TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

Iniciaçao A Filosofia

Por:   •  20/11/2014  •  1.107 Palavras (5 Páginas)  •  963 Visualizações

Página 1 de 5

QUESTOES PÁG. 269

1.Explique o que é o senso moral. De alguns exemplos.

O senso moral é o conjunto de hábitos e costumes de determinados grupos sociais.Ex. Casar virgem, Senhoras não usarem mini-saia, não comer carne etc...

2.Explique o que é a conscinecia moral. De alguns exemplos.

seria o consciente de cada um que formamos devido as influencias da sociedade que estamos sujeitos. Cada um possui sua consciência moral já formada que pode-se alterar com o decorrer do tempo, caso sofra infulencia da sociedade em que vivemos.Ex.: Alguém lhe chama p/ roubar ou algo do tipo, caso você seja uma pessoa "direita" logo você não aceitaria & discordaria, etc.

3. A que se referem o senso moral e a consciencia moral?

-Então tanto o senso moral como a consciência moral..

referes a valores que o individuo deve seguir..

como esperito de (justiça, honra, integridade e generosidade)..

4. Qual o principal pressuposto do senso moral? Por que?

Jesus Cristo porque com os seus ensinamentos tudo isso que você falou você encontra nele.

5. Que é um juío de fato? De exemplos.

Juízos de fato são aqueles que dizem o que as coisas são, como são e por que são. EX: O aço é um metal;

O hidrogênio é um elemento químico;

O revólver é uma arma.

O panela é um utensílio doméstico.

6. Que é um juío de valor? De exemplos.

Juízos de valor avaliam coisas, pessoas, ações, experiências, acontecimentos, sentimentos, estados de espírito, intenções e decisões como bons ou maus, desejáveis ou indesejáveis. Ex: lua é bela.

Discussões são ruins.

Os ricos são medíocres.

Os políticos são corruptos.

Os negros são inferiores.

7. Explique o que é a natruralizaçao da vida moral. Por que ela acontece?

A naturalização da vida moral ocorre quando não notamos a origem cultural dos valores

morais, do senso moral e da consciência moral porque somos educados para eles e neles,

como se fossem naturais ou fáticos, existentes em si por si mesmos. Isso acontece porque,

para garantir a manutenção dos padrões morais através do tempo e sua continuidade de

geração a geração, as sociedades tendem a naturalizá-los, isto é, a fazer com que sejam

seguidos e respeitados como se fosse uma segunda natureza.

8. Apesar das diferenças culturais e históricas a respeito da violencia, que definiçao geral podemos dar de violencia,válida em todas as culturas?

Fundamentalmente, a violência é percebida como exercício da força físisca e da coação psíquica para obrigar alguém a fazer alguma coisa contrária aos seus interesses e desejos, contrária ao seu corpo e à sua consciência, causando-lhes danos profundos e irreparáveis como a morte, a loucura, a auto-agressão ou a agressão aos outros.

9. Quais os princpais aspectos do que nossa cultura e sociedade entendem por violecia?

Em nossa cultura a violência é entendida como violação da integridade física e psíquica, profanação das coisas sagradas e a discriminação social e política de pessoas por causa de suas crenças.

10. Explique a diferença entre passividade e atividade.

Passivo é aquele que se deixa governar e arrastar por seus impulsos, inclinaçoes e paixoes, pelas circunstancias. Ao contrário,ativo é aquele que controla interiormente seus impulsos, suas inclinaçoes e paixoes, avalia sua capacidade para dar a sí mesmo as regras de conduta.

11. Apesar das diferenças culturais, o que todas as culturas consideram que seja a virtude?

A virtude é constituída pelos valores e pelas obrigações que formam o conteúdo das condutas morais.

QUESTOES PÁG. 284

1. Considerando-se os dois sentidos da palavra grega ÉTHOS,quando nasce a Filosofia moral ou a disciplina filosófica denominada ética?

...

Baixar como (para membros premium)  txt (7.3 Kb)  
Continuar por mais 4 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com