TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

"EDUCAÇÃO PARA A AUTONOMIA" OFERTA DE POLÍTICA PEDAGÓGICA

Por:   •  3/9/2014  •  Projeto de pesquisa  •  2.014 Palavras (9 Páginas)  •  394 Visualizações

Página 1 de 9

PREFEITURA MUNICIPAL DE GRAJAÚ – MA

SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO

ESCOLA MUNICIPAL LOSÉ RODRIGUES DA COSTA

“EDUCANDO PARA A AUTONOMIA”

PROPOSTA POLÍTICA PEDAGÓGICA

GRAJAÚ-MA

2012

APRESENTAÇÃO

O Projeto Político Pedagógico – PPP, é uma construção coletiva a partir de demandas reais apontados por professores, alunos, pais, diretores e comunidade em geral. Nesse processo, a escola constrói autonomia e ganha segurança para alcançar seus objetivos para enfrentar os desafios postos pela sociedade.

Portanto, o Projeto Político Pedagógico – PPP, é o desejo, o plano de melhorias de mudanças de uma realidade. Essa realidade configura-se no trabalho pedagógico que se realiza diariamente nas aulas, no currículo, na metodologia, no processo de avaliação, na forma de participação dos pais, nas relações interpessoais, na concepção de educação que a escola defende, na coordenação pedagógica praticada, na forma de gestão implementada. Enfim, todas as ações desenvolvidas na escola, tendo em vista o processo de ensino aprendeizagem.

IDENTIFICAÇÃO

1.1. Escola Municipal José Rodrigues da Costa

1.2. Endereço: Rua José Rodrigues da Costa, s/n – Bairro – Canoeiro – Grajaú – MA

1.3. Órgão Mantenedor: Mantido pela prefeitura Municipal de Grajaú através da Secretaria Municipal de Educação – SEMED

1.4. Secretaria municipal de Educação – SEMED

A Escola oferece o Ensino Fundamental de 1º ano a 8ª série, sendo a modalidade de Ensino Fundamental de oito e nove anos.

1.5. Aspectos legais da fundação da escola

O Ensino Fundamental da Escola Municipal José Rodrigues da Costa, encontra-se devidamente autorizado e reconhecido pelo Conselho Municipal de Educação de Grajaú –MA, emitido no processo nº 12- CME, podendo, portanto, garantir a continuidade legal da vida escolar do educando.

1.6. Aspectos físicos

Situa-se na Rua José Rodrigues da Costa com a Rua Humberto de Campos no bairro Canoeiro com construção em terreno próprio, sendo em um só pavimento, assim distribuída:

• Uma (01) diretoria;

• Uma ( 01) cantina;

• Uma (01) despensa;

• Uma (01) sala para professores;

• Um (01) depósito;

• Quatro (04) banheiros femininos;

• Quatro (04) banheiros masculinos;

• Dois (02) banheiros para servidores;

• Nove (09) salas de aula;

• Um (01) laboratório de informática;

• Uma m(01) quadra poliesportiva.

1.7. Órgão de representação comunitária

• Conselho escolar:

Os membros são escolhidos em eleição entre os integrantes e a comunidade escolar, com a finalidade de contribuir com a gestão democrática, como princípio consagrado pela Constituição Federal de 1988. Onde fomenta que todos os seguimentos da comunidade escolar devem participar do processo de decisão dos assuntos que demanda para melhorias no processo de ensino-aprendizagem.

• Membros do Conselho Escolar:

Representantes de pais – Titulares: Laudecir Souza da Solidade e Evandina Gomes Miranda Barros. Suplentes: Solange Oliveira da Silva. Representantes dos professores: Aldenora dos Santos Marque e Celane de Almeida Nascimento. Suplente: Lécio Dayan Cortez Santos. Representante de servidores titulares: Mariuza Maria de Jesus Santos e Maria Elda S. Martins. Suplentes: Maria Raimunda Martins Ferreira da Silva. Representante de alunos: Titulares- Alice da Silva Sousa e Lucas Ferreira da Silva. Suplentes: Elaine de Sousa Silva.

1.8. Recursos Financeiros: Caixa Escolar

1.8.1. Pessoal de apoio:

• Diretoria:

...

Baixar como (para membros premium)  txt (15.3 Kb)  
Continuar por mais 8 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com