TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

O LÍDER X CHEFE DE ADMINISTRAÇÃO

Por:   •  4/2/2017  •  Resenha  •  1.572 Palavras (7 Páginas)  •  98 Visualizações

Página 1 de 7

                                                     LÍDER X CHEFE

                   

                                              Compilado por: Mateus Mota Duplat

Refletindo sobre a postura dos líderes de hoje, ou melhor, dos chefes, dois conceitos que se confundem constantemente. É possível identificar vários tipo de chefes e poucos líderes. São homens que detém somente uma posição hierárquica superior nas organizações, com as mais diversas denominações como: Presidente, Diretor, Superintendente, Gerente, etc...
        A diferença entre esses conceitos começa principalmente nas definições. Para alguns autores que escrevem sobre o tema,
“liderança é a habilidade de influenciar pessoas a para trabalharem entusiasticamente visando atingir objetivos comuns, inspirando confiança por meio da força do caráter”. O Poder, exercido pelos chefes, é definido como “a ação de coagir alguém a fazer sua vontade, por causa de sua posição ou força, mesmo que a pessoa preferisse não o fazer”. Já a definição de autoridade diferentemente de poder “é a habilidade de levar as pessoas a fazerem de boa vontade o que você quer por causa de sua influência pessoal”.

 [pic 1]

             Fonte: http://nandybrasil.blogspot.com.br/2013/06/chefe-x-lider.html

Um típico chefe tem tendência a comandar pessoas, impor ordens e ser autoritário. Também é conhecido por centralizar o poder e pensar apenas nos resultados e lucros. Os chefes são temidos e não respeitados, seus funcionários geralmente são pessoas que não se sentem abertos a relatar problemas e muito menos pedir conselhos quando têm dúvidas. O chefe vê seus funcionários como subordinados que devem seguir suas ordens da maneira que ele acha mais eficaz, sem pensar no bem-estar coletivo. Ele nunca incentiva ou motiva, já que acha que realizar um trabalho excelente é dever do funcionário e, quando isso não é visto, ele faz questão de apontar os erros. O chefe joga a responsabilidade em cima de sua equipe quando algo não dá certo e se vangloria quando um objetivo é alcançado.

Muitos chefes são totalmente "secos", ou seja, no possuem um bom relacionamento interpessoal com seus subordinados, muitas vezes nem tem um diálogo saudável, não conversam, nem dão apoio um para o outro. E o que muitas pessoas não sabem é que quando se trabalha com esse tipo de pessoa, o desenvolvimento das tarefas dentro da empresa podem ser prejudicadas, e assim, poderá ocasionar sérios riscos de instabilidade para essa pessoa na empresa. uma pesquisa feita recentemente baseada em estudos e fatos reias, mostrou que um grande número de pessoas que convivem diariamente com esse tipo de pessoa adoecem. Isso mesmo, os trabalhadores ficam doentes, com a saúde debilitada e muitas vezes até pedem demissão por conta disso, e isso tudo em decorrência do mal modelo de gestão da pessoa que está a frente deles para lidera-los.

Já o líder, seu trabalho é conduzir, inspirar, motivar. Ele não só orienta como também vai junto, faz parte da equipe. O respeito dos funcionários por essa pessoa é natural, pois trabalhar em busca de resultados juntamente com um líder, é encontrar a melhor forma de desenvolver aquilo e alcançar os objetivos. O líder sempre está disposto a ajudar, valoriza as habilidades dos indivíduos e respeita as limitações de cada um. É como se ele tentasse despertar o que cada um tem de melhor, para que isso agregue à equipe. O mais importante desse indivíduo, é que ele se responsabiliza junto com todos quando algo dá errado. A empresa tende a se beneficiar se possuir líderes, pois os resultados são atingidos da melhor maneira possível, pois as equipes trabalham motivadas. Ele também é humilde, reconhece que também erra e pratica a empatia, se colocando no lugar das outras pessoas do time.

 

[pic 2]

Fonte: http://ec-coaching.com.br/blog/diferenca-de-chefe-x-lider

Um bom líder deve analisar as situações com uma visão humanizada, respeitar as limitações de seus liderados, contribuir para o crescimento deles, ter caráter, respeito, responsabilidade, uma base espiritual forte, e consciência de que liderança não é poder e sim autoridade. Diante desta afirmação é importante não confundir poder com autoridade. A autoridade inspira a outras pessoas a fazer as coisas de boa vontade, o poder as obriga. Ou seja, um líder deve estar sempre mais preocupado com as necessidades de sua equipe do que com suas vontades. Para exercer esta liderança é preciso estar disposto a servir.

...

Baixar como (para membros premium)  txt (10.5 Kb)  
Continuar por mais 6 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com