TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

RELATÓRIO DE ESTÁGIO ADMINISTRAÇÃO HOSPITALAR

Por:   •  10/6/2018  •  Tese  •  2.501 Palavras (11 Páginas)  •  99 Visualizações

Página 1 de 11

RELATÓRIO DE ESTÁGIO ADMINISTRAÇÃO HOSPITALAR


IDENTIFICAÇÃO DO HOSPITAL
Sociedade Beneficiente São Camilo Santa Casa de Itu é um hospital privado, onde atende os seguintes convênios: AMIL; BRADESCO EMPRESA/INDIVIDUA; CABESP; CAIXA ECONÔMICA; CAREPLUS; CASSI; CEMIL; CLINICA LUND; COOPUS; DOCTOR SAÚDE DA FAMÍLIA; ECONOMUS; FUNDAÇÃO CESP; FUSEX; GAMA SAUDE; HAOC; INTERMÉDICA; ITUANO; LIFE EMPRESARIAL; MEDISANITAS BRASIL SAÚDE; MEDISERVICE; MULTMED; NOTRE DAME; PORTO SEGURO; SARA SAÚDE; SEPACO AUTOGESTÃO; SEPREV; SINAM; SUL AMERICA EMPRESARIAL/INDIVIDUAL; UNIBANCO; UNIMED; VERA CRUZ. No momento encontra-se com 175 leitos, distribuídos entre as áreas: geral, maternidade e pediatria sendo de grande porte, sendo um hospital de média e alta complexidade, com perfil cirúrgico e referência em Neonatologia, Neurocirurgia, Cirurgia Pediátrica e Ortopedia. Os principais atendimentos são nas áreas de Pronto Atendimento Adulto e Infantil, UTI Adulto, Neonatal e Maternidade. Presta atendimento também nas seguintes especialidades: Anestesiologia, Angiologia, Bucomaxilofacial, Cardiologia, Cirurgia Vascular, Dermatologia, Gastroenterologia, Ginecologia/Obstetrícia, Mastologia, Neurocirurgia, Oftalmologia, Otorrinolaringologia, Proctologia, Urologia e Videocirurgias. Conta ainda com os serviços de apoio para diagnósticos: Radiografia, Ultrassonografia, Ecocardiografia, Tomografia Computorizada e Ressonância Magnética. Localizado no seguinte endereço: R. Joaquim Bernardes Borges, 372 - Centro, Itu - SP, 13300-025. Sendo constituída por uma estrutura vertical com 5 andares.

UNIDADE DE INTERNAÇÃO
Unidade Maternidade e Centro Obstétrico. Segundo a Resolução – RDC n°50, de 21 de fevereiro de 2002, Dispõe sobre o Regulamento Técnico para planejamento, programação, elaboração e avaliação de projetos físicos de estabelecimentos assistenciais de saúde. Encontramos na unidade de internação áreas físicas inadequadas em relação à área de recreação (brinquedoteca) desativada, refeitório inexistente. De acordo com o regulamento encontra-se a necessidade de existir os mesmo em perfeito funcionamento com um dimensionamento de 1,2m² por paciente em condições de exercer atividades recreativas/lazer. Posto de enfermagem único para atendimentos e assistências aos leitos da unidade de internação. Encontramos então, um total de 32 leitos para o mesmo, conforme a RDC 50, existe a necessidade de haver 1 posto de enfermagem para cada 30 leitos com uma dimensão de 6,0 m². Durante o estágio percebemos a falta de luz natural na unidade de internação, quartos e enfermarias, de acordo com RDC 50 Ambientes funcionais dos EAS que demandam sistemas de controle natural das condições ambientais luminosas. Estes ambientes correspondem a certas unidades funcionais que carecem de condições especiais de iluminação, no sentido de necessitarem de incidência de luz de fonte natural direta no ambiente. Atendimento imediato: Salas de observação, Internação geral: Quartos e enfermarias. Berçários inexistentes no setor 2,2 m por berço (R.N. sadio) e 4,5 m (outros), mantendo uma distância mínima de 0,6 m (sadios) e 1 m (outros) entre berços e entre estes e paredes, exceto entre cabeceira do berço e parede. Para alojamento conjunto³, o berço deve ficar ao lado do leito da mãe e afastado 0,6 m de outro berço. Ao perceber que existe a falta de uma área de serviços de enfermagem, conforme RDC 50 podemos verificar que 2,2 m por berço (R.N. sadio) e 4,5 m (outros), mantendo uma distância mínima de 0,6 m (sadios) e 1 m (outros) entre berços e entre estes e paredes, exceto entre cabeceira do berço e parede. Para alojamento conjunto³, o berço deve ficar ao lado do leito da mãe e afastado 0,6 m de outro berço. Acrescentando-se que existem 24 leitos na Maternidade; 8 leitos na Pediatria; 3 leitos na Admissão da Unidade; 4 leitos no Centro Obstétrico. 11 quartos SUS e 6 quartos do convênio. Salas 2 conforto médico, 1 posto de enfermagem, Copa, Lactário, Brinquedoteca, Rouparia, Expurgo e Sala do Rn; Sala CO: Recuperação pós-anestésica, Sala depósito de material de limpeza (DML), Sala de material, Posto de enfermagem, Sala pré-parto, Sala Parto 1, Sala Parto 2, Assistência ao Rn, Vestuário
Tendo como categoria assistidas, convênios; particulares e SUS. Suas especialidades existentes são: Ginecologia e Obstetrícia; Pediatria; Otorrinolaringologia; Cirurgião Pediátrico; Clínico Geral; Ortopedia; Cardiologista; Nefrologista; Fonoaudiologia; Fisioterapeuta; Assistente Social e Neonatologia.
Média de n° de dias de permanência é de 2 dias de internação e média de ocupação da unidade de 70% à 80%. Planta física em relação aos serviços apoio como farmácia, almoxarifado, Raio X, portaria, serviços de higiene pontos positivos e negativos.
Planta física da unidade condições ambientais e os detalhes arquitetônicos como mapeamento, estrutura física, detalhes ambientais: ventilação, iluminação. Aos prontuários dos pacientes os profissionais que manipulam são os médicos, enfermeiros, técnicos de enfermagem, equipe multidisciplinar. Os conteúdos contém, SSVV, estado de saúde no momento, medicações realizadas e prescritas, procedimentos realizados, intercorrências, admissão: anamnese, exame físico, exames laboratoriais, exames de imagem, cópia do cartão de pré-natal. A SAE está inadequada no setor pela ausência de informações de suma importância para a equipe de enfermagem que é a evolução, devido ao grande fluxo de pacientes e falta de funcionários na unidade. A SAE e a prescrição médica são realizadas no sistema informática do hospital. Os leitos são divididos entre a equipe de enfermagem levando em consideração grau de complexidade dos pacientes. Porém o profissional que se encontra na pediatria, mantém no mesmo. Segundo a enfermeira do setor da Maternidade, “quase sempre ocorre à comunicação entre a equipe multiprofissional dependendo da equipe de plantão. Dificilmente ocorrem problemas, quando ocorre chamamos para dialogar e se não solucionar envio a coordenação.”

Recursos Disponíveis
Materiais de consumo como luvas, algodão, álcool, soluções desinfectantes, esparadrapo, descarpack, tubo de coleta de exames, medicações orais em gotas. Equipamento: em boas condições de uso, monitor cardíaco, maca, computadores, cadeiras de rodas, carrinho de urgência, bomba de infusão, ramper, aparelho de dextro, esfignomanômetro, bandeijas para medicação, respirador, berço aquecido e berço comum.
Humanos Maternidade: 4 auxiliares; 3 técnicos; 1 enfermeiro.
Humanos CO: 4 técnicos; 1 auxiliar.
Plantão de 12hs cada 2 enfermeiro obstetrícia. È de responsabilidade do enfermeiro do setor a previsão, provisão, administração e controle de recursos materiais.
No processo de trabalho não existe avaliação de desempenho, só é realizado na admissão dos funcionários para a aprovação ou não da experiência, porém o correto é serem realizados a cada seis meses.

...

Baixar como (para membros premium)  txt (16.7 Kb)   pdf (239.5 Kb)   docx (46 Kb)  
Continuar por mais 10 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com