TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

ATPS PSICOLOGIA SOCIAL E SERVIÇO SOCIAL

Por:   •  17/11/2015  •  Trabalho acadêmico  •  1.640 Palavras (7 Páginas)  •  91 Visualizações

Página 1 de 7

UNIVERSIDADE ANHANGUERA-UNIDERP

CENTRO DE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA

SERVIÇO SOCIAL – 4º SEMESTRE

Professora a distancia: Helenrose A. da S. Pedroso Coelho

PSICOLOGIA SOCIAL E SERVIÇO SOCIAL

(Atividades Práticas Supervisionadas – ATPS)

TAGUATINGA – DF

2013

CULTURA E MANIFESTAÇÃO CULTURAL

A cultura é fundamental para a compreensão de diversos valores morais e éticos que guiam nosso comportamento social. A cultura é o conjunto de atividades e modo de agir, é o meio pelo qual o homem se adapta as condições de existência transformando a realidade, ou seja, são práticas e acões sociais que seguem um padrão determinado no espaço e no tempo. Aos olhos da Sociologia, cultura é tudo aquilo que resulta da criação humana são ideias, artefatos, costumes, leis, crenças morais, conhecimento, adquirido a partir do convívio social.

[pic 2]

As manifestações culturais do filme Tropa de Elite são varias: manifestação de uma ONG contra a violência; as festas na favela; o crime organizado; a corrupção de policiais; jovens burgueses usufruindo de drogas como um paliativo da realidade; violência na formação de policiais. As manifestações eram tantas porque eles viviam a mercê da criminalidade, onde ate os policiais eram corruptos ligados ao esquema de propina, as manifestações culturais eram a busca de seus direitos e de uma vida melhor.

CONFLITOS SOCIAIS DO FILME TROPA DE ELITE

Destacamos dois conflitos sociais: a violência e a corrupção na policia.

[pic 3][pic 4]

Ambos tratados com muita propriedade pelos policiais ali presentes. Vale destacar que esses conflitos, são resultados de vários outros fatores, que se forem analisados com mais cuidado, veremos que estão diretamente ligados à área social que vivemos.  A violência em sua forma generalizada, por conta da falta de segurança pública mostrada no filme, tem os policiais que eram pagos para fazer a segurança do local que se tornavam impacientes e intolerantes, sendo vistos pela equipe do BOPE, que a qualquer custo querem fazer justiça com as próprias mãos, causando violência desnecessária.

A violência dava destaque por conta do tráfico e da manipulação das pessoas de “poder maior” usando de seu poder para manipular, e ao invés de combater, faziam ao contrário, geravam ainda mais a violência, dentre outras problemáticas.

Já se falando na corrupção, vimos os policiais militares com a formação de milícias, os quais eram pagos supostamente para garantir a segurança da sociedade e os mesmos não faziam, pois eram despreparados e mal remunerados, sem estimulo nenhum, cobravam suborno da população, com cobranças de taxas abusivas, para garantirem a segurança pública.

O filme expôs a corrupção na polícia carioca de forma crítica e violenta, mas também mostrou a hipocrisia da sociedade que criticava a violência policial e ao mesmo tempo fomentava a violência consumindo drogas e alimentando o tráfico.

Sendo formas de interação entre indivíduos, grupos, organizações e coletividades que implica choques para o acesso e a distribuição de recursos escassos. Qualquer grupo social, qualquer sociedade histórica pode ser definida em qualquer momento de acordo com as formas de conflito e de cooperação. Também são de grande importância, as ações sociais. E sua materialização se dá a partir da formulação de objetivos para a mesma. Devemos caracterizar qual ação a realizar.

Estas geralmente são condicionadas a partir das demandas, das necessidades dos usuários que estão vinculados a determinado serviço. Cada setor deve ser analisado com muito cuidado e empenho para que redunde uma ação efetiva e potencialmente satisfatória.

O poder público precisa ter ações para administrar esses conflitos, e uma integração para fortalecer a confiança entre os policiais e a sociedade.

Mudanças na qualificação profissional dos policiais, por objetivos como a organização da prevenção do crime, reorientação das atividades de policiamento e participação de pessoas civis no planejamento e execução das políticas sociais.   

FUNCIONAMENTO DO BOPE

De acordo com filme os policiais do BOPE são considerados como grupo, porque trabalhavam em equipe, um defendendo o outro.

[pic 5]        [pic 6]

Trabalhavam defendendo a vida de seus amigos, e lutando para acabar com o tráfico de drogas, mas na verdade não eram todos, mas a maioria.

Pode ser caracterizado o grupo como primário e ao mesmo tempo funcional primário, por que quer sempre ser o primeiro, não são todos, mas a maioria que pode ser considerado medíocre, animais, corruptos, funcional. Procura trabalhar no exercício de sua função, e prático, procura ser honesto no que faz dentro do seu serviço, buscando defender as pessoas que precisam.

...

Baixar como (para membros premium)  txt (10.9 Kb)   pdf (287.6 Kb)   docx (227.7 Kb)  
Continuar por mais 6 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com