TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

SEGURANÇA NO TRABALHO: UMA ANÁLISE DA CONSCIENTIZAÇÃO DOS COLABORADORES DA FT EMPREENDIMENTOS E CONSTRUÇÕES LTDA QUANTO AO USO DE EQUIPAMENTOS DE PROTEÇÃO INDIVIDUAL

Por:   •  4/8/2015  •  Monografia  •  4.892 Palavras (20 Páginas)  •  427 Visualizações

Página 1 de 20

[pic 1]

NÚCLEO DE PÓS-GRADUAÇÃO

                                       

                                                 

SEGURANÇA NO TRABALHO: UMA ANÁLISE DA CONSCIENTIZAÇÃO DOS COLABORADORES DA FT EMPREENDIMENTOS E CONSTRUÇÕES LTDA QUANTO AO USO DE EQUIPAMENTOS DE PROTEÇÃO INDIVIDUAL

ROSILEIDE LUZ SANTANA

VITÓRIA DA CONQUISTA – BA

2015

ROSILEIDE LUZ SANTANA

SEGURANÇA NO TRABALHO: UMA ANÁLISE DA CONSCIENTIZAÇÃO DOS COLABORADORES DA FT EMPREENDIMENTOS E CONSTRUÇÕES LTDA QUANTO AO USO DE EQUIPAMENTOS DE PROTEÇÃO INDIVIDUAL

Projeto apresentado como requisito parcial para avaliação da disciplina Metodologia da Pesquisa Científica, ministrada pela Professora Verônica Ferraz de Oliveira.

        

VITÓRIA DA CONQUISTA – BA

2015

SEGURANÇA NO TRABALHO: UMA ANÁLISE DA CONSCIENTIZAÇÃO DOS COLABORADORES DA FT EMPREENDIMENTOS E CONSTRUÇÕES LTDA

QUANTO AO USO DE EQUIPAMENTOS DE PROTEÇÃO INDIVIDUAL

ROSILEIDE LUZ SANTANA[1]

RESUMO

Esse trabalho pretende investigar a conscientização dos colaboradores da FT Empreendimentos e Construções LTDA. quanto ao uso dos Equipamentos de Proteção Individual. Tendo como objetivos específicos: (1) analisar a percepção dos colaboradores da empresa sobre a importância do uso dos EPIs; (2) verificar o grau de conhecimento sobre a utilização dos EPIs; (3) checar se são realizados treinamentos para capacitar os funcionários para utilizar os EPIs; (4) descobrir o grau de satisfação em relação às procedimentos de segurança no trabalho.

Para a realização desse estudo foi aplicado questionário como instrumento de pesquisa, procurando evidenciar os pontos de maior relevância para com isso, visualizar qual o grau de importância do uso dos EPIs na organização. Ao término da pesquisa de campo, verificou-se que os colaboradores são conscientes sobre a importância do uso de EPIs, de forma que todos são obrigados a usá-los, sendo exigido por lei, segundo alguns a sua utilização atrapalha por ser de medida padrão para todos. Conclui-se que no ramo de construção civil, deve haver a implantação de uma nova estratégia para adaptar para cada colaborador os EPI’s de acordo com suas necessidades individuais com a finalidade de reduzir a porcentagem de acidentes de trabalho.

Palavras-chave: Acidentes, Conscientização, EPIs, Importância.


ABSTRACT


1 INTRODUÇÃO

No ramo da construção civil, é evidente a necessidade do uso dos EPIs, dessa forma o estudo desse artigo abordará a Segurança do Trabalho, com o objetivo de analisar qual a importância que a organização está dando a esse assunto, bem como a conscientização dos colaboradores, sendo que a mão de obra utilizada pela maior parte da empresa tem função de alta periculosidade.

Em decorrência das transformações impulsionadas pela mecanização do trabalho, faz-se necessário voltar à atenção para assegurar a integridade física do trabalhador. Os acidentes de trabalho causam múltiplos danos às pessoas, através de lesões corporais, interrupção ou diminuição do processo produtivo. A implementação de uma política de segurança nas organizações é de suma importância, pois além de atender às exigências legais, assegura ao trabalhador uma melhor qualidade de vida no trabalho.

Além de ser resguardadas por lei, já foi comprovado por diversos estudos, que em ambientes seguros, há o aumento da produtividade e diminuição de custos e das despesas relacionadas aos afastamentos ocorridos por conta de acidentes de trabalho. Assim, o indivíduo que trabalha com segurança e saúde, tende a cada dia produzir mais e melhor, tornando a empresa mais competitiva diante do mercado. A empresa escolhida como objetivo de estudo foi a FT Empreendimentos e Construções Ltda., em Vitória da Conquista que conta com um total de 50 colaboradores.

Com isso o mundo empresarial deve estar consciente, não prevendo somente a dimensão dos custos, mas nos benefícios que serão acrescentados na sua empresa, com a correta gestão de segurança no trabalho, onde diversos estudos indicam claramente que a eficiência e a rentabilidade estão estreitamente relacionadas com a segurança no trabalho.

O trabalho está estruturado em capítulos que versam sobre a história da segurança do trabalho, leis que regulamentam a segurança no trabalho, acidentes de trabalho e a conscientização sobre o uso de equipamentos de proteção individual.

(REFERENCIAL)

A pesquisa que norteará o presente estudo caracteriza-se por sua natureza, como exploratória através de levantamento de dados, procurando observar, descrever, analisar e correlacionar os dados obtidos, sendo tratados estatisticamente de maneira quantitativa, representada por gráficos e qualitativamente, de acordo com o referencial teórico, a fim de que se faça uma reflexão acerca da temática proposta.

Análise e discussão dos resultados

Conclusão

2 REFERENCIAL TEÓRICO

2.1 História da Segurança do Trabalho

Acerca do contexto histórico da Segurança do Trabalho, Mendes (2014) afirma que:

A história da segurança do trabalho começa com a informação mais antiga sobre a preocupação com a segurança do trabalho que está registrada num documento egípcio. O papiro Anastacius V fala da preservação da saúde e da vida do trabalhador e descreve as condições de trabalho de um pedreiro. Também no Egito, no ano 2360 a.C., uma insurreição geral dos trabalhadores, deflagrada nas minas de cobre, evidenciou ao faraó a necessidade de melhorar as condições de vida dos escravos (MENDES, 2014, p.1).

Este mesmo estudioso afirma que em seguida houve uma abordagem mais centrada no que diz respeito à busca por segurança no ambiente de trabalho, sendo que imperadores de Roma aprofundaram análises sobre a proteção médico legal dos trabalhadores e, em conseguinte, elaborou leis para a proteção dos mesmos, sendo que a primeira medida tomada em relação a este aspecto fora o uso de máscara com o objetivo de evitar que os trabalhadores viessem a respirar poeira metálica.

A segurança e medicina no trabalho, segundo Couto (1995), são entendidas como:

...

Baixar como (para membros premium)  txt (33.3 Kb)   pdf (348.8 Kb)   docx (215.8 Kb)  
Continuar por mais 19 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com