TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

Atps Desenho Tecnico

Artigos Científicos: Atps Desenho Tecnico. Pesquise 790.000+ trabalhos acadêmicos

Por:   •  26/9/2012  •  2.777 Palavras (12 Páginas)  •  1.052 Visualizações

Página 1 de 12

Apresentação

O programa de Atividades Práticas supervisionadas trata-se de atividades que tem como objetivo complementar ás atividades apresentadas em sala de aula. O desafio constitui em efetuar um desenho completo de um furador de anéis circulares, entender os conceitos teóricos e relacionar com a prática. Para concluir este desafio é necessário utilizar todo o conhecimento empregado desde á primeira aula. Todo engenheiro deve entender de desenho técnico para poder identificar problemas, solucioná-los, e principalmente para otimizar tempo e custos em uma empresa.

Os objetivos desta Atividade Prática Supervisionada são:

• Saber que desenho é uma forma de comunicação;

• Distinguir desenho técnico de desenho artístico;

• Entender a importância do conhecimento de desenho linear geométrico;

• Aplicar os conceitos de desenho geométrico na construção de desenho técnico;

• Desenhar a perspectiva de um objeto partindo da sua representação em vistas múltiplas.

Na Etapa 1 apresentamos: os aspectos básicos do desenho técnico, como por exemplo: normas, tipos de linhas, utilização dos programas CAD e escalas.

Na Etapa 2 temos: construções geométricas e os vários tipos de perspectivas.

Na Etapa 3 abordaremos: Projeção ortogonal e desenho técnico com cortes ,secções e cotagem.

Na Etapa 4 apresentamos: A conclusão do desafio proposto, ou seja, o desenho do conjunto.

Etapa 1

O Desenho Técnico Como Forma de Comunicação

Muitas vezes o desenho é menosprezado dentro da engenharia, porém é uma ferramenta imprescindível para o nosso dia a dia. Os desenhos mais antigos de que há conhecimento datam de 12.000 a.c., o desenho precedeu a escrita na comunicação. O povo egípcio, por exemplo, desenvolveu uma escrita baseada em símbolos. O desenho técnico é um tipo particular de desenho, que obedece a regras bem definidas. Serve para comunicar uma idéia ou um conceito de modo único, sem ambigüidade nem significados múltiplos.

Figura 1 – Desenho egípcio, esfinge

Fonte: stoa.usp.br;

FONSECA, Priscila, 16 set.2010

No antigo Egito, o desenho era de grande importância no desenvolvimento das atividades sagradas e cotidianas. Os egípcios desenvolveram três sistemas diferentes de comunicação, a hieroglífica, hierática e a demótica.

1.1. Características de desenho técnico.

1.1.1. As principais diferenças entre o desenho técnico e o desenho artístico

A principal característica do desenho técnico é ser perceptivo e sem ambigüidade na forma como descreve determinado objeto, tendo com finalidade demonstrar com exatidão as formas e dimensões do objeto representado, bem como os aspectos relevantes. Enquanto o desenho artístico, podendo ser chamado de desenho livre pode ter para diferentes indivíduos, várias interpretações do mesmo objeto, destinado apenas para transmitir uma imagem sem grande ênfase na quantificação das dimensões do objeto.

Figura 2 – Desenho técnico Mecânico Figura 3 – Desenho artístico, moinho

Fonte:projectotracadosuniversais.weebly.com Fonte:leonardosantiago.no.comunidades.net

CUNHA, Luís SANTIAGO, 2009

O desenho técnico exige uma linguagem visual própria, onde cada objeto adquire sempre a mesma configuração e rigor, mesmo quando efetuado por pessoas diferentes; Enquanto o desenho artístico varia de acordo com o artista que o desenha.

1.1.2. Representações de desenhos técnicos

Os modos mais utilizados podem ser representações em vistas e perspectivas. A representação perspectiva é utilizada quando o objetivo é ter uma visão espacial e rápida de um determinado objeto, podendo ser comparada a uma fotografia de fácil entendimento, enquanto na representação em vistas é obedecido rigorosamente as normas e permite visualizar imediatamente o objeto representado, tendo como base o conceito de projeção ortogonal portanto a projeção em vistas múltiplas é a mais usadas em engenharia.

1.1.3. Normas utilizadas em desenho técnico

No nível europeu as normas de maior aceitação e aplicação são as Euro-normas (EN), semelhantes, em geral as normas International Organization for Standadization (ISO). No continente americano, as normas American National Standards Institute (ANSI) são as normas de aplicação quase exclusivas. No nível de cada país, existem também organismos ligados à normalização. Em Portugal, por exemplo, o Instituto Português de Qualidade (IPQ) é o organismo responsável pela normalização que produz normas com o prefixo NP, assim como na Inglaterra é o British Standards Institute (BSI), que produz normas com o prefixo BS. Na normalização de elementos de máquinas são muito utilizadas as normas DIN.

1.2. Normas e técnicas de desenho técnico

Os desenhos em papel continuam a ter uma grande importância mesmo com o advento dos modernos programas de CAD, principalmente para fabricação. A Escrita normalizada tem como objetivo a reprodução de desenhos sem perda de qualidade, a legibilidade e a uniformidade. De acordo com o elemento a ser representado, em desenho técnico existe a necessidade de utilizar tipos de linhas diferentes. A norma ISO 128:1982 define 10 tipos de linhas e suas respectivas espessuras, designados pelas letras A a K.

É de responsabilidade do desenhista ou projetista a escolha do formato ou dimensão da folha de papel a ser usada. As folhas de menor dimensão são mais fáceis de manusear, mas obrigam à utilização de escala

...

Baixar como (para membros premium)  txt (18.1 Kb)  
Continuar por mais 11 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com