TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

RELATÓRIO DE ESTÁGIO CURRICULAR III PROJETO DE INTERVENÇÃO:"BEM ESTAR DOS IDOSOS"NO CRAS NA CIDADE DE CURVELÂNDIA - MT

Por:   •  2/9/2014  •  1.683 Palavras (7 Páginas)  •  6.736 Visualizações

Página 1 de 7

SUMÁRIO

1 INTRODUÇÃO 3

2 DESENVOLVIMENTO 4

3CONCLUSÃO............................................................................................................6

4REFERÊNCIAS 8

1 INTRODUÇÃO

O Estágio Supervisionado em Serviço Social III tem como objetivo apresentar as atividades desenvolvidas durante o estágio curricular trata-se da realização do projeto de ação junto ao grupo da terceira idade participante das atividades desenvolvidas no CRAS.

No município de CURVELANDIA, a implantação do CRAS – Centro de Referência de Assistência Social no Município possibilitou a descentralização das ações, priorizando a área mais vulnerabilizada do município, onde a população que mais necessita dos serviços da Assistência Social pode acessá-los, ou seja, os idosos, gerando maior impacto na proteção social das famílias. São atendidos mensalmente com ações de: visitas domiciliares; atendimentos individuais e familiares; grupos de convivência; encaminhamento a rede de proteção do município (saúde, habitação, assistência social...); confecção de carteiras do idoso e documentação e realização de eventos/seminários em prol da população idosa.

O estágio supervisionado em serviço social III tem o objetivo apresentar as atividades desenvolvidas durante o estágio curricular, trata-se da realização do projeto de ação junto ao grupo da terceira idade participante das atividades desenvolvidas com os idosos, no próprio CRAS onde tem o salão para as reuniões.

O projeto de intervenção realizado é referente a uma pesquisa de campo, com abordagem qualitativa realizado no estágio curricular II, a pesquisa buscou conhecer as condições da saúde dos idosos e se resultou que a falta de informação sobre os cuidados básicos de saúde, incentivar a participação do idoso; evitar o isolamento social e exclusão do idoso.

Durante o desenvolvimento da ação houve uma ótima interação entre os participantes em que ali estava, através de perguntas, história de vida em relação à saúde nos tempos passados e com relação aos dias de hoje.

Os resultados são a garantia da pessoa idosa ao acesso de seus direitos garantidos em lei; conforme estatuto do idoso.

Envolvimento e participação dos idosos nos serviços, programas e ações oferecidos; Estruturação da rede de apoio familiar e comunitária ao idoso.

DESENVOLVIMENTO

O Objetivo destas atividades é de proporcionar aos Idosos Políticas Públicas de Promoção a Saúde, para que elas possam viver essa época da vida com qualidade, com aumento dessa faixa etária torna-se necessário e primordial modificar o quadro de desatenção para com a saúde do idoso brasileiro.

O Serviço é ofertado através do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos no CRAS, de Idosos ou ainda em outra unidade pública ou entidade assistencial inscrita no Conselho de Assistência Social do município e que estejam na área de abrangência do CRAS e a ele referenciados.

As atividades educativas com os idosos foi desenvolvida semanalmente, contando com a presença de pessoas que estiverem presente, geralmente as atividades eram baseadas nas palestras, segundo os trabalhadores da equipe, havia dificuldades em estimular a interação do grupo, pois o desafio existente nesse coletivo era intervir para melhorias em sua qualidade de vida.

Com isto, foi formado um grupo de idosos como uma das ações da equipe, visando promover encontros regulares entre estes usuários, para promover a integração e sociabilidade dos idosos referenciados em parceria com a equipe de saúde de Curvelândia, visando proporcionar o envelhecimento com vida social ativa, prevenindo o isolamento do idoso e o enfrentamento das situações de vulnerabilidade social vivenciadas, promovendo também momentos de reflexão a fim de aumentar, no grupo e em cada participante, o conhecimento de suas ações no cotidiano que viabilizam a promoção de saúde, oportunizar aos idosos a busca de melhoria das suas condições físicas, psicológicas e sociais.

O trabalho com os idosos procurou

...

Baixar como (para membros premium)  txt (9.8 Kb)  
Continuar por mais 6 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com