TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

Relatorio sobre comportamento de gases

Por:   •  12/3/2019  •  Relatório de pesquisa  •  402 Palavras (2 Páginas)  •  143 Visualizações

Página 1 de 2

Introdução:

Os metais possuem reatividade química diferentes, a vária com a eletropositividade, tendência em perder elétrons, quanto a maior a eletropositividade de um metal mais reativo este será. Sendo os mais reativos aqueles com maior tendência em perder elétrons, ou seja, formam facilmente íons positivos.

Sendo a eletropositividade relacionada com o tamanho do raio atômico, a carga do núcleo e a blindagem nuclear. Pois em um elemento com o raio atômico maior, tem maior facilidade em perder um elétron e se tornar um cátion pois a blindagem nuclear é relativamente grande e isso faz com que interação entre o núcleo  e os elétrons de valência seja menor.

Estes obedecem uma fila de reatividade química, onde os metais mais reativos são os menos nobres, como os metais alcalinos, metais alcalinos terrosos e outros metais. Já os menos reativos são os metais mais nobres, conforme mostra a fila abaixo:

[pic 1]

Sendo que o hidrogênio não é um metal, mas está incluído na fila de reatividade por ser capaz de formar o cátion hidrogênio  (H+), que pode receber elétrons.

Os metais do grupo 1 e 2 são os mais reativos. Sendo que os metais do grupo 1 mais reativos do que o grupo 2 , sendo está diferença relacionada com a estrutura do grupo 1, eles apresentam somente 1 elétron  no nível mais externo e o grupo 2 apresenta 2 elétrons no nível  mais externo, portanto, retirar 1 elétron do nível mais externo exige menos energia de ionização do que para tirar 2 elétrons, por está diferença os elementos do grupo 1 são mais reativos.

Os íons metálicos formados são menores que os átomos dos quais foram gerados pela camada eletrônica externa ser ionizada/removida. E quando se forma um cátion metálico, o número de cargas positivas excede o número de elétrons, e consequentemente a carga nuclear efetiva aumenta.

Em relação a solubilidade, a do cátion é maior que a do átomo que originou o cátion, pois o raio do cátion é menor que a do átomo, portanto necessita de menos moléculas  do solvente para a solvatação, sendo que a solubilidade dos cátions e dos átomos, na tabela periódica, diminuem de baixo para cima, pois o raio dos mesmos crescem neste sentido, portanto, precisam de mais moléculas de solvatação conforme o raio cresce.

Objetivos:

Os objetivos da prática é observar as propriedades de determinados metais e sua reatividade, além de estudar a solubilidade de alguns sais de metais alcalino-terrosos.

...

Baixar como (para membros premium)  txt (2.4 Kb)   pdf (62.3 Kb)   docx (26.4 Kb)  
Continuar por mais 1 página »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com