TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

Controle e Aprendizagem Motora Trabalho de Adaptação

Por:   •  9/10/2020  •  Trabalho acadêmico  •  1.356 Palavras (6 Páginas)  •  4 Visualizações

Página 1 de 6

Trabalho

  1. Faça um resgate histórico descrevendo a evolução da área do comportamento motor até os tempos atuais. Aponte também, quais foram os principais estudiosos e cientistas que contribuíram com o avanço desta área.

  1. De quais formas podemos classificar os diferentes tipos de movimentos corporais?
  1. Quais são as fases do desenvolvimento motor? Também, relacione as diferentes fases do desenvolvimento motor com as etapas do ciclo de vida.

A EVOLUÇÃO DA ÁREA DO COMPORTAMENTO MOTOR ATÉ OS TEMPOS ATUAIS E OS PRINCIPAIS ESTUDIOSOS E CIENTISTAS QUE CONTRIBUÍRAM COM O AVANÇO DESTA ÁREA.

Os primeiros estudos sobre a aprendizagem motora ocorreram no final do século 19, a partir da Psicologia. Destacam-se as pesquisas realizadas por Bryan e Harter, sobre a aquisição de habilidades no manuseio do código Morse. Outra pesquisa relevante à época foi a de Woodsworth, sobre a relação entre velocidade e precisão em movimentos manuais. Outro pesquisador importante para a área foi Franklin M. Henry, um Phd em psicologia experimental, que realizava suas pesquisas na Universidade de Califórnia, em Berkeley, e trabalhava no departamento de Educação Física. Henry foi considerado o pai da pesquisa em habilidades motoras, pois introduziu uma nova tradição de experimentação laboratorial no campo de habilidades motoras. Suas pesquisas estavam voltadas, principalmente, para habilidades motoras amplas, que agrupavam ações de todo o corpo, como por exemplo, as tarefas vistas em campos de jogos e em ginásios.

Nas décadas de 1970 e 1980 surgiram diversos discípulos de Henry, tais como Dick Schmidt e Craig Wrisberg, visto que a influência direta e indireta de Henry no campo da Educação Física e da Cinesiologia estava disseminada, fato que contribuiu para que ele fosse intitulado como o pai da pesquisa em habilidades motoras.

Atualmente, entre os estudos realizados, algumas problemáticas têm sido enfatizadas, como os mecanismos responsáveis pela produção de movimento, os processos subjacentes as mudanças no comportamento motor, provenientes da prática e a influência de fatores, além do estudo das mudanças que ocorrem no comportamento motor de um indivíduo ao longo do seu ciclo de vida. É pertinente ressaltar que cada uma dessas problemáticas são objetos de estudo de diferentes campos de investigação, visto que, esta área do conhecimento é considerada multidisciplinar, pois reúne saberes e métodos de diversas ciências, tais como, a Educação Física, a Neurofisiologia, a Neurociência Cognitiva, a Biomecânica, a Psicologia Experimental e a Bioengenharia.


TIPOS DE MOVIMENTOS CORPORAIS

Flexão – Comumente ordenado pelo comando “dobrar”. É encontrado em quase todas as articulações sinoviais do corpo. A flexão faz com que haja diminuição do ângulo relativo dos segmentos, ou seja, aproximação dos segmentos.

Extensão – Comumente ordenado pelo comando “esticar”. Assim como o movimento de flexão, a extensão também é encontrada em quase todas as articulações sinoviais do corpo. Porém, ao contrário da flexão, há o aumento do ângulo relativo dos segmentos, ou seja, separação dos segmentos.

Hiperextensão – É a extensão forçada ao máximo.

Abdução – Conhecido pelo comando “abrir”.

Adução - Conhecido pelo comando “fechar”.

Protrusão – Deslocar para frente.

Retração - Deslocar para trás.

Elevação – Subir.

Depressão – Descer.

Rotação lateral – Afastar do plano medial, ou seja, rodar “para fora”.

Rotação medial - Aproximar do plano medial, ou seja, rodar “para dentro”.

Pronação - É o movimento que ocorre entre o rádio e a ulna. É caracterizado pelo dedo polegar voltado para o corpo (medialmente).

Supinação – Também ocorre entre o rádio e a ulna. É caracterizado pelo dedo polegar voltado para fora do corpo (lateralmente).

Circundução - Movimento em torno de um eixo (girar).

Rotação medial – Girar face anterior do membro para dentro.

Rotação lateral – Girar face anterior do membro para fora.

Desvio radial do punho – É o movimento do punho em direção ao lado do polegar.

Desvio ulnar do punho – É o movimento do punho em direção ao lado do dedo mínimo.

Oposição - Aproximação dos dedos

Reposição - Separação dos dedos

Inversão – Rotação e elevação da parte plantar do pé na direção medial.

Eversão - Rotação e elevação da parte plantar do pé na direção lateral.

Flexão Plantar – É o movimento de apontar os dedos dos pés para baixo.  

Dorsiflexão – É o movimento de apontar os dedos dos pés para cima.


FASES DO DESENVOLVIMENTO MOTOR

No total, há 4 fases de desenvolvimento motor que estão intrinsecamente ligadas às diferentes etapas do ciclo de vida. Para melhor explica-las, observe a ampulheta de Gallahue.

[pic 1]


1. FASE MOTORA REFLEXIVA

São os primeiros movimentos que o feto realiza. São movimentos reflexos, involuntários e controlados sub-corticalmente que formam a base das fases do desenvolvimento motor. Importante destacar que os reflexos são “capacidades” e não “habilidades”, logo, são inerentes do ser humano.

Os reflexos podem ser classificados como respostas de coleta de informações em busca de nutrição e de proteção, sendo os movimentos de sucção e fixação

considerados como mecanismos de sobrevivência.
1.1 Estágio de codificação de informações - É a etapa onde há a coleta de informações. Inicia-se com o período fetal e perdura até o quarto mês do bebê.

...

Baixar como (para membros premium)  txt (9.5 Kb)   pdf (127.9 Kb)   docx (41 Kb)  
Continuar por mais 5 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com