TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

ESTUDO CASO DE ENSINO NO MARKETING SOCIAL: Uma Parceria Entre A Administração pública E Uma Empresa De Comunicação

Artigo: ESTUDO CASO DE ENSINO NO MARKETING SOCIAL: Uma Parceria Entre A Administração pública E Uma Empresa De Comunicação. Pesquise 819.000+ trabalhos acadêmicos

Por:   •  6/10/2013  •  3.010 Palavras (13 Páginas)  •  3.905 Visualizações

Página 1 de 13

SUMÁRIO

1 INTRODUÇÃO 3

2 DESENVOLVIMENTO 4

2.1 CARACTERISTICAS DAS EMPRESAS 4

2.2 ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA DIRETA E INDIRETA 4

2.2.1 Orçamento Público 5

2.2.2 Poder Legislativo 5

2.3 POLITICAS PÚBLICAS 6

2.3.1 Exemplos de Politicas Públicas 7

2.3.2 Marketing Social 7

2.3.2.1 Ferramentas do marketing social 7

2.3.3 Merchandising Social 9

2.3.4 Mídia e sua influencia. 9

3 CONCLUSÃO 11

REFERÊNCIAS 12

1 INTRODUÇÃO

O presente trabalho tem por finalidade um estudo de caso extraído da Casoteca de Gestão Pública – ENAP onde relata um CASO DE ENSINO NO MARKETING SOCIAL: onde foi formada uma parceria entre a administração pública e uma empresa de comunicação, ou seja, uma abordagem metodológica de investigação que focará em compreender, explorar e descrever os acontecimentos descritos no texto.

Com base nos conteúdos estudados nas disciplinas de Direito público, Licitação, Contratos e Terceirização, Administração Pública e Gestão de Políticas Públicas e Metodologia Cientifica serão utilizados como embasamento aos fatos ocorridos no desenvolvimento do texto acima citado, promovendo integração entre teoria e prática. A produção textual contará com a caracterização das empresas envolvidas no estudo, apresentação do histórico da parceria entre as duas organizações narradas e ainda identificar os principais objetivos identificados pelas empresas para realização das campanhas.

Fundamentando o caso ocorrido, descrições do que representam a administração pública direta e indireta com ênfase o que é orçamento público e métodos para sua elaboração serão salientados. Outras questões como: poder da Assembléia legislativa, o que são políticas públicas e sua estrutura, identificação de ferramentas de marketing, Assim como Merchandising Social, responsabilidade dos profissionais da área de marketing acerca da promoção das campanhas, dentre outras também serão discutidas e evidenciadas para que haja completa compreensão do estudo de caso.

2 DESENVOLVIMENTO

A produção textual contará com a caracterização das empresas envolvidas no caso, apresentação do histórico da parceria entre as duas organizações narradas e ainda identificar os principais objetivos identificados pelas empresas para realização das campanhas.

2.1 CARACTERISTICAS DAS EMPRESAS

As empresas formadoras da parceria entre a administração pública e uma empresa de comunicação, sendo a administração pública representada pelo Departamento Estadual de Trânsito do Rio Grande do Sul – DETRAN/RS que possui por competência regulamentar, normatizar, coordenar e fazer cumprir a legislação de trânsito, que engloba toda área de conscientização e formação dos conhecimentos específicos aos usuários do tráfego.

E o Grupo VIT que representa a emissora MTV nas relações para discussão e lançamentos de novas campanhas e propagandas no Estado do Rio Grande do Sul. O DETRAN/RS vem durante muitos anos firmando parcerias com a MTV para projetos de apoio a segurança no trânsito, conscientização da população e tudo o que envolve o cumprimento da legislação no que concerne ao marketing. A emissora assinava a campanha com o DETRAN e lhe cobrava somente a produção, em um espírito de parceria pela causa, o que mais tarde rendeu prêmios à emissora.

2.2 ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA DIRETA E INDIRETA

A Administração Pública centralizada ou direta é aquela exercida diretamente pela União, Estados e Municípios que, para tal fim, utiliza-se de ministérios, secretarias, departamentos e outros órgãos, apresentando, assim, uma estrutura eminentemente piramidal.

Por outro lado, a Administração Pública descentralizada ou indireta é exercida por outras pessoas jurídicas que não se confundem com os entes federados, criadas pelos mesmos, a saber: autarquias, fundações públicas, empresas públicas, sociedades de economia mista, associações públicas. Administração pública é, em sentido prático ou subjetivo, o conjunto de órgãos, serviços e agentes do Estado, bem como das demais pessoas coletivas públicas (tais como as autarquias locais) que asseguram a satisfação das necessidades coletivas variadas, tais como a segurança, a cultura, a saúde e o bem estar das populações.

A administração pública é o conjunto das normas, leis e funções desempenhadas para organizar a administração do Estado em todas as suas instâncias. A Administração Pública tem como principal objetivo o interesse público, seguindo os princípios constitucionais da legalidade, moralidade, impessoalidade, publicidade e eficiência. .

2.2.1 Orçamento Público

O Orçamento público é um instrumento de planejamento e execução das Finanças públicas. Na atualidade o conceito está intimamente ligado à previsão das Receitas e fixação das Despesas públicas. No Brasil, sua natureza jurídica é considerada como sendo de lei em sentido formal, apenas. Isso guarda relação com o caráter meramente autorizativo das despesas públicas ali previstas. O orçamento contém estimativa das receitas e autorização para realização de despesas da administração pública direta e indireta em um determinado exercício, que, no Brasil, coincide com o ano civil.

O Orçamento Público no Brasil (Orçamento Geral da União) inicia-se com um texto elaborado pelo Poder Executivo e entregue ao Poder Legislativo para discussão, aprovação e conversão em lei. O documento contém a estimativa de arrecadação das receitas federais para o ano seguinte e a autorização para a realização de despesas do Governo. Porém, está atrelado a um forte sistema de planejamento público das ações a realizar no exercício.

2.2.2 Poder Legislativo

O Poder Legislativo Estadual é compreendido pela Assembleia Legislativa, um órgão do legislativo composto pelos representantes de cada região do Estado para um mandato de quatros anos, mandato passível de reeleição. Numa Assembleia Legislativa, o número de deputados é proporcional à população existente no Estado

...

Baixar como (para membros premium)  txt (21 Kb)  
Continuar por mais 12 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com