TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

Stress no Trabalho

Por:   •  26/5/2017  •  Projeto de pesquisa  •  1.016 Palavras (5 Páginas)  •  65 Visualizações

Página 1 de 5

  1. PROJETO DE PESQUISA
  2. Iniciação Científica
  1. ESTRESSE NO TRABALHO

GUILHERME DE OLIVEIRA / RA: 2015036

KAIQUE SANTANA / RA: 2014874

TIAGO BARROS / RA: 2014407

VICTOR MELO / RA: 8011938

VINICIUS TRENTINI / RA: 2015473

36 ADA

ADMINISTRAÇÃO DE EMPRESAS

2016


Área: Psicologia

Assunto: Estresse no trabalho.

Justificativa: A decisão de abordar esse assunto foi devido a cada dia mais os colaboradores serem pressionados a produzir mais. Responsabilidade são colocadas em cima de uma pessoa, sobrecarregando mais uns do que os outros, trazendo uma sensação de diferença no colaborador. E para ajudar, com nosso cenário econômico atual, pessoas ficam cada vez mais inseguras e desconfortáveis, fazendo com que isso gere nervosismo, discussões, piora da convivência no ambiente de trabalho e até mesmo em sua vida pessoal, causando problemas para sua saúde. Tudo devido a esse famoso distúrbio psicológico chamado: Estresse. O retorno social que este estudo trará é que com o estresse sendo dosado, fará com que o indivíduo consiga (ou pelo menos tente) conquistar seus objetivos com mais determinação e persistência.

Título: Estresse no ambiente de trabalho.

Introdução: Estresse. Assunto escolhido pois, ele é um item que merece atenção ao falarmos de saúde, bem estar e segurança no trabalho. Muitos estudos vêm sendo realizados na área da saúde, e nos últimos tempos percebe-se o avanço em pesquisas relacionadas com a mente, o emocional e o comportamental, ou seja, o psicológico dos indivíduos. Nota-se que as pessoas estão apresentando sérios problemas de relacionamento consigo próprio e principalmente com os que se encontram ao redor, como família, amigos e companheiros de trabalho. No entanto essa preocupação não está sendo maior somente por parte dos médicos e psicólogos, mas também da população em geral que se depara com pessoas que sofrem de algum distúrbio emocional ou distúrbio de comportamento dentro da própria família.

        Segundo Alves (2000), o estresse é “um estado de tensão no corpo e na mente, resultado de eventos ameaçadores ou ambíguos do mundo exterior ou assim interpretados.”

Para Chiavenato (2016, s/p) “estresse é um conjunto de reações físicas, químicas e mentais de uma pessoa a estímulos ou estressores no ambiente. É uma condição dinâmica, na qual uma pessoa é confrontada com uma oportunidade, restrição ou demanda relacionada com o que ela deseja”.

        Alguns acontecimentos podem nos dar a resposta sobre o estresse nas pessoas hoje em dia. São eles: estresse de perda, de ganho, de insulto ao amor próprio, decisões, de estimulação, mudança, ambiental e de ameaça e segurança. (ALVES, 2000)

Além disso, de acordo com Goldberg (1986), nos últimos anos, a aceleração das mudanças vem contribuindo para provocar nos gerentes uma degradação da saúde mental, levando-os a importantes quadros de estresse. Em decorrência disso, tornam-se vulneráveis a diversos tipos de doenças, como as cardíacas, os distúrbios do sistema imunológico, as manifestações psicológicas diversas, entre outras.

        O profissional de nível gerencial que se insere nessa nova realidade pertence a uma cultura empresarial, onde, as pessoas acabam trabalhando mais intensamente, procurando atingir as metas estabelecidas pela organização, para que com isso possam conseguir o sucesso pessoal e as recompensas materiais. (Cooper, 2005 apud PEREIRA, L.; BRAGA, C., MARQUES, A.)

        O principal problema é que o estabelecimento das metas acabam tendo muitos objetivos que vão além da capacidade de realização do colaborador, isso se associando ao excesso e rigor na cobrança das mesmas, fazendo com que essas metas sejam difíceis de serem realizadas. (PEREIRA, 2005)

Objetivo Geral: Mostrar as medidas de prevenção do estresse, para que todos possam ter um convívio melhor no seu ambiente de trabalho e não enfrentem mais esse estresse diário.

Objetivos Específicos: Apontar os agentes causadores e o impacto do estresse no ambiente de trabalho.

Problema: Devido ao acumulo de funções, responsabilidades, falta de integração aliado a grande carga horaria em alguns casos, cenário econômico atual, acabarão resultando em um grande estresse para o colaborador, o que acabará prejudicando em seu trabalho e interferindo em sua saúde mental e física, sendo prejudicial a todos.

Hipótese: Se ocorrer a divisão de responsabilidades e integração de colaboradores entre si e empresas, então poderá ajudar a minimizar esse problema, pois com o colaborador feliz no seu ambiente de trabalho, nem mesmo o efeito da crise conseguirá deixa-lo estressado.

...

Baixar como (para membros premium)  txt (7.7 Kb)   pdf (118.2 Kb)   docx (29 Kb)  
Continuar por mais 4 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com