TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

Projeto de Intervenção Familiar

Por:   •  15/12/2018  •  Trabalho acadêmico  •  3.066 Palavras (13 Páginas)  •  29 Visualizações

Página 1 de 13

[pic 1]

      Ana Rita Fernandes, nº38043

Maria João Dias, nº36841

Mariana Ribeiro, nº38318

[pic 2]

Índice

Introdução        3

Educação Parental        4

   Evolução do conceito de Educação Parental        4

Ser Família – Construção, implementação e avaliação de um programa de Educação Parental        5

    Fundamentação Teórica        5

   Objetivos gerais do programa        5

Implementação do Projeto Ser Família        6

   Público-alvo        6

   Atividades desenvolvidas no projeto        7

   Princípios de Atuação/ Questões Éticas        9

Avaliação do Projeto Ser Família        10

   Apresentação e Discussão dos resultados do projeto        10

Conclusão        11

Referências Bibliográficas        12

Webgrafia        13


Introdução

No âmbito da Unidade Curricular de Pedagogia e Intervenção Familiar, lecionada pela professora doutora Lénia Carvalhais, foi-nos proposto um trabalho sobre o âmbito da educação parental. O nosso grupo escolheu uma dissertação da Universidade do Minho, da Faculdade de Psicologia e Educação, no âmbito da educação parental – “Ser Família, Construção, implementação e avaliação de um programa de Educação Parental”

Este projeto tem como objetivo dar uma resposta de intervenção, tendo por base as necessidades avaliadas no âmbito de um trabalho de intervenção comunitária, com famílias carenciadas a nível económico.

De acordo com Fine, em 1989 a educação parental engloba diversos programas e serviços de caracter público e privado, disponibilizados a progenitores, seja qual foi o nível de formação, económicos e a crianças com necessidades educativas especiais ou não.

O projeto “Ser Família, Construção, implementação e avaliação de uma Educação Parental” possui de doze sessões que depois são avaliadas através de abordagens qualitativas e quantitativas, como por exemplo entrevistas e questionários fechados.

O nosso trabalho passa uma análise crítica e fundamentada sobre os pressupostos da educação parental, assim como enquadramento teórico das atividades do programa que escolhemos, as dinâmicas, o seu objetivo e o público-alvo. Deverá ser salientado e sua eficácia e a sua posição quanto a estudos de eficácia existentes, nomeadamente as limitações do programa parental.

Por fim, o nosso trabalho terá uma breve conclusão sobre a educação parental, a nossa opinião fundamentada do mesmo, que ponto de situação devera continuar os projetos escolhidos e se o mesmo projeto necessita de alterações.


Educação Parental

Evolução do Conceito 

É fundamental fazer uma breve explicação sobre como é que o conceito de Educação Parental surgiu e como é que o mesmo foi evoluindo. Assim Fine (1989) afirma que Educação Parental é um conceito muito complexo e multifacetado, no sentido em que podem abranger diversas áreas, ao nível do setor público e privado, bem como pais com estatutos socioeconómicos bastante diferentes. Neste sentido é importante que a concetualização da Educação Parental implique “que as intervenções em causa estejam inseridas no quadro mais alargado do funcionamento saudável da família, não se restringindo à prestação de cuidados e às competências parentais” (Ribeiro, 2003, p.5). Estas intervenções devem ser feitas para que toda a família esteja englobada e não apenas capacitar os pais para práticas de educação saudáveis.

De ressalvar que este conceito, apesar de estar muito em voga, não é algo bastante recente, ou seja já existem programas e estratégias implementados e dirigidos às famílias e aos pais, no sentido de capacitar as suas competências. (Goodyear & Rubovits, 1982; Fine & Henry, 1989).

Foi entre o século XIX e o século XX (Jalongo, 2002), e principalmente nos Estados Unidos da América que o conceito de Educação Parental começa a ter uma maior expansão ao nível do desenvolvimento e, assim, começa a surgir grande parte da bibliografia utilizada no domínio da intervenção. Assim no decorrer do século XX, diversas instituições foram abraçando o que se designa hoje de National Congress of Parents and Teachers. Com a criação deste organismo o governo pretendeu com que houvesse uma efetivação de condições, no sentido de ajudar os pais na educação dos seus filhos com a disponibilização de métodos e estratégias.

...

Baixar como (para membros premium)  txt (21.1 Kb)   pdf (226.9 Kb)   docx (32.3 Kb)  
Continuar por mais 12 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com