TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

Exegese NT

Artigos Científicos: Exegese NT. Pesquise 822.000+ trabalhos acadêmicos

Por:   •  26/10/2013  •  4.574 Palavras (19 Páginas)  •  843 Visualizações

Página 1 de 19

Introdução

A nossa proposta de trabalho é explicar através do contexto histórico, textual e lexical o que o autor da carta estava querendo dizer quando recomendou aos destinatários que não se tornassem mestres, baseando se que o mestre seria julgado com maior rigor. O que era o mestre para a igreja primitiva? Qual o significado de julgamento para o contexto neotestamentário?

Através de pesquisa, procuraremos saber a razão pela qual Tiago aconselhou aos seus irmãos na fé a este respeito, e o nosso tema proposto é: Porque os Mestres serão julgados com maior rigor?

A intenção de fazer este trabalho é de nos aprofundarmos mais no conceito de “mestre” na igreja, e cuidarmos de nossos mestres de uma forma especial, procurando tratar não somente o lado intelectual, mas também da vida cristã que ele possui.

Vemos este trabalho com uma importância muito grande, pois devemos nos equipar de todas as ferramentas para formarmos mestres e líderes em nossas igrejas, o que está cada vez mais escasso, pelo menos no que se diz respeito á qualidade.

Para metodologia do trabalho, procuraremos levantar o conceito de mestre (didaskalos) e julgamento (krino) no AT e NT, faremos uma pequena análise gramatical e também analisaremos o contexto e propósito da carta de Tiago, para chegarmos às respostas que procuramos.

DIVERSAS TRADUÇÕES DE TIAGO 3.1

TIAGO 3.1



Não muitos (de vós) mestres vos torneis, irmãos meus, sabendo que maior

  (TRADUÇÃO LITERAL)

juízo receberemos.

Nossa Tradução – Irmãos meus, muitos de vós, não vos torneis mestres, sabendo que receberemos maior juízo.

NVI – Meus irmãos, não sejam muitos de vocês mestres, pois vocês sabem que nós, os que ensinamos, seremos julgados com maior rigor.

ARC - Meus irmãos, muitos de vós não sejam mestres, sabendo que receberemos mais duro juízo.

ARA - Meus irmãos, não vos torneis, muitos de vós, mestres, sabendo que havemos de receber maior juízo.

ACF - Meus irmãos, muitos de vós não sejam mestres, sabendo que receberemos mais duro juízo.

A SÉC 21 – Meus irmãos, muitos de vós não deveis ser mestres, sabendo que seremos julgados de forma mais severa.

Bíblia Sagrada Versão Pastoral – Meus irmãos, não se façam todos de mestres. Ed. Paulus Vocês sabem que seremos julgados com maior severidade.

Bíblia de Jerusalém – Não queirais todos ser mestres, pois sabeis que estamos Ed. Paulus. sujeitos a mais severo julgamento.

1. Análise Gramatical de Tiago 3.1

 

 – Partícula de negação

 adjetivo comum nominativo masculino nenhum grau

– substantivo nominativo masculino plural comum

– verbo imperativo presente médio 2ª pessoa do plural

substantivo vocativo masculino plural comum

– pronome pessoal genitivo singular

– verbo particípio perfeito ativo nominativo masculino plural

– conjunção subordinada

– adjetivo comum (regular) acusativo neutro singular comparativo

– substantivo acusativo neutro singular regular

– verbo indicativo futuro médio 1ª pessoa do plural

As duas palavras em análise na pesquisa (e ) são substantivos, porém didaskalos está declinado no nominativo, desempenhando o papel de sujeito da oração ou atributo dele, enquanto que krima está no acusativo, o que indica ser o objeto, o que sofre ação do verbo. A partir daí chegamos a seguinte conclusão: os que desejam ser didaskaloi serão krima com maior rigor que os outros, ou seja, os mestres receberão um julgamento mais severo.

Como vimos, não há problemas de tradução no texto. E o que podemos notar é que o autor se inclui como mestre na oração, quando diz “receberemos”.

2. O conceito de mestre (didaskalos) e o emprego da palavra no Novo Testamento

No NT, didaskalos ocorre 59 vezes, das quais a vasta maioria se acha nos evangelhos, (12 vezes em Mateus e Marcos respectivamente; 17 vezes em Lucas e 9 vezes em João). A palavra se refere a Jesus em 41 ocasiões, das quais 29 representam uma forma direta de trato. Nos evangelhos, didaskalos também se aplica a João Batista (Lc 3.12), Nicodemos (Jo 3.10), e aos escribas (Lc 2.46). Noutras partes do NT, denota os “mestres” da igreja (At 13.1; I Co 12.28; Ef 4.11; Tg 3.1). Em I Tm 2.7 em II Tm 1.11, o autor das epístolas se chama didaskalos, um termo que emprega lado a lado com kêryx, “arauto” (Proclamação, art. Kêryssô) e apostolos (apóstolo).

Vejamos um exemplo de “mestre” se referindo a Jesus:

...

Baixar como (para membros premium)  txt (30.8 Kb)  
Continuar por mais 18 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com