TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

A IMPORTÂNCIA DO ENSINO DE ARTES NO PROCESSO ENSINO APRENDIZAGEM E NA FORMAÇÃO DO CIDADÃO

Por:   •  18/8/2015  •  Monografia  •  5.102 Palavras (21 Páginas)  •  273 Visualizações

Página 1 de 21

A IMPORTÂNCIA DO ENSINO DE ARTES NO PROCESSO ENSINO APRENDIZAGEM E NA FORMAÇÃO DO CIDADÃO

Elaine Gonçalves de Oliveira Rodrigues [1]

Orientadora: Profa. Maria da Graça Medeiros de Oliveira[2]

RESUMO

Em um país onde é comum a corrupção, o nepotismo, onde a violência e o bullying é algo a ser combatido com bastante ênfase, onde a educação necessita de valores como criatividade, sensibilidade, respeito cultural e a diversidade humana. Um povo que busca a cada dia uma identidade cultural na qual hoje se encontra totalmente dispersa e conflitante. Poderia ser menos negativo caso fosse oferecido um ensino de arte de qualidade nas escolas brasileiras. É preciso professores de artes formados e capacitados. É necessária infra-estrutura que ofereçam o mínimo de dignidade. Mas o mais importante é urgentemente preciso atitude do povo brasileiro juntamente aos seus governantes, exigindo ações eficazes que proporcionem este tão sonhado ensino de qualidade que tanto se fala em época de eleição.

PALAVRAS CHAVES:  Ensino, Arte,; Educação Básica.

INTRODUÇÃO

        O ensino de arte nas instituições de ensino no Brasil deixa muito a desejar.  Quando se fala desta disciplina nas instituições públicas de ensino a situação fica crítica. A disciplina de arte nunca teve uma importância significativa no processo ensino aprendizagem na educação brasileira. Se analisar com cuidado, verifica-se que sempre teve um grande descaso quanto ao ensino desta disciplina.

        Durante muito tempo, o ensino da disciplina foi proporcionado através de profissionais com apenas a formação de magistério na educação infantil e séries iniciais do ensino fundamental. Já nas séries finais do ensino fundamental e séries do ensino médio, está disciplina foi ensinada durante anos por professores de outras disciplinas.

        De educação artística para arte. Hoje existe uma grande corrente de pesquisadores, pensadores e educadores que defendem o ensino de arte com qualidade principalmente nas instituições públicas de ensino no país.

        Para conseguir essa qualidade que tanto sequer é necessário que o professor graduado em arte esteja presente dentro da escola. O papel educacional e social deste professor na escola principalmente a escola pública é fundamental.

        “Em uma aula de arte, quando discutíamos o valor da Arte Moderna, um estudante do ensino médio afirmou: ‘Se eu pudesse juntaria todas essas obras de arte e faria uma grande fogueira, pois para mim elas não têm valor algum’. (ARTE / vários autores, 2006, p. 25)

        Para esse aluno o ensino de arte não tem nenhuma importância. Com certeza a base de educação esta disciplina não estimula como de deveria.

        A arte deve ser ensina com uma preocupação constante. O professor nunca podar, minimizar, ou diminuir qualquer criação do aluno, pelo contrário deve estimulá-la sempre. “O significado da arte é diferente para adultos e crianças. (REVERBEL, 1989, p. 21).

        É necessária uma visão crítica acompanhada de uma atitude conjunta da população brasileira e governantes em busca de melhorias e investimentos de âmbito geral para a prática pedagógica da disciplina de artes nas escolas brasileiras.

        No Brasil, a Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional (LDB nº 9.394/96) estabeleceu em seu artigo 26, parágrafo 2º que:  "O ensino da arte constituirá componente curricular obrigatório, nos diversos níveis da educação básica, de forma a promover o desenvolvimento cultural dos alunos". "A arte é um patrimônio cultural da humanidade, e todo ser humano tem direito ao acesso a esse saber"

        É preciso que a população tome consciência e comece a cobrar os seus direitos, caso contrário se torna uma população com garantias somente teóricas e quanto à prática fica-se conhecido apenas como cidadão de papel.

        Este trabalho se concretiza na seguinte hipótese:  Quantos mais trabalhos forem  publicados defendendo a importância do ensino de artes com qualidade nas instituições de ensino brasileira, principalmente nas escolas públicas, mais  a sociedade se conscientizará e cobrará dos governantes investimentos para mudar o atual paradigma  negativo dessa disciplina.

        Como objetivo geral procurará enfatizar a importância do ensino da disciplina de artes de qualidade no processo ensino aprendizagem e na formação do cidadão.

        Assim é objetivos específicos mostrar através de revisão de literatura a grande influencia positiva que o ensino de artes proporciona no processo ensino aprendizagem; Enfatizar os benefícios que o  ensino de artes trás para a formação do cidadão; Defender a importância do professor graduado e especialista em artes no processo ensino aprendizagem; O papel social do ensino de artes na escola.

O DIREITO AO ENSINO DE ARTES NA EDUCAÇÃO BÁSICA

"O ensino da arte constituirá componente curricular obrigatório, nos diversos níveis da educação básica, de forma a promover o desenvolvimento cultural dos alunos". "A arte é um patrimônio cultural da humanidade, e todo ser humano tem direito ao acesso a esse saber"  (LDB nº 9.394/96, artigo 26, parágrafo 2º)

        Nas instituições de ensino de todo o Brasil este direito é garantido pelo menos no papel. O ensino da disciplina de Arte é um ensino fundamental para o desenvolvimento humano, onde a criatividade é um alicerce fundamental para a formação do cidadão.

        Na educação infantil quase todo processo ensino aprendizagem se baseia na metodologia do ensino de artes. No ensino fundamental, o ensino de arte é fundamental para estimular o desenvolvimento e aprimoramento de várias habilidades cognitivas. No ensino médio acontece uma apuração onde as qualidades firmam seja nas artes visuais, cênicas ou musicais.

        Mas a realidade brasileira é bem alarmante. O ensino de artes não tem o investimento que deveria ter. Falta sala própria, como oficina de artes, sala de teatro, sala de música, entre outros.

        Faltam profissionais habilitados e especializados em um seguimento da arte seja visuais, cênicas ou musicais.

        Na maioria das escolas públicas brasileiras que oferecem ensino das séries iniciais do ensino fundamental este ensino deixa muito a desejar. O profissional muitas vezes é um professor pedagogo e sua formação não é artística, não tem uma visão musical, cênicas ou visuais, por mais profissional que seja.

...

Baixar como (para membros premium)  txt (30.3 Kb)   pdf (153.4 Kb)   docx (26.4 Kb)  
Continuar por mais 20 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com