TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

Tecnologia no transporte aéreo para agências de turismo

Seminário: Tecnologia no transporte aéreo para agências de turismo. Pesquise 829.000+ trabalhos acadêmicos

Por:   •  11/10/2013  •  Seminário  •  394 Palavras (2 Páginas)  •  461 Visualizações

Página 1 de 2

AMT 6

A partir da palestra “Tecnologia no transporte aéreo para agências de turismo”, foi possível constatar que nos “bastidores” da compra de uma passagem aérea, existem vários envolvidos, conforme abaixo:

CLIENTE -> AGÊNCIA -> CONSOLIDADOR -> CIA AÉREA

A palestra ele explico surgimento da aviação comercial que foi a BOAC também comento da primeira agência de viagem que foi fundada pelo Tomas Cook a onde existiam reservas e emissões a moda antigas. Sobre o IATA que rege todas as companhias aéreas, embora sendo uma associação(organização) não governamental(ONG) criada para cooperar com a Organização da Aviação Civil Internacional e regular o transporte aéreo internacional operado pelos seus membros, objetivando segurança, economia e eficiência, tem, na realidade, efetiva participação governamental visto que, muitas empresas membros serem empresas governamentais, como, entre outras, as empresas aéreas designadas para operara os serviços aéreos internacionais de Portugal, Espanha, França, Reino Unido, Itália, Holanda, Países Escandinavos(SAS), Áustria, Polônia, Bélgica, Suiça, grupo de Países Africanos(AIR AFRIQUE), Austrália, Filipinas, Perú, Colômbia, México e Argentina, resultando um domínio indireto dos governos na política e decisões tomadas pela IATA. A fixação das tarifas aéreas internacionais e a aprovação de outras Resoluções de Tráfego de aplicação obrigatória entre as empresas membros, decorriam do critério da unanimidade, procedimento que assegurava o direito de veto a qualquer membro que se julgasse prejudicado e resultando para aprovação das tarifas aéreas internacionais e demais Resoluções de Tráfego exigir uma ampla negociação entre os membros da IATA.

E o fim do bilhete físico e sobre os canais de distribuidor sabre, Galileo, worldspam, Amadeo são os únicos que podem permitir aos agentes de viagens em todo o mundo a visualização da sua oferta nas respectivas bases de dados profissionais.

Até ai os clientes contatava as agências e por esses canais elas conseguiam verifica os destinos e horários disponíveis de todas as companhias assim agências estavam em contado reservavam as passagens e repassava para ao clientes. Após o surgimento dos consoliadores que são representantes da cias aéreas elas lidam com várias ao mesmo tempo facilitando assim o funcionamento das agências como a Gap connet que desenvolveu um novo sistema bem mais prático e fácil ajudando ainda mais pois oferece todos os horários destinos e cias, assim as agências só repassando para os clientes

...

Baixar como (para membros premium)  txt (2.6 Kb)  
Continuar por mais 1 página »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com