TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

Fatores Humanos e Aspecto da Medicina Aeroespacial

Por:   •  8/8/2018  •  Trabalho acadêmico  •  403 Palavras (2 Páginas)  •  23 Visualizações

Página 1 de 2

Universidade do Sul de Santa Catarina – Unisul

Campus Virtual

Avaliação a Distância

Unidade de aprendizagem: Fatores Humanos e Aspectos de Medicina Aeroespacial

Curso: Ciências Aeronáuticas

Professor: Guilherme Webster

Nome do estudante:

Data:

Orientações:

§ Procure o professor sempre que tiver dúvidas.

§ Entregue a atividade no prazo estipulado.

§ Esta atividade é obrigatória e fará parte da sua média final.

§ Encaminhe a atividade via Espaço UnisulVirtual de Aprendizagem (EVA).

Questão 1 (5,0 pontos)

Comente sobre a importância do primeiro e segundos equivalentes espaciais no que se refere aos efeitos sobre o corpo humano (descreva em no máximo 10 linhas).

O corpo humano não iria resistir vivo além de poucos segundos acima de 39000 pés que é o primeiro equivalente espacial, seria necessário o uso de um traje pressurizado para manter a temperatura e a pressão de oxigênio nessa altitude não bastando apenas administrar o oxigênio pra abaixar o quadro de hipóxia, a pressão atmosférica zero iria fazer uma pressão interna grande no corpo humano, afetaria a respiração devido não somente a falta de oxigênio, mas a sua baixa pressão parcial tambem.No segundo equivalente espacial que se situa em 62000 e 63500 pés os líquidos do corpo iriam ferver rapidamente porque a agua do corpo ferveria a 37°C nesse ambiente e não a 100°C, enquanto que as células do cérebro começariam a ter problemas com a visão, inconsciências e convulsões devido à falta o oxigênio nelas.

Questão 2 (5,0 pontos)

Há 4 assertivas abaixo, que podem estar corretas ou não. Leia estas assertivas e responda se a mesma está correta ou não. Caso esteja incorreta, corrija a informação.

a) Está errada. Em situações de aumento de pressão atmosférica, como em

descida durante o mergulho ou decolagem de avião, o volume de ar da orelha

média diminui necessitando de abertura ativa da tuba auditiva para compensação pressórica.

Corrigida: Em situações de aumento de pressão atmosférica, como em descida durante o mergulho ou aterrissagem do avião, o volume de ar da orelha média diminui necessitando de abertura ativa da tuba auditiva

...

Baixar como (para membros premium)  txt (2.7 Kb)   pdf (42.6 Kb)   docx (11.7 Kb)  
Continuar por mais 1 página »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com