TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

O Papel da Escola na Educação - Desenvolvimento Social EAD

Por:   •  23/3/2020  •  Trabalho acadêmico  •  759 Palavras (4 Páginas)  •  5 Visualizações

Página 1 de 4

01 – Educar é ensinar a ler?

Não, educar é muito mais do que simplesmente ensinar a ler.

Aliás, existe uma confusão no que se refere entre ensinar e educar – que não são sinônimos e nem, necessariamente, acontecem ao mesmo tempo ou depende um do outro.

O termo Ensino tem origem do verbo insignare, que significa “transmitir conhecimento”, enquanto educação da raiz educatio, que denota o processo de desenvolvimento da capacidade física, intelectual e moral da criança.

  • Ensinar: é instruir, transmitir, repassar conhecimento, normalmente ocorre nas escolas, na sala de aula, onde o professor ensina uma disciplina como matemática, física, química. O ato de ensinar se dirige ao intelecto, enriquecendo-o com informações e conhecimentos.
  • Educar: é formar caráter, refinar sentimentos, sedimentar valores necessários ao convívio, manutenção e desenvolvimento da sociedade.
  • Educar não necessita de currículo, curso de pedagogia ou licenciatura alguma. O ato de educar se realiza por exemplos: modelos de conduta, manifestação de empatia e valores morais e éticos.
  • Muitas pessoas podem aprender muita coisa sem, entretanto, terem sido educados e terem princípios morais irretocáveis, diferente de corruptos e 171s da vida, os chamados estelionatários são indivíduos que tiveram muito ensino e pouca (ou nenhuma) educação.

02 – Investir em educação é abrir mais escolas?

Não, pois quantidade não é sinônimo de qualidade, assim como criar mais universidades e incentivar mais pesquisas também não significa investir em educação. Pois as nossas universidades produzem milhares de pesquisas, mas impacto global é pequeno. E também aumentar mais verba para a educação também não é sinônimo de investimento em educação.

  • O Brasil investe 6% do PIB em educação, porém o desempenho escolar é abaixo do esperado. Segundo o relatório de aspectos fiscais da educação no Brasil em 2018, o gasto brasileiro supera países como Argentina (5,3%), Colômbia (4,7%), Chile (4,8%), México (5,3%) e os Estados Unidos (5,4%) e cerca de 80% dos países, incluindo vários países desenvolvidos investem menos que o Brasil em educação usando como base de cálculo o percentual do PIB, e isso comprovam que o problema da educação brasileira não é exatamente quanto se investe, mas sim aonde se investe,o real problema da educação está no ensino básico,infantil ou creches e focando mais as universidades.
  • No governo Lula, o orçamento da Educação foi triplicado, segundo o ministro da educação de Lula, Fernando Haddad, o governo federal triplicou o orçamento destinado à educação que saltou de R$17,4 bilhões em 2003 para R$51 bilhões em 2010, e esse investimento não trouxe retorno proporcional a aquilo que foi investido.
  • Uma análise feita no site guia do estudante se tratando sobre o PISA, Guia do Estudante.
  • E esse foco mais voltado às universidades em relação ao básico gera um tipo de elitização da educação, pois aquele que tem condição financeira alta coloca seu filho ou filha na escola privada, e enquanto o mais pobre necessita de um ensino público de qualidade, principalmente o básico e não só o ensino em si como também a alimentação na primeira infância, pois para a criança é fundamental para o seu crescimento e desenvolvimento absorver todos os nutrientes necessários, infelizmente está sucateado, e como medida de correção paliativa desde problema, são chamadas as cotas, auxilia, mas não resolve o problema do ensino básico, pois muitos chegam às universidades sem base alguma, nem ao menos sabem as quatro operações básicas (adição, subtração, multiplicação e divisão).
  • Assim como existe um sistema de Vouchers no Brasil, como por exemplo, o FIES como meio de financiar a graduação do estudante de recurso financeiro baixo, poderia fazer o mesmo para o ensino básico, para que os pais coloquem seus filhos em idade pré-escolar numa escola privada, como auxílio de outro problema que é a falta de vagas nas escolas públicas e o alto número de pessoas procurando vagas que já estão ocupadas.
  • Outro fator que é de alta importância são as pesquisas acadêmicas, que o Brasil é um dos países que mais publica artigos acadêmicos do planeta, entretanto, grande parte destes artigos são de baixo impacto mundial, tendo pouca ou nenhuma citação, ou seja, pesquisa muito, porém não com qualidade.

03 – O que comporta o termo educar?

É mais abrangente do que o cidadão geralmente fala, pois não se trata apenas de ler e escrever, pois abrange uma série de fatores, tipo saber se portar, se conduzir entre outros.

...

Baixar como (para membros premium)  txt (5 Kb)   pdf (61.4 Kb)   docx (9.5 Kb)  
Continuar por mais 3 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com