TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

A LITERATURA INFANTIL NA FORMAÇÃO DO LEITOR

Por:   •  19/11/2020  •  Artigo  •  9.690 Palavras (39 Páginas)  •  13 Visualizações

Página 1 de 39

FACULDADE DE CIÊNCIAS DA BAHIA

       WELLINGTON SANTOS SOUZA

        RELATÓRIO CIENTÍFICO:         LITERATURA INFANTIL NA FORMAÇÃO DO LEITOR

SALVADOR- BA

2020

WELLINGTON SANTOS SOUZA

        RELATÓRIO CIENTÍFICO:         LITERATURA INFANTIL NA FORMAÇÃO DO LEITOR

Relatório apresentado como requisito parcial para conclusão do curso de pós graduação em Letras e Produção Textual da Faculdade de Ciências da Bahia.

                                                               SALVADOR - BA

          2020

                     1 APRESENTAÇÃO

O presente relatório aborda as dificuldades de aprendizagem que afeta a maioria dos estudantes brasileiros, principalmente, em leitura, escrita e interpretação de texto. Nota-se que os alunos não adquirem competência crítica de ler e interpretar e, isso se deve a deficiência decorrente no período de alfabetização das séries iniciais do ensino fundamental, por falta de motivação, interferência de fatores socioeconômicos e culturais, pela despreparação do professor alfabetizador, falha na escola ao permitir pouco acesso aos livros paradidáticos e de literatura infantil e ainda pouco interesse dos professores em desenvolverem projetos interdisciplinares que utilizem obras literárias.

Nessa perspectiva, o relatório intitulado Literatura Infantil na Formação do Leitor tem como finalidade despertar os estudantes a importância do contato e a manipulação com obras literárias, expondo na sala de aula o cesto de leitura com obras de vários autores criando assim, didáticas metodológicas que incentive a prática de leitura como elemento essencial na formação do leitor.    

Na vida cotidiana deparamo-nos com os caminhos da leitura motivados por situações de necessidade, prazer, obrigação, divertimento ou para passar o tempo. Nesta perspectiva, podemos afirmar que a leitura é fundamental para construção de conhecimentos e para o desenvolvimento intelectual, ético e estético do ser humano. Se considerarmos que a escola tem como uma de suas funções primordiais a formação do indivíduo leitor, pois ela ocupa o espaço privilegiado de acesso à leitura, é imprescindível que a escola crie possibilidades que oportunizem o desenvolvimento do gosto pela leitura por intermédio de textos significativos para os alunos. Partindo dessa argumentação fui motivada por meio da pesquisa de mestrado, a refletir sobre como os professores concebem e desenvolvem a proposta da literatura infantil nas escolas de ensino fundamental e se existe a concepção de uma proposta de literatura infantil para o desenvolvimento do letramento literário.

           

 RELATOS DAS ATIVIDADES DESENVOLVIDAS NOS MOMENTOS DO PLANEJAMENTO

         

            As atividades desenvolvidas são referentes aos conteúdos trabalhados como elaboração de atividades complementares, elaboração de atividades quantitativas, trocas de metodologias que facilitem o ensino e aprendizagem dos discentes, sempre em consultas com os planos de da referida unidade na construção das sequências didáticas, sempre cumprindo a uma carga horária de 04h/aulas. Também são levantados problemas diários para que juntos achemos uma solução no intuito de amenizar ou resolvê-lo totalmente como casos de indisciplina, dificuldade de aprendizagem, a não realização do para casa em fim, é o momento de compartilhar ações que deram certas e adotar as novidades.  

A leitura é um instrumento de grande importância para a aquisição de conhecimento, enriquecimento do vocabulário, contribuindo assim, para o desenvolvimento do pensamento crítico e reflexivo de cada indivíduo dentro da sociedade a qual está inserido, pois segundo os Parâmetros Curriculares Nacionais (1997), o domínio da linguagem, como atividade discursiva e cognitiva, e o domínio da língua, como sistema simbólico utilizado por uma comunidade linguística, são condições de possibilidades de plena participação social.

Por isso o papel do letramento vai além do ensino formalizado, como afirma Paulo Freire (1989), que “A leitura do mundo precede a leitura da palavra. ” Essa afirmativa nos sugere refletir que a criança antes mesmo de entrar para a escola já é possuidora de um saber considerável, que pode ser percebido nas ações mais simples, como imitar comportamentos, questionar realidades, interpretar e relacionar, muitas vezes de modo peculiar, fatos e acontecimentos, de solucionar problemas, entre outras atividades inteligentes. A criança também possui grande potencial criativo e é capaz de ouvir, inventar e/ou reinventar histórias extraídas tanto do mundo real quanto do seu mundo imaginário.

As crianças que convivem em um ambiente letrado estabelecem mais cedo o contato com as atividades de leituras, pois as narrativas lhes são apresentadas em mais terna idade. Por meio de audição de histórias e posteriormente pela leitura de filmes, contos de fadas e fábulas, gibis e assim por diante. Isso ocorre paralelamente ao cumprimento dos ciclos de escolarização o que favorece muito o aprendizado escolar. A leitura de histórias realizadas por adultos em ambientes familiares, orfanatos ou creches são exemplos de atividades de aprendizado que podem ocorrer fora do ambiente escolar, contribuindo assim com a formação de um leitor competente.

A literatura infantil pode ser definida como a arte de criar, dramatizar, inventar, reinventar e dar vida aos seres através de histórias fictícias, ricas em elementos imaginário e oníricos, o que envolve a criança numa dimensão cognitiva importante para o seu desenvolvimento, pois opera na fronteira do real e do imaginário, o que exige dela o exercício intenso de estabelecer, com o tempo e a maturidade que vai adquirindo, as devidas fronteira entre as duas dimensões pois, segundo Coelho (2000): Literatura infantil é antes de tudo literatura; ou melhor, é arte: fenômeno de criatividade que representa o mundo, o homem, a vida, através da palavra. Funde os sonhos e a vida prática, o imaginário e o real, os ideais e sua possível/impossível realização.

...

Baixar como (para membros premium)  txt (61.2 Kb)   pdf (259.3 Kb)   docx (32.7 Kb)  
Continuar por mais 38 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com