TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

As Atividades Práticas Supervisionadas (ATPS) de Psicologia e Serviço Social II

Por:   •  24/8/2015  •  Trabalho acadêmico  •  2.087 Palavras (9 Páginas)  •  125 Visualizações

Página 1 de 9

INTRODUÇÃO

As Atividades Práticas Supervisionadas (ATPS) de Psicologia e Serviço Social II, constituída por 4 etapas, tem como objetivo promover a compreensão do significado da profissão do Assistente, e de como pode solucionar a questão social.

Com análise do filme Tropa de Elite, percebemos a situação econômica, política e cultural do país. Através do filme, de textos indicados pelo ATPS, e as pesquisas feitas pelo grupo compreendemos que a nossa sociedade necessita ser mais igualitária. Explanando vários problemas como tráficos de drogas, corrupção e conflitos sociais.

Na primeira etapa, identificamos o que é cultura, e as manifestações culturais presentes no filme. Na segunda etapa, enumeramos dois conflitos sociais. Em seguida, encontramos soluções que um assistente social e psicólogo pode ter sobre os conflitos escolhidos. Na terceira etapa, identificamos o BOPE como um grupo, e também como pode ajudar nos conflitos que foram encontrados pelo grupo. E na quarta, foi a organização do ATPS.

CULTURA (vem do latim COLERE que significa CULTIVAR. Existem no mínimo 250 definições diferentes para o termo cultura. A definição genérica é que cultura inclui conhecimento, crenças, artes, moral, leis, os costumes, hábitos e capacidades adquiridos pelo homem como membro de uma sociedade. E foi difundida pelo inglês Edward Tylor, no ano de 1871.Nos séculos XVIII e XIX a cultura também foi associada ao termo civilização, e se confunde com noções de: desenvolvimento, educação, bons costumes, etiqueta e comportamento de elite. Principalmente na França e Inglaterra, onde cultura se referia a um ideal de elite. Manifestação cultural é toda forma de expressão de pensar, de conhecimento, de agir ou de gosto pessoal. Encontrada em música, dança, religião, práticas sociais.

O filmeTropa de Elite (Brasil, 2007, direção José Padilha) retrata várias manifestações culturais, como por exemplo o estilo de vida nas favelas, onde mostra como funciona a noite com bailes funk, e o uso de drogas. E também há sociedade entre os traficantes e os estudantes que administram uma ONG. E continuando a discutir sobre favelas, no filme relata um Baiano, um indivíduo marginalizado que na sua forma de pensar que entre o bem e o mal, toma atitude que acha que lhe convém, se caracterizando num assassino cruel. Mas mesmo assim, possuem consciência que mostra na cena onde mata um policial do BOPE, e se esconde para não ser pego.

Outra forma de expressão é como retrata o pensamento dos estudantes que generaliza os policiais sempre chegam matando quando vão às favelas. E por último, o retrato da vida dos policiais, onde se ganham pouco, e alguns se corrompem para terem vantagens pessoais. Onde subornam outras pessoas, ajudam os traficantes.

Das manifestações culturais, encontramos os conflitos sociais. Das quais são opiniões que se contrapõem.Que pode ser pensamentos, crenças, religiões, ou ações opostas. Os conflitos sociais que foram encontrados pelo grupo no filme são de Policial versus Policial, e Estudantes versus Consumo de Drogas. No caso do Policial versus Policial, encontramos o conflito de que alguns agem de maneira honesta, e outros tiram vantagens por meio da corrupção.

Em todo o filme demonstra a ação do policial, e como a corrupção dos policiais é descrita de forma crítica e violenta. Existindo cobranças por partes de alguns policiais como forma de segurança em estabelecimento comercial, por exemplo. Como destaque de policiais corretos tem o Neto e Mathias, que cansados dos descasos entre colegas de trabalho e a corrupção que ocorre entre eles, assim eles ingressam para o BOPE. Uma das causas para se ceder a corrupção é a má remuneração. E umas das soluções para tais policiais corruptos são expulsão ou a prisão. Emalgumas corporações possuem processos seletivos bem rigorosos, investigações sociais e testes psicológicos, evitando corruptos e não corromper os honestos. Que por meio de políticas públicas de segurança, recomenda a qualificação das ouvidorias das policiais nos estados. Que haja trabalhos de prevenção, e investimento em palestras e treinamento dos policiais.

O outro conflito encontrado no filme mostra os estudantes e o consumo de drogas, várias cenas mostram os estudantes consumindo entorpecentes e comercializando no interior da faculdade, e também dentro das ONGs localizadas na favela e onde são mantidas por várias instituições e dirigidas pelos próprios estudantes com “consciência social” em parceria com os traficantes. Enquanto os estudantes criticam as ações policiais em “Blitz”,

...

Baixar como (para membros premium)  txt (14.5 Kb)   pdf (64.1 Kb)   docx (18 Kb)  
Continuar por mais 8 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com