TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

"Inserção Dos Portadores De Deficiência Física" - Um Estudo Comparativo Sobre O Que Tem Sido Feito Pela Fiesp, CUT E Força Sindical Sobre O Tema, E A Lei 6297/75

Por:   •  11/7/2013  •  5.206 Palavras (21 Páginas)  •  541 Visualizações

Página 1 de 21

UMESP - UNIVERSIDADE METODISTA DO ESTADO DE SÃO PAULO

Mestrado em Administração

Gestão de Recursos Humanos

Autor:

MARCIA DA SILVA

Tema Paper:

“Inserção dos Portadores de Deficiência Física” – Um estudo comparativo sobre o que tem sido feito pela Fiesp, CUT e Força Sindical sobre o tema, e a Lei 6297/75

São Paulo – Julho/2008

I. INTRODUÇÃO............................................................................................................................. 03

II – ORIGENS, EVOLUÇÃO E IMPORTÂNCIA DOS SINDICATOS........................................ 04

III – A FORMAÇÃO DA CLASSE OPERÁRIA NO BRASIL ................................................ 05

IV - FIESP, UM PROJETO PARA O BRASIL.............................................................................06

V - SESI.........................................................................................................................................07

VI – SENAI................................................................................................................................... 07

VII – A FORÇA SINDICAL......................................................................................................... 09

VIII - O SENAI E OS PORTADORES DE NECESSIDADES ESPECIAIS (PNEs).................11

IX - A FORÇA SINDICAL E OS DEFICIENTES.........................................................14

X - ALGUNS AVANÇOS, CASO FEQUIMFAR................................................................... 15

XI – LEI Nº 6297 – DE 15 DE DEZEMBRO DE 1975 – DOU DE 16/12/75............................ 18

XII – CONCLUSÃO....................................................................................................................20

BIBLIOGRAFIA........................................................................................................................... 21

I - INTRODUÇÃO

Este artigo tem como objetivo principal mostrar a trajetória do movimento sindical brasileiro e em como ele tem contribuído para a inclusão do Portador de Deficiência no mercado de trabalho. Para a sua elaboração foram utilizadas obras teóricas sobre a literatura existente sobre o sindicalismo e também uma comparação sobre entidades representativas como a Fiesp, CUT e Força Sindical, órgãos esses que estão intimamente ligados aos trabalhadores e aos empresários. Nesse contexto o trabalho também procura mostrar se a Lei 6297/75 que tratava da redução de impostos para as empresas que investiam em treinamentos poderia ser hoje de ajuda no que diz respeito a treinamentos de Portadores de Deficiência. O trabalho evidencia as características fundamentais do sindicalismo, como também os fundamentos desses órgãos constituídos. Mostra a atual situação que se encontram tanto dos trabalhadores, os portadores de deficiência e os Empresários.

II – ORIGENS, EVOLUÇÃO E IMPORTÂNCIA DOS SINDICATOS

Em meados do século XVIII a sociedade capitalista encontrou plenas condições para a sua expansão. As máquinas estavam substituindo a produção artesanal e manufatureira, consolidando o capitalismo, que ingressava na fase industrial. A concorrência que os fabricantes capitalistas faziam entre si, tornou o maquinismo uma lei imperativa para se alcançar melhores lucros.

Toda essa evolução industrial, onde a utilização de máquinas cada vez mais avançadas, deixou sem trabalho um grande número de operários. Essa mão de obra excedente, fortaleceu ainda mais o capitalista

...

Baixar como (para membros premium)  txt (35.8 Kb)  
Continuar por mais 20 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com