TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

ENGENHARIA DO PRODUTO NA EMPRESA ROMA DUCK COMERCIO DE MAQUINAS: ESTÁGIO SUPERVISIONADO OBRIGATÓRIO

Por:   •  11/9/2020  •  Trabalho acadêmico  •  1.431 Palavras (6 Páginas)  •  8 Visualizações

Página 1 de 6

ENGENHARIA DO PRODUTO NA EMPRESA ROMA DUCK COMERCIO DE MAQUINAS: ESTÁGIO SUPERVISIONADO OBRIGATÓRIO

Sidnei Fernandes de Oliveira (Mater Dei) sidneifernandes34@gmail.com

Resumo

O presente Estágio Supervisionado Obrigatório, foi realizado na empresa Roma Duck Comercio de Maquinas, objetivou acompanhar as atividades de gestão de inovação. A fundamentação teórica apresentou os fundamentos da gestão da inovação relatando os seguintes pontos: inovação; inovação tecnológica; estratégia de inovação; topos de inovação; gestão de inovação. O Estágio Supervisionado Obrigatório permitiu aprofundar o conhecimento na área de Engenharia do Produto. Observou-se que a empresa em estudo tem investido nessa are para garantir sua competividade no mercado, a empresa deve procurar se atualizar para não entrar em processo de estagnação e perder o que já conquistou.

Palavras-chave: inovação; inovação tecnológica; estratégia de inovação.

Introdução

O aumento, integração e aprimoramento de conhecimentos através O Estágio Supervisionado Obrigatório do Curso de Bacharelado em Engenharia de Produção, como parte integrante do currículo, visa integrar e consolidar os conhecimentos adquiridos no curso através da participação do acadêmico em situações de trabalho e vivência no meio profissional.

O presente trabalho, além de atender um dos requisitos para obtenção do título de Bacharel em Engenharia de Produção da Faculdade Mater Dei, visa a realização de atividades práticas em ambientes de trabalho do profissional de Engenharia de Produção, oportunizando da aplicação dos mesmos. A modalidade e área de conhecimento escolhida para a realização do Estagio Supervisionado Obrigatório é engenharia do produto.

Fundamentação Teórica

Desenvolvimento do produto consiste em um conjunto de fatores que demando da necessidade de mercado, que através das possibilidade e restrições tecnológicas para chegar nas especificações do projeto de um produto, até o processo de produção AMARAL et al (2006).

Amaral et al (2006) ao discutir o desenvolvimento do produto é considerado um processo cada vez mais crítico para a competividade das empresas que buscam a todo o momento desenvolver um produto que atenda às necessidades de seus consumidores.

Falvo e Silva (2008), em sua conclusão afirmam que o desenvolvimento de produto tem se tornado um processo chave para o desenvolvimento competitivo das empresa nos dias de hoje, para isso é necessário ter uma estruturação e organização da empresa para atender as necessidades do mercado.  

Com as mudanças e o ambiente cada vez mais competitivo exige do processo de desenvolvimento de produto estejam preparado em habilidade e competência, para autuar com flexibilidade e dinamismo perante as mudanças do produto que o mercado exige (AMARAL et al 2006).

Falvo e Silva (2008), Com um modelo de referência pode-se melhorar o gerenciamento do processo, o trabalho em equipe, facilitar o desenvolvimento de produto dentro de uma rede de empresas, e facilitar a implantação e integração de métodos, técnicas e sistemas de apoio ao desenvolvimento de produtos.

Assim, um dos principais fatores para o sucesso do processo de desenvolvimento de produtos é o entendimento comum entre todos os envolvidos neste processo, desde os estágios iniciais do planejamento estratégico dos produtos a serem desenvolvidos até a comercialização do novo produto, passando pelo projeto e produção (Falvo e Silva 2008).

A primeira faze da preparação da produção segundo os autores, Amaral et al 2006, que ao discutir inferem que engloba a produção do lote piloto, a definição dos processos de produção, e a manutenção. A segunda faze de lançamento já envolve o desenho do processo de vendas e distribuição, atendimento ao cliente, e campanha de marketing.

O objetivo desta fase é garantir que a empresa vai conseguir produzi seu produto, atendendo o escopo inicial e realizando a produção do produto conforme está definido no projeto, com as mesmas qualidades do protótipo para atender as necessidades de seu clientes (AMARAL ET AL 2006).

Para Amaral et al (2006), esta fase do projeto é diferente das outras pois tem um diferencial, uma característica adicional que além das atividades relacionadas ao projeto, deve-se produzir um lote piloto do produto envolve planejamento e controle da produção (PCP), programação de manufatura.

No projeto de produtos, há momentos em que é revelada a necessidade da criação de protótipos para que o produto seja testado devido aos riscos de iniciar uma produção completa e para aumentar a qualidade do produto (SERA et al 2019).

...

Baixar como (para membros premium)  txt (9.5 Kb)   pdf (88.7 Kb)   docx (12.2 Kb)  
Continuar por mais 5 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com