TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

ESTUDOS DA IMAGEM, COMUNICAÇÃO E DESIGN GRÁFICO

Por:   •  5/12/2018  •  Ensaio  •  697 Palavras (3 Páginas)  •  7 Visualizações

Página 1 de 3

ESTUDOS DA IMAGEM, COMUNICAÇÃO E DESIGN GRÁFICO

Compreender o conceito de imagem é fundamental para desenvolver qualquer trabalho que tenha como finalidade a comunicação. Isto porque a imagem funciona como uma mediação e, mesmo que com a menor das intenções, pressupõe uma comunicação existente.

De acordo com o dicionário da língua portuguesa, imagem é “1. Representação de pessoa ou coisa, 3. Semelhança, 4. Representação (no espírito) de uma ideia, 6. Metáfora”. Diante de tais definições, entende-se então que a imagem é algo que pode ser fabricado e segue como referência a realidade. Assim, o pensamento de Platão faz total sentido: as imagens produzem a ilusão de certeza, devido à sua semelhança com a realidade e, portanto, enganam. Mas este não é o único pensamento plausível.

Para Aristóteles, a similaridade das imagens com a realidade as torna válidas por instruir e ensinar, além de ser eficaz por gerar prazer no espectador, ao ser constatada esta semelhança. Esse prazer é vivenciado por todos nós na apreciação de uma obra de arte, por exemplo.

As imagens fazem parte do nosso cotidiano. Predominante na comunicação contemporânea, elas estão presentes nas redes sociais, propagandas e anúncios, livros e revistas, embalagens, placas de sinalização e entre outros. Em um mundo tão conectado, poucas pessoas se dão ao “trabalho” de desprender tempo lendo frases e textos que se estendam para além de duas linhas, portanto a imagem é um recurso de extrema eficácia.

A representação imagética faz parte da expressão da cultura humana, e foi uma das primeiras linguagens utilizadas pelo homem, antes da escrita. Linguagem é um sistema de comunicação pelo qual se expressa sentimentos e ideias, esse sistema é composto por um número finito de elementos (letras, palavras, símbolos, formas geométricas) possibilitando diversas combinações inusitadas.

A comunicação não é exclusiva do ser humano, no entanto, não há nenhum outro animal capaz de se comunicar de maneira tão complexa. Contamos com a linguagem verbal (escrita, fala) e não verbal (expressão corporal e facial, gestos, imagens), além de diversos canais de comunicação.

Fato é que, embora existam tantas formas de comunicação, somos consumidores de imagens. Não é atoa que o Instagram, uma das redes sociais mais utilizada atualmente, trabalha com o compartilhamento de fotos e vídeos.

A série Black Mirror traz, através da linguagem audiovisual, uma semelhança com a realidade da sociedade atual. O primeiro episódio da terceira temporada apesenta uma sátira sobre o modo como os indivíduos se comportam nas redes sociais e em suas relações interpessoais.

Não é novidade que nas redes sociais tudo é perfeito: os relacionamentos são incríveis, as pessoas apresentam aparência impecável, trabalhos completamente satisfatórios e nunca passam por problema algum. Tudo isso gera “likes” e “visualizações” o que, obviamente, garante mais “seguidores”. Mas até que ponto as imagens e mensagens comunicadas nessas redes sociais são válidas?!

Relacionando o episódio “Nosedive” (ou “Queda Livre”, na versão brasileira) com o pensamento de Platão, a crítica fica ainda mais evidente. Em uma das cenas, Lacie publica uma foto atrativa de seu café da manhã quando, na verdade, o sabor não a agradou. A comunicação implícita na foto é contrária à realidade e, portanto, ilusória, pois leva o receptor a acreditar que a aparência condiz com o sabor. Na vida real, nós sabemos que esse tipo de atitude é recorrente.

A comunicação através de representações visuais, assim como o uso de redes sociais, não é inteiramente prejudicial. Muito pelo contrário, nós sabemos que os recursos visuais otimizam a comunicação nos dias de hoje, sendo capaz de atrair novos clientes e consumidores (anúncios, embalagens, propagandas) e propagar informações mais efetivamente (revistas, jornais).

...

Baixar como (para membros premium)  txt (5 Kb)   pdf (95.7 Kb)   docx (13.5 Kb)  
Continuar por mais 2 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com