TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

Serial Killers

Por:   •  12/11/2014  •  459 Palavras (2 Páginas)  •  206 Visualizações

Página 1 de 2

Edmund Kemper

Conhecido como "The Killer Co-ed", Edmund Kemper é um serial killer e necrófilo que realizou uma série de assassinatos brutais na Califórnia na década de 1970. Ele assassinou seus avós quando tinha 15 anos de idade, anos mais tarde, deu caronas para no total de 6 mulheres na área de Santa Cruz matando – as e as levando para sua casa onde as dessecava, arrancando algumas cabeças e fazia sexo com alguns cadáveres. Ele, assassinou sua mãe e após isso a estuprou e arrancou sua cabeça, também matou uma amiga dela antes de se entregar à polícia dias depois. Ele foi considerado culpado em novembro de 1973 de oito acusações de assassinato. Ele pediu a pena de morte, mas em vez recebeu prisão perpétua sem possibilidade de liberdade condicional.

Kenneth Bianchi and Angelo Buono

Entre o final de 1977 a início de 1978 os primos Kenneth Bianchi e Angelo Buono realizaram um reinado de terror na Califórnia, sequestraram, estupraram e mataram 12 mulheres com idades entre 12 e 28 anos, estrangulando cada vítima nas colinas acima de Los Angeles que os levaram a serem conhecido como "o Hillside Stranglers". Bianchi e Buono geralmente passeavam por Los Angeles no carro de Buono e usavam identidade falsa para perseguir garotas fantasiados de policiais. Eles obrigavam as garotas a entrar no "carro de polícia" de Buono e as levavam para casa para torturá-las e então matá-las. Após sofrerem abusos de Bianchi e Buono, as garotas seriam estranguladas. Outros métodos para matá-las eram injeção letal, choque elétrico e envenenamento por monóxido de carbono, mas eles eram a favor do estrangulamento. Bianchi tentou alegar inocência por meio de insanidade, mas foi condenado por fingir doença mental, então concordou em se declarar culpado e testemunhar contra Buono. Ambos foram condenados à prisão perpétua. Buono morreu de um ataque cardíaco em sua cela em 2002.

Richard Ramirez

Ricardo Leyva Muñoz Ramírez foi um serial killer americano e adorador do Satanás que aterrorizou Los Angeles, entre 1984 e 1985. Ramírez começou a viver uma vida de vagabundo, fumando cannabis que em seguida progrediu para o uso diário de cocaína. Por mais de um ano a partir da primavera de 1985, os moradores de Los Angeles County viviam com medo do anônimo "Night Stalker", como era chamado, forçando muitos a alterar seus hábitos noturnos, instalar melhores fechaduras em suas portas e janelas, e investir em sistemas de segurança eletrônica. Ramirez invadiu as casas de muitas das suas vítimas, atirava, dava facadas, estuprava e mutilava suas vítimas, que variavam entre homens e mulheres de todas as idades. Capturado em

...

Baixar como (para membros premium)  txt (2.8 Kb)  
Continuar por mais 1 página »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com