TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

ESTUDOS ALIMENTARES DO CAMARÃO MARINHO Litopenaeus Vannamei (Boone 1931) E AS RELAÇÕES COM SEU CRESCIMENTO E DESENVOLVIMENTO

Por:   •  24/2/2014  •  2.423 Palavras (10 Páginas)  •  283 Visualizações

Página 1 de 10

PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DO PARANÁ

CENTRO DE CIÊNCIAS BIOLÓGICAS E DA SAÚDE

CURSO DE BACHARELADO EM BIOLOGIA

ESTUDOS ALIMENTARES DO CAMARÃO MARINHO Litopenaeus vannamei (Boone 1931) E AS RELAÇÕES COM SEU CRESCIMENTO E DESENVOLVIMENTO

Ricardo Vinícius Brauer

ORIENTADOR: Javier Alfonso Ganoza Macchiavello

(LARVISUL)

CURITIBA

MAIO/2004

SUMÁRIO

1 INTRODUÇÃO 1

2 OBJETIVOS 7

3 MATERIAL E MÉTODOS 8

4 ORÇAMENTO E CONTRA-PARTIDA 9

5 CRONOGRAMA 10

6 REFERÊNCIAS 11

1 INTRODUÇÃO

Sabe-se que a terra é coberta em aproximadamente ¾ de água, sendo que mais de 90% são de água salgada. Este ambiente é muito propício para o desenvolvimento das mais variadas formas animais e vegetais, sendo que estes organismos marinhos, são de uma importância muito grande para o homem. Pois muitas comunidades litorâneas obtêm sua renda do extrativismo animal (pesca); entretanto, estes recursos são esgotáveis. Por isso o homem teve que encontrar meios de continuar obtendo alguns destes organismos; a partir daí, começou a aplicar o conceito de aqüicultura, que consiste do cultivo de determinados animais e vegetais de interesse econômico (BOYD & TUCKER, 1992).

A aqüicultura é um dos sistemas de produção de alimentos que mais rapidamente se desenvolve no mundo, com uma taxa de crescimento de 9,6% ao ano durante a última década (ROCHA & MAIA, 1998). A importância do aumento da produção global da aqüicultura está diretamente relacionada à contribuição que o sistema oferece para diminuir a diferença entre a oferta e a demanda de pescados e derivados. A aqüicultura comercial contribui de forma significativa para as economias dos principais paises produtores, para os quais as espécies de maior valor comercial são de grande importância para a sua economia (MORAIS, 2002).

Dentro da aqüicultura, a carcinicultura é o segmento mais bem sucedido, tendo se tornado uma atividade economicamente viável a partir de meados da década de 80 (MORAIS, 2002). Segundo dados da ABCC (Associação Brasileira de Produtores de Camarão) a produção de camarão no mundo aumentou cerca de 332% no período de 1985 a 1994; entre os maiores produtores encontram-se a Tailândia, Equador, Indonésia, Índia e China. Esta tabela demonstra bem distribuição da produção de camarão do mundo no ano de 2002:

Tabela Sobre a Produção Mundial de Camarão Cultivado – 2002

SUMÁRIO

PERCENTUAL

DA PRODUÇÃO PRODUÇÃO

(toneladas) ÁREA EM PRODUÇÃO

( (HECTARES)

PRODUTIVIDADE (Kg/há/ano)

1 – HEMISFÉRIO ORIENTAL

Tailândia 33,3 250.000 100.000 2.500

Índia 10,6 80.000 130.000 38

Indonésia 11,3 85.000 300.000 283

China 11,3 85.000 150.000 615

Bangladesh 6,0 45.000 60.000 750

Vietnã 4,6 35.000 180.000 194

Filipinas 2,6 20.000 50.000 400

Taiwan 1,3 10.000 3.000 3.300

Irã 0,6 4.500 2.500 1.800

Madagascar 0,4 3.000 1.060 2.830

Austrália 0,2 1.870 518 3.583

N. Caledônia 0,2 1.850 444 4.074

Outros 17,6 128.780 100.000 500

Sub-Total

...

Baixar como (para membros premium)  txt (12.6 Kb)  
Continuar por mais 9 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com