disso, o filme retrata a desigualdade social vivida, entre as camadas dos pobres,

...

Baixar como (para membros premium)  txt (5.2 Kb)   pdf (40.6 Kb)   docx (12 Kb)  
Continuar por mais 3 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com