TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

Mercado Financeiro Brasileiro

Por:   •  23/6/2017  •  Trabalho acadêmico  •  4.764 Palavras (20 Páginas)  •  167 Visualizações

Página 1 de 20

SEGMENTAÇÃO DE MERCADO: SEGMENTOS DO MERCADO FINANCEIRO NACIONAL

RESUMO

O presente trabalho apresenta a estrutura de segmentação do mercado financeiro brasileiro, tendo por objetivo conceituar a segmentação do mercado elaborando a descrição e definição na atual conjuntura do sistema econômico brasileiro. A elaboração deste artigo utiliza o método de revisão bibliográfica, onde analisa e discute informações publicadas anteriormente. O processo de tomada de decisões e até mesmo o planejamento estratégico pessoal ou empresarial estão direta ou indiretamente ligados a politica econômica aplicada, o entendimento desses processos econômicos conduz-nos às decisões assertivas quanto a possíveis aplicações financeiras.

Palavras-chaves: Mercado Financeiro, Segmentação de Mercado, Economia Brasileira.

Abstract

This paper presents the segmentation structure of the Brazilian financial market, aiming to conceptualize the segmentation of the market by developing the description and definition in the current situation of the Brazilian economic system. The preparation of this article uses the method of literature review, which analyzes and discusses information published previously. The process of decision-making and even the personal strategic planning or business are directly or indirectly linked to economic policy applied, the understanding of these economic processes leads us to assertive decisions for possible investments.

Keywords: Financial Market, Market Segmentation, Brazilian Economy.

1 INTRODUÇÃO

O Mercado Financeiro Brasileiro é composto por instituições financeira, quanto à regulamentação segue normas do Conselho Monetário Nacional (CMN) - órgão normativo e responsável pelas diretrizes da politica monetária, creditícia e cambial, portanto, é um órgão diretamente envolvido na politica econômica nacional – e o Banco Central do Brasil (BC ou Bacen) – atuante como órgão executivo do sistema financeiro fazendo cumprir as normativas do CMN.

Desta forma as intermediações de negócios no mercado financeiro quanto a segmentação podem ser classificadas em: mercado monetário, mercado de crédito, mercado de capitais e mercado cambial.

Sobre a estrutura de segmentação a definição de mercado monetário está no controle da liquidez monetária da economia, sendo que as negociações são referenciadas por uma taxa de juros. No mercado de crédito as operações são realizadas por instituições bancárias, as quais disponibilizam recursos de curtos e médios prazos, concedendo créditos às pessoas físicas ou jurídicas.

O mercado de capitais é constituído por operações de médio, longo prazo e prazo indeterminado e envolve títulos do capital das empresas. E o mercado cambial é o segmento onde ocorrem negociações de compra e venda de moedas estrangeiras, neste mercado estão reunidos agentes que realizam transações financeiras com o exterior.

O trabalho apresentado tem por objetivo conceituar a segmentação do mercado financeiro, desta forma descrevendo-o e definindo-o na atual conjuntura do sistema econômico brasileiro.

No estudo do mercado financeiro é importante a abordagem do tema segmentação de mercado, conduzindo-nos, primeiramente, a conhecer e identificar as quatro subdivisões que compõe o mercado financeiro brasileiro.

Na elaboração deste trabalho foi utilizada a metodologia de revisão bibliográfica, elaborando um artigo a partir da análise e discussão de informações publicadas anteriormente por diversos autores, assim como pesquisas através de meios eletrônicos das instituições financeiras e governamentais.

Portanto, o presente artigo está estruturado conforme as segmentações de mercado permitindo melhor entendimento sobre o conteúdo abordado.

2 MERCADO FINANCEIRO

O mercado financeiro é o ambiente onde os excedentes da economia são destinados para empréstimos e financiamentos de novos negócios e investimentos. Neste meio estão aglomeradas instituições, investidores e tomadores de recursos, proporcionando e operacionalizando negociações de produtos financeiros como fundos de investimentos, seguros, poupanças, títulos públicos, ações, entre outros.  Logo, a principal função do mercado financeiro é estreitar as relações entre dois elementos de mercado: o poupador, agente que dispõe de um superávit de recursos, porém, não possui oportunidade de investimento ou atividades que lhe tragam lucratividade, e o agente deficitário, conhecido como tomador, que inversamente ao poupador não detém dos mesmos recursos financeiros. Sendo assim, o mercado viabiliza operações e auxilia na otimização das oportunidades em toda a economia.    

   

2.1 MERCADO FINANCEIRO BRASILEIRO

O mercado financeiro, conforme define Andrezo e Lima (2002) é o mercado das instituições financeiras. Sendo que a Lei do Sistema Financeiro Nacional (Lei nº 4.595/64) caracteriza em seu artigo 17 as instituições financeiras como “pessoas jurídicas, públicas ou privadas, que tenham como atividade principal ou acessória a coleta, intermediação ou aplicação de recursos financeiros próprios ou de terceiros, em moeda nacional ou estrangeira, e a custódia de valor de propriedade de terceiros. Ainda na mesma lei, no artigo 18 estabelece que “as instituições financeiras somente poderão funcionar no País mediante prévia autorização do Banco Central da República do Brasil ou decreto do Poder Executivo, quando forem estrangeiras”.

2.2 SEGMENTAÇÃO DO MERCADO FINANCEIRO

Conforme dicionário Larrousse (2001) segmentação significa “ato ou efeito de segmentar(-se); divisão em segmentos. E segmento do “latim segmentum” significa seção, porção, parte de um todo”.

O mercado financeiro divide-se em segmentos, e quanto a esta segmentação do mercado financeiro Assaf Neto (2011) denomina quatro subdivisões sendo: Mercado Monetário, Mercado de Crédito, Mercado de Capitais e Mercado Cambial. Ainda, conforme o autor, embora exista o fracionamento dos segmentos de mercado muitas operações financeiras confundem-se na prática, apresentando a taxa de juros como ponto em comum sendo esta identificada como moeda de troca do mercado financeiro. Então, para Andrezo e Lima (2007), taxa de juro é a remuneração dos poupadores e o custo de capital dos tomadores.

...

Baixar como (para membros premium)  txt (33.5 Kb)   pdf (171.3 Kb)   docx (28.5 Kb)  
Continuar por mais 19 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com