TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

As Vantagens Da Adoção Do Software Livre

Por:   •  28/11/2012  •  1.909 Palavras (8 Páginas)  •  662 Visualizações

Página 1 de 8

INTRODUÇÃO

Com a evolução da tecnologia cada vez mais nos tornamos dependentes da utilização de softwares, indo desde a necessidade do gerenciamento de dados e informações pessoais, até a utilização de grandes softwares empregados na gestão dos dados gerenciais de grandes organizações.

Para a informatização dos processos para a organização da vida particular de um individuo ou para a informatização de toda uma empresa é necessário o investimento em aprendizado a fim de adquirir conhecimento de como utilizar a ferramenta ou adequá-la para a necessidade do individuo ou corporações. Consequentemente, isso gera uma dependência do sistema, pois uma alteração em um determinado software pode se tornar um processo custoso para as empresas e/ou indivíduos.

Essa dependência trouxe benefícios para alguns. Empresas de grandes portes atuantes na área de tecnologia, passaram a investir no desenvolvimento de software adotando estratégias de “amarrar” o usuário ao sistema desenvolvido, um exemplo comum é a imposição de restrições aos usuários através do uso de licenças para utilização do software.

Para adquirir e poder utilizar esses softwares tornou-se necessário investir uma quantia razoável para a compra do produto e sua utilização, além dos eventuais gastos com manutenção. No caso das empresas, além de efetuar a compra do produto é necessário obter uma licença para a utilização do software que é de tempos em tempos renovada, ou seja, é preciso efetuar pagamentos periódicos para uso do software.

Devido ao alto custo no investimento na utilização de software proprietário, muitas pessoas passaram a utilizar software pirata – adquirido através de cópias ou de comercialização ilegal da mercadoria, sem o pagamento devido da licença para sua utilização. Para coibir a pirataria, as empresas vêm adotando ações para inibição das cópias e utilização ilegal, além das aplicações de multas altas para as empresas que são flagradas utilizando o software de forma indevida.

Como alternativa à utilização do software proprietário, vários programadores e desenvolvedores passaram a criar, incentivar, divulgar e promover a utilização de software livre. Organizações como a Red Hat e Canonical Ltda passaram a desenvolver sistemas operacionais e softwares livres de qualidade.

No início o movimento começou de forma discreta, com o avanço da tecnologia a dependência do software tem-se tornado cada vez maior, consequentemente, com o aumento dessa dependência , aumentou-se também o custo para manutenção de uma licença de software proprietário, assim como as restrições de uso. Diante deste novo cenário e do crescimento de movimentos em prol da utilização do software livre e do incentivo do governo, a qualidade e versatilidade dos sistemas livres desenvolvidos vem crescendo a ponto de sua utilização se tornar uma alternativa viável em substituição do software proprietário.

2. DEFINIÇÃO

Segundo definição criada pela Free Software Foundation (fundação de software livre), software livre é qualquer programa de computador que possibilite ao usuário a possibilidade de usar, copiar, estudar e redistribuir o software sem restrição.

“Um software livre se refere aos quatro tipos de liberdade:

 Liberdade 0 – A liberdade para executar o programa, para qualquer propósito.

 Liberdade 1 – A liberdade de estudar como o programa funciona e adaptá-los às suas necessidades.

 Liberdade 2 – A liberdade de redistribuir cópias de modo que você possa ajudar ao seu próximo.

 Liberdade 3 – A liberdade de aperfeiçoar o programa e liberar os seus aperfeiçoamento para o público, de modo que toda a comunidade se beneficie. O acesso ao código fonte é requisito para isto.”

2.1 Outros Conceitos – Tipos de Softwares e Licenças.

Um software pode ser classificado como livre, proprietário ou de domínio público. Pode ser de código aberto ou fechado. Comercial ou não. Possuir diversas licenças, sendo que cada uma possui um tipo de permissão diferente.

Diante dessas diversas classificações é possível haver um software livre e comercial, o fato de ser livre não necessariamente significa que o software é gratuito, para melhor entendimento do conceito é importante entender o que cada classificação significa.

2.2.1 Software Proprietário

Ao contrário do software livre, o software proprietário é aquele cuja a cópia,

...

Baixar como (para membros premium)  txt (13.1 Kb)  
Continuar por mais 7 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com