TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

Analise- filme guerra de fogo

Por:   •  17/5/2015  •  Trabalho acadêmico  •  444 Palavras (2 Páginas)  •  1.196 Visualizações

Página 1 de 2

 

Data: 10/10/2014        Disciplina: Psicologia

Nome: Leocimar Garcia, Mônica Ghidin, Sabrina Rocha Padilha

A GUERRA DO FOGO

        Filme de 1981, direção de Jean – Jacques Annaud. Retrata a vida do homem pré histórico no momento que se da a descoberta do fogo, destacando suas relações e sua estrutura, retratando a comunicação por códigos e expressões corporais anteriores ao uso da linguagem habitual; possibilitando observar hábitos e formas de aquisição e desenvolvimento do conhecimento, neste contexto evidenciando o relacionamento inter e entre grupos.

        Em um ambiente não se estabelece relação de família, não se distingue grau de parentesco, as relações sexuais se definem a partir do instinto masculino. Entre eles o indivíduo mais forte é responsável pela proteção do grupo e busca do fogo em caso de ausência, pois, o conhecimento se restringe a manutenção do mesmo, e não o desenvolvimento, necessário para a sobrevivência como fonte de calor e para afugentar animais ferozes. Em outro conjunto a formulação se assemelha, exceto o canibalismo comum a estes integrantes. Em uma terceira estrutura os componentes mais fortes fisicamente tem a responsabilidade pela procriação e continuidade da espécie, as relações se estabelecem com demonstrações de carinho e o vinculo familiar já é definido; já demonstram clareza no que diz respeito a formulação do fogo, deixando de ser motivo de disputa verificado até então, instrução a respeito do desenvolvimento de utensílios, cozimento dos alimentos e até mesmo pinturas corporais como forma de expressão. Em nenhum ambiente apresenta – se linguagem desenvolvida, a comunicação se estabelece a partir de gestos corporais e ruídos expressados através da cavidade bucal. As poucas vestes se davam através de peles de animais, fica evidente um dos principais desafios presente em todas as estruturas, o ambiental. O conhecimento se da a partir da observação de seres mais evoluídos. Ser nômade é a característica que prevalece em todas as organizações descritas, levadas pelo fator alimentação, que baseava – se em folhas, frutos, raízes e caça, não se conhece a produção da subsistência até este instante.

        .A relação com indivíduos de mesmo grupo é de proteção, entre outros geralmente de confronto exceto grupos mais evoluídos onde esta já se efetiva brevemente. Se compararmos situações de confronto presentes na sociedade primitiva com a sociedade moderna este ainda se apresenta em alguns ambientes mesmo que indiretamente, pois, a busca por espaço é constante e cada qual reage de acordo com sua bagagem histórica. Mesmo com linguagem desenvolvida entre tantos outros aspectos, o desenvolvimento não culmina seu ápice pois é um fator constante.

...

Baixar como (para membros premium)  txt (2.8 Kb)   pdf (49.6 Kb)   docx (11.2 Kb)  
Continuar por mais 1 página »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com