TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

INTERVENÇÃO ESTÁGIO I MUSCULAÇÃO PARA IDOSOS HIPERTENSOS

Por:   •  5/10/2018  •  Trabalho acadêmico  •  729 Palavras (3 Páginas)  •  432 Visualizações

Página 1 de 3

Curso Educação Física para Licenciado em Educação Física

TURMA/MÓDULO:EFL0099/1–SALINAS

PLANO DE INTERVENÇÃO ESTÁGIO I

MUSCULAÇÃO PARA IDOSOS HIPERTENSOS

Aluno: ALEX CASSIO VIEIRA

Tutora. Orientadora: ALEXANDRA TRUHLAR RIBEIRO

SALINAS-MG

2018

  1. ÁREA DE CONCENTRAÇÃO

GRUPOS ESPECIAS: MUSCULAÇÃO PARA IDOSOS HIPERTENSOS

É importante saber se a pessoa faz uso de algum tipo de medicamento, pois para cada tipo de medicamento, há uma forma de se monitorar o treino, baseado nos cuidados que se deve ter, de acordo com os efeitos desses medicamentos sobre o indivíduo durante os exercícios.parabeta-bloqueadores, não utilizar um programa de treino de padrões normais, pois eles reduzem a frequência cardíaca. Os treinos devem ser estabelecidos com exercícios de baixa intensidade. Para diuréticos pode ser feito o controle de treino através da freqüência cardíaca, pois não altera o batimento cardíaco. Com vasos dilatadores, no final do treino é necessário promover uma volta à calma para que não ocorra uma hipotensão, pois produzem um relaxamento das musculaturas lisas e veias; também pode ser considerado o batimento cardíaco para execução do exercício.

O exercício físico (EF) é uma atividade física planejada, estruturada e repetitiva, que tem como objetivo final ou intermediário aumentar ou manter a saúde e a aptidão física, podendo propiciar benefícios agudos e crônicos. Dentre eles destacam-se a melhora no condicionamento físico; a diminuição da perda de massa óssea e muscular; o aumento da força, coordenação e equilíbrio; a redução da incapacidade funcional, da intensidade dos pensamentos negativos e das doenças físicas; e a promoção da melhoria do bem-estar e do humor,  além da redução da pressão arterial (PA) pós-exercício em relação aos níveis pré-exercício.

O efeito protetor do EF vai além da redução da PA, estando associado à redução dos fatores de risco cardiovasculares e à menor morbimortalidade, quando comparadas pessoas ativas com indivíduos de menor aptidão física, o que explica a recomendação deste na prevenção primária e no tratamento da hipertensão.

Palavras-chave: Musculação, Terceira Idade, Saúde, Prevenção, Hipertensão

FUNDAMENTAÇÃO TEORICA:

Agora os cidadãos mais velhos praticam sistematicamente em uma ampla gama de atividades físicas e de programas com exercícios físicos. A manutenção de um estilo de vida nas fases mais avançadas da vida ajuda os adultos mais velhos a conservar um nível relativamente alto de capacidade funcional. Além disso, o exercício regular proporciona considerável 8 proteção e torna possível a reabilitação após uma grande variedade de incapacidades doenças e fatores de risco, particularmente aqueles relacionados com a saúde cardiovascular.

OBJETIVOS ESPECÍFICOS:

Identificar os exercícios físicos orientados, aplicados ao grupo de idosos hipertensos; Verificar a participação e o grau de envolvimento dos mesmos nos exercícios físicos para obtenção da saúde; Discutir as práticas físicas na prevenção de doenças; Estimular a frequência dos idosos nos encontros semanais; Apresentar os resultados obtidos através dos exercícios físicos para benefício desse grupo de idoso.

METODOLOGIA:

As atividades serão desenvolvidas de acordo com recomendações de especialista para auxiliar no tratamento de idosos com hipertensão arterial, com objetivo da hipertrofia, flexibilidade, equilíbrio, melhora da circulação sanguínea, respiratório e  bom condicionamento físico e mental. Após a avaliação a montagem do treino seguira da seguinte forma: hipertrofia associada a exercício de fortalecimento.

...

Baixar como (para membros premium)  txt (5.7 Kb)   pdf (184.3 Kb)   docx (21.4 Kb)  
Continuar por mais 2 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com