TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

Jiu Jitsu Brasileiro

Trabalho Escolar: Jiu Jitsu Brasileiro. Pesquise 794.000+ trabalhos acadêmicos

Por:   •  12/9/2014  •  746 Palavras (3 Páginas)  •  296 Visualizações

Página 1 de 3

Jiu-jitsu

Jiu- jitsu Brasileiro

JIU-JITSU: O Jiu-Jitsu é normalmente traduzido por "a arte suave". Uma tradução menos poética, mas possivelmente mais descritiva, seria "a arte da adaptação flexível". O Jiu-Jitsu requer habilidade para ceder ou esquivar de um ataque, oferecer resistência momentânea para quebrar o equilíbrio

Origem do jiu-jistu:

Segundo historiadores o jiu-jitsu ou "arte suave", nasceu na índia e era praticado por monges budistas . Preocupado com a auto defesa, os monges desenvolveram uma técnica baseada nos princípios do equilíbrio, do sistema articular do corpo e de alavancas, neutraliza-se anulasse e subjugasse sem danos físicos aos adversários preceitos este que não viriam violento as rígidas dogmas religiosos dos monges, o jiu-jitsu desde os seus primórdios teve sempre como filosofia básica a auto-defesa, mesmo que quando essa auto-defesa implicasse na necessidade de contra ataque ao adversário, sim como resposta, nunca como iniciativa.

Com a expansão do budismo o jiu-jitsu percorreu o sudeste da Asiático, a China e, finalmente, chegou ao Japão, onde desenvolveu-se e popularizou-se.

A partir do final do século XIX, alguns mestres de jiu-jitsu, migraram do japão para outros continentes, vivendo do ensino da arte marcial e das lutas que realizavam.

A chegada do jiu-jitsu no brasil :

o jiu-jitsu chegou no brasil em 1915 , pelo mestre Esai Maeda Koma , que era mais conhecido

como "Conde Koma", ele foi um dos mestre que migraram para outros continentes, e com ele veio sua trupe que já tinha lutado junto com ele em diversos países e na chegada deles ao brasil se fixaram em Belém do Pará , no ano seguinte (1916) conde Koma conheceu Gastão Gracie , pai de oito filho sendo 5 homens e 3 mulheres , Gastão Gracie se torna um entusiasta do jiu-jitsu e leva seu filho mais velho para praticar a luta com o japonês.

Franzino por natureza, aos 15 anos, Carlos Gracie encontrou no jiu-jitsu um meio de realização pessoal. Aos 19 anos se transferiu para o Rio de janeiro com a sua família e adota a profissão de lutador e professor dessa arte marcial. viajou para Belo Horizonte e depois para São Paulo, ministrando aulas e vencendo adversários bem mais fortes que ele Fisicamente.

A influência da família Gracie no jiu-jitsu brasileiro :

Em 1925 , Carlos Gracie abri a primeira academia Gracie de jiu-jitsu e convida seus irmãos Oswaldo e Gastão para assessorá-lo e assumir a criação dos irmãos menores Geoge, com 14 anos , e Hélio , com 12 anos .

Desde então Carlos passou a transmitir conhecimentos aos seus irmãos , adequando e aperfeiçoando a técnica à compleição Física franzina característica da sua família , e também transmitiu sua filosofia de vida e conceitos de alimentação naturais , sendo um pioneiro na criação de uma dieta especifica para atletas e a base dessa dieta era o açaí e com isso a dieta Gracie transformou o jiu-jitsu em sinônimo de saúde.

E Carlos Gracie de posse de uma eficiente técnica de defesa pessoal, viu no jiu-jisu um meio de se tornar um homem mais tolerante, respeitoso

...

Baixar como (para membros premium)  txt (4.8 Kb)  
Continuar por mais 2 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com