TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

ATPS CONTABILIDADE INTERNACIONAL

Por:   •  8/4/2014  •  2.943 Palavras (12 Páginas)  •  458 Visualizações

Página 1 de 12

ETAPA 1 - AULA-TEMA: PERSPECTIVAS DA CONTABILIDADE INTERNACIONAL. ADOÇÃO PELA PRIMEIRA VEZ DAS NORMAS INTERNACIONAIS DE RELATÓRIOS FINANCEIROS – IFRS.

O RESUMO: A HISTÓRIA DA CONTABILIDADE

A historia da contabilidade é tão antigo quanto à própria historia da civilização. Esta ligada as primeiras manifestações humanas da necessidade social de proteção à posse e de perturbação e interpretação dos fatos ocorridos com o objeto material que o homem sempre dispôs para alcançar os fins propostos. Deixando a caça, o homem voltou-se à organização da agricultura e do pastoreio. A organização econômica acerca do direito do uso do solo acarretou em separatividade, rompendo a vida comunitária, surgindo divisões e o senso de propriedade. Assim cada pessoa criava sua riqueza individual que posteriormente a morte era deixada aos filhos ou parentes. A origem da contabilidade esta ligada a necessidade de registro do comercio. A atividade de troca e venda dos comerciantes semíticos requeria acompanhamento das variações de seus bens quando cada transação era efetuada. As trocas de bens e serviços eram seguidas de simples registros ou relatórios sobre o fato. Mas as cobranças de impostos na Babilônia já se faziam com escritas, embora rudimentares.

Foi o pensamento no “futuro” que levou o homem aos primeiros registros a fim de que pudesse conhecer as suas reais possibilidades de uso, de consumo, de produção etc. À medida que as operações econômicas se tornam mais complexas, o seu controle se refina. As escritas governamentais da Republica Romana (200 a.C) já traziam receitas de caixas classificadas em rendas e lucros e despesas compreendidas nos itens salários perdas e divisões. No período medieval, diversas inovações na contabilidade foram introduzidas por governos locais e pela igreja, mas é somente na Itália que surge o termo Contabilitá.

Podemos resumir a evolução da Ciência Contábil da seguinte forma:

Contabilidade do Mundo Antigo – período que se inicia com as primeiras civilizações e vai até 1202 da era Cristã.

Contabilidade Medieval – período que vai de 1202 até 1494

Contabilidade do Mundo Moderno – período que vai de 1494 até 1840

Contabilidade do Mundo Cientifico – período que vai de 1840 e continua até os dias de hoje.

FREI LUCA PACIOLI

Escreveu “Tratactus de Computis et Scripturis” (Contabilidade por Partidas Dobradas), publicado em 1494, enfatizando que à teoria contábil do debito e do credito corresponde a teoria dos números positivos e negativos Pacioli foi Matemático, teólogo, contabilista entre outras profissões. Deixou muitas obras, destacando-se a “Summa de Aritmetica, Geometria, Porportioni et Proporcionalitá”,

Impressa em Veneza, na qual está inserido o seu tratado sobre Contabilidade e Escrituração. Pacioli apesar de ser considerado pai da contabilidade não foi o criador das Partidas Dobradas. O método já era utilizado na Itália, principalmente na toscana, desde o século XIV.

ESCOLA NORTE AMERICANA

O surgimento do American Instituto of Certield Public Accountants foi de estrema importância no desenvolvimento da Contabilidade e dos princípios contábeis; varias associações empreenderam muitos esforços e grandes somas em pesquisas nos EUA. Havia uma total integração entre acadêmicos e os já profissionais da Contabilidade, o que não ocorreu com as escolas europeias, onde as universidades foram decrescendo em nível e importância.

No inicio do século atual, com o surgimento das gigantescas corporações, aliado ao formidável desenvolvimento do mercado de capitais e ao extraordinário ritmo de desenvolvimento que os EUA experimentaram e ainda experimenta, constitui um campo fértil para o avanço das teorias e praticas contábil. Não é por acaso que atualmente o mundo possui inúmeras obras contábeis de origem norte americana que tem reflexos diretos nos países de economia.

NO BRASIL

No Brasil, a tesourarias de fazenda nas províncias eram compostas de um inspetor, um contador e um procurador fiscal, responsáveis por toda a arrecadação, distribuição e administração financeira e fiscal. Hoje as funções contabilistas não se restringem ao âmbito meramente fiscal, tornando-se, num mercado de economia complexa, vital para as empresas informações mais precisas possíveis para tomada de decisão e para atrair investidores. O profissional vem ganhando destaque no mercado em Auditoria, Controladoria

...

Baixar como (para membros premium)  txt (19.4 Kb)  
Continuar por mais 11 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com