TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

ATIVIDADES COMPLEMENTARES ZOOLOGIA DOS INVERTEBRADOS

Por:   •  7/10/2019  •  Exam  •  5.808 Palavras (24 Páginas)  •  4 Visualizações

Página 1 de 24

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO

SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA GOIANO

LICENCIATURA EM CIÊNCIAS BIOLÓGICAS

ATIVIDADES COMPLEMENTARES ZOOLOGIA DOS INVERTEBRADOS I[pic 1]

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO[pic 2]

SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA GOIANO

LICENCIATURA EM CIÊNCIAS BIOLÓGICAS

ATIVIDADES COMPLEMENTARES ZOOLOGIA DOS INVERTEBRADOS I

CAPITULO 9

1) Níveis de organização:

1- Grado protoplasmático de organização: Encontrado em organismos unicelulares. Suas funções são limitadas a uma única, nessa célula ele é diferenciado em organelas que exercem funções especializadas.

  1.  Grado celular de organização: Um agregado de células com funções diferentes. Essas células estão envolvidas na reprodução e outras na nutrição. Elas tem tendência a tornarem-se organizadas em tecidos.
  2.  Grado celular-tissular de organização: Organização de células definidos de camadas, se tornando um tecido. Estão no grupo de organização porque a maioria das células estão desagregadas e não organizadas em tecidos.
  3.  Grado tissular-organogênico de organização: Ocorre em órgãos bem definidos, que são geralmente compostas com mais de um tipo tecido e possuem função especializada.
  4.  Grado organogênico-sistemático de organização: o sistema mais elevado de órgãos estão associados com as funções corpóreas básicas – circulação, respiração, digestão e outras.
  1. Porque ao passo que os animais se tornam maiores, sua superfície aumenta mais lentamente queo volume do corpo, porque área de superfície aumenta em função do quadrado do comprimento do corpo, enquanto o volume aumenta em função do cubo do comprimento do corpo, ou seja, um determinado comprimento, portanto seria inevitável se essa complexidade não aumente junto ao tamanho do corpo.
  2. O parênquima é derivado de um ingressão de células ectodérmicas da superfície geral do embriãoem seu estágio precoce. Em alguns acelomados, elas são corpos de células musculares.

Estroma é a porção que realiza a sustentação do órgão constituído por tecido conjuntivo que existe em volta e entre as porções secretoras e os ductos.

  1. Estão divididos em dois compartimentos, os que ocupam o espaço intracelular e os que ocupam oextracelular. Em animais com sistemas vasculares fechados, os fluidos extracelulares são ainda subdivididos em plasma sanguíneo e fluido intersticial. Em animais com sistema sanguíneo aberto, porém sem uma separação verdadeira entre o plasma sanguíneo e o fluido intersticial.
  2. Tecido epitelial, conjuntivo, muscular e nervoso.
  3. Os epitélios simples são encontrados em todos os metazoários, enquanto os epitélios estratificados são normalmente restritos aos vertebrados. O epitélio estratificado consiste em duas ou várias camadas de células adaptadas para resistência moderada. A camada basal de células sofre divisão mitótica contínua, produzindo células que são empurradas em direção a superfície, onde são trocadas e repostas por novas células, que faz com que esse epitélio revista a cavidade oral, esôfago e vagina.
  4. É composto de poucas células, uma grande maioria de fibras extracelulares e uma substânciafundamental chamada matriz. Tecido conjuntivo frouxo composto por fibras e células fixas e errantes suspensas em uma substância fundamental gelatinosa. Tecido conjuntivo denso como tendões e ligamentos compostos em grande parte de fibras densamente acumuladas.
  5. Músculo liso: encontrado tanto em invertebrados como em vertebrados. É mais comum em invertebrados, nas quais atua na musculatura da parede corporal e fossa dutos e esfincteres. Músculo esquelético: encontrado em invertebrados e vertebrados. É chamado de músculo voluntário porque se contrai quando estimulado por nervos sob controle cerebral consciente. Compostos de fibras cilíndricas extremamente longas.

Músculo cardíaco: encontrado apenas no coração dos vertebrados. As células são muito menores que as do músculo esquelético e possuem apenas um núcleo por células. É considerado um músculo involuntário porque ele não requer atividade nervosa para estímulo da contração.

  1. Neurônio célula nervosa que forma o tecido nervoso. É considerado a unidade básica da estruturatanto do cérebro quanto do sistema nervoso. Tem como características únicas dessas células a capacidade de gerar e conduzir impulsos, não mantém funções reprodutivas, não possuem ribossomos, por isso não sintetizam proteínas, elas são sintetizadas no corpo celular.

10)

(c) unicelular;

(e) agregador de células;

(d) saco de fundo cego, acelomado; (a) tubo-dentro-de-tubo, pseudocelomado; (b) tubo-dentro-de-tubo, eucelomado.

...

Baixar como (para membros premium)  txt (39.4 Kb)   pdf (142 Kb)   docx (36.7 Kb)  
Continuar por mais 23 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com