TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

A REESTRUTURAÇÃO DA EMPRESA “SÓ REFRI”

Por:   •  31/3/2021  •  Trabalho acadêmico  •  2.126 Palavras (9 Páginas)  •  10 Visualizações

Página 1 de 9

[pic 1][pic 2]

[pic 3]

[pic 4]

[pic 5]

[pic 6]

SUMÁRIO

INTRODUÇÃO        3

DESENVOLVIMENTO        4

CONCLUSÕES        12

REFERÊNCIAS        13

INTRODUÇÃO

Além do terrível tributo humano, a crise da COVID-19 precipitou a pior recessão já vista que causou danos não só em 14 países, mas também em mercados e territórios. Esses mercados disponham de graus de atividade empresarial – desde a China continental, em que os negócios domésticos permanecerem em determinado período sob severo bloqueio. Este relatório considera as formas que a crise afetou o empreendedor e de que modo estão moldando o mercado para que seja viável aproveitar as oportunidades emergentes.

Neste estudo será avaliada a empresa “SÓ REFRI” que produz refrigerantes, vale ressaltar que esta análise atuará de modo a prestar consultoria. Assim como tantas outras essa empresa enfrenta problemas com a vinda da pandemia do coronavírus, e agora necessita de auxílio para continuar e recuperar-se. É nesse contexto que se busca auxiliar o Sr. Luiz por meio dos conceitos compreendidos nesse semestre em: raciocínio lógico matemático, contabilidade, matemática financeira, metodologia cientifica e capital de giro e análise financeira.

Esse trabalho possui as características de um estudo de caso para que seja possível  apresentar soluções e reestruturar essa empresa, visto que são analisados pontos teóricos para escolher o melhor método para esse empreendimento, assim, unindo teoria e prática.

DESENVOLVIMENTO

Após analisar a situação da empresa compreende-se que após três anos a empresa “SÓ REFRI” acumulou uma série de gastos que devem ser abatidos. Entretanto, os métodos apresentados abaixo baseiam-se na produção de cada garrafa, assim, avalia-se que o lucro da empresa anualmente será:

  • Ano 1:

20.000 Litros por mês X 12 meses = 240.000 litros por ano.

240.000 Litros / 2 Litros por pet = 120.000 pet de 2 litros.

120.000 pet X 3,41 custo = R$ 409.200.00 custo de produção.

120.000 pet X 4,50 venda = R$ 540.000,00 preço de venda.

  • Ano 2:

120.000 Litros por mês X 12 meses = 1.440.000 litros por ano.

1.440.000 litros / 2 litros por pet = 720.000 pets de 2 litros.

720.000 pet X 3,71 custo = R$ 2.671.200.00 custo de produção.

720.000 pet X 4,70 venda = R$ 3.384.000,00 preço de venda.

  • Ano 3:

200.000 Litros por mês X 12 meses = 2.400.000 litros por ano.

2.400.000 litros / 2 litros por pet = 1.200.000 pet de 2 litros.

1.200.000 pet X 4,00 custo = R$ 4.800.000,00 custo de produção.

1.200.000 pet X 5,00 venda = R$ 6.000.000,00 preço de venda.

Lucro = Diferença entre o valor obtido nas vendas – valor de custo

Ano 1 – R$ 540.000,00 (venda) – R$ 409.200,00 (custo) = R$ 130.800,00

Ano 2 – R$ 3.384.000,00 (venda) – R$ 2.671.200,00 (custo) = R$ 712.00,00

Ano 3 – R$ 6.000.000,00 (venda) – R$ 4.800.000,00 (custo) = R$ 1.200.000,00

Consequentemente, faz-se necessário determinar o aumento percentual do lucro através de regra de três em relação à:

  1. Ano 2 ao Ano 1 =

  [pic 7][pic 8]

[pic 9]

[pic 10]

X = 444,34% (aumento de lucro)

  1. Ano 3 ao Ano 2

[pic 11]

[pic 12]

[pic 13]

X = 68,53% (aumento de lucro)

  1. Ano 3 ao Ano 1

[pic 14]

[pic 15]

[pic 16]

X = 817,43% (aumento de lucro)

Entretanto, ainda é preciso levar em consideração a concorrência econômica causada pela pandemia, assim, faz-se necessário ter o número de garrafas que foram produzidas no semestre que teve maior queda, ou seja, no primeiro semestre do ano com relação ao terceiro ano de trabalho da empresa. Assim sendo, observa-se que:

[pic 17]

[pic 18]

[pic 19]

[pic 20]

Observa-se que a diminuição percentual de 30% sobre 200.000 litros por mês resulta em 140.000 litros por mês, ou seja, a quantidade de garrafas produzidas no semestre (exatos 6 meses) é de:

[pic 21]

[pic 22]

[pic 23]

[pic 24]

Desse modo, compreende-se que no atual ano 4 no primeiro semestre foram produzidas cerca de 420.000 garrafas pet de 2 litros.

Ao avaliar a forma com que a atua recessão afetou a empresa nos tópicos: vendas, despesas com mercadoria e estoque, financeiro e patrimônio do negócio, percebe-se que se torna difícil visualizar os lucros, contudo, ao aplicar a contabilidade na tomada de decisão, o negócio conseguirá sobreviver no mercado e, consequentemente, aumentar a probabilidade de sucesso, impulsionar vendas e se destacar perante os concorrentes.  

Ressalta-se que para auxiliar na tomada de decisões os contadores projetam: cenários, demonstrações financeiras, pontuações de crédito e outros elementos que permitem uma análise mais inteligente das opções do gestor. Assim, usando as ferramentas contábeis adequadas torna-se viável elaborar estratégias que garantirão o desenvolvimento do negócio.

Já ao que diz respeito a análise dos dados apresentados no DRE, percebe-se que são de grande importância para a gestão saudável de uma empresa, visto que refletem a capacidade de crescimento do negócio fazendo com que a administração tenha elementos para saber o que será preciso mudar ou o que pode ser mantido.  Esses dados ajudam na visualização do ponto de equilíbrio de uma empresa, ou seja, um ponto onde existe a igualdade financeira entre as despesas e as receitas totais em um mesmo período. Tendo consciência disso o gestor fica a par de qual deve ser seu faturamento mínimo em um intervalo de tempo para cobrir seus gastos fixos e variáveis, podendo, assim, potencializar vendas ou realizar cortes no orçamento.

...

Baixar como (para membros premium)  txt (15.4 Kb)   pdf (148.1 Kb)   docx (577.4 Kb)  
Continuar por mais 8 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com