TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

ESTUDO DIRIGIDO SOBRE AS NOMENCLATURAS DO TORNO

Por:   •  26/3/2020  •  Pesquisas Acadêmicas  •  934 Palavras (4 Páginas)  •  12 Visualizações

Página 1 de 4

CEDTEC

Lázaro Damiani Taquete

ESTUDO DIRIGIDO SOBRE AS NOMENCLATURAS DO TORNO

SERRA

2019

Sumário

Sumário        3

1.        INTRODUÇÃO        4

2.        DESENVOLVIMENTO        5

2.1.        NOMENCLATURAS DO TORNO MECÂNICO        5

1.        Placa        5

2.        CABEÇOTE FIXO        6

3.        CAIXA NORTON        7

4.        CARRO SUPERIOR        7

5.        TORRE PORTA FERRAMENTA        7

6.        CARRO TRANSVERSAL        7

7.        CARRO PRINCIPAL        8

8.        BARRAMENTO        8

9.        CABEÇOTE MÓVEL        9

10.        CONCLUSÃO SOBRE NOMENCLATURAS DO TORNO        10

  1. INTRODUÇÃO

O torno mecânico é uma máquina-ferramenta que permite usinar peças de forma geométrica de revolução. Estas máquinas-ferramenta operam fazendo girar a peça a usinar presa em um cabeçote placa de 3, 4 ou 6 castanhas, ou fixadas entre os contra-pontos de centragem enquanto uma ou diversas ferramentas de corte são pressionadas em um movimento regulável de avanço de encontro à superfície da peça, removendo material, chamado cavaco, de acordo com as condições técnicas adequadas.

  1. DESENVOLVIMENTO
  1. NOMENCLATURAS DO TORNO MECÂNICO

Conforme foi pesquisado no dicionário, “Nomenclatura” significa “Nome por Partes”. Cada parte do torno tem seu nome e sua função durante a operação do equipamento e essas nomenclaturas são:

[pic 1]

  1. Placa

É um componente do torno mecânico que tem funções de fixar o material a ser usinado e efetuar o giro do mesmo.

A placa possui castanhas em pontos equidistantes que auxiliam na prisão e centralização do material, existe placas com três, quatro ou até seis castanhas que são atuados de formas dependentes ou independentes. As castanhas possuem ranhuras que impedem o deslocamento do material, seu deslocamento é provocado pela “Chave da Placa” em direção ao centro da placa.

Algumas placas possui um elemento auxiliar conhecido como “Contra-Ponto”, sua função é facilitar a centralização de peças ou material que já possui furo de centro. Geralmente as placas que possuem contra-pontos, possuem castanhas independentes.

[pic 2][pic 3] [pic 4] [pic 5]

  1. CABEÇOTE FIXO

Componente do torno que possui alavancas de comandos de rotação da placa e avanço dos carros apoiado no barramento. Em seu interior, possui relações de engrenagens e polias, motor elétrico e, além de outros componentes mecânicos, possui o eixo árvore que efetua o giro da placa.

O cabeçote fixo também possui visor de nível óleo lubrificante, botão de emergência de parada imediata, alavanca de acionamento de giro e botões “liga/desiga”.

[pic 6]

  1. CAIXA NORTON

Conforme mostra também na figura acima, esta caixa fica localizada na parte inferior do cabeçote fixo. Nele possui alavancas que permite mudanças e seleções rápidas de velocidades de avanços do carro.

  1. CARRO SUPERIOR

Serve de apoio e “Deslocamento Fino” da porta ferramenta, possui um pequeno manípulo com anel graduado e sua base pode ser articulada afim de efetuar deslocamento em ângulo maior ou menor que 90 graus para fabricação de peças cônicas.

...

Baixar como (para membros premium)  txt (5.9 Kb)   pdf (389.8 Kb)   docx (2.1 Mb)  
Continuar por mais 3 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com