TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

Teoria da Aprendizagem Significativa

Por:   •  9/4/2014  •  Artigo  •  2.811 Palavras (12 Páginas)  •  175 Visualizações

Página 1 de 12

A Teoria da Aprendizagem Significativa

A seis anos tomei conhecimento da teoria da aprendizagem significativa, definida por Ausubel como uma teoria psicológica de aprendizagem verbal. Essa teoria explica como acontece a aquisição e a retenção do conhecimento gerado enquanto ensinamos verbalmente.

Tal teoria se ocupa do que ocorre quando se aprende, da natureza dessa aprendizagem, das condições necessárias para que essa aprendizagem aconteça, de quais os resultados serão obtidos e como se avalia esses resultados, ou seja, discorre acerca dos elementos, dos fatores, das condições e dos tipos que levam a aquisição, a assimilação e a retenção da aprendizagem.

A aprendizagem significativa ocorre quando uma informação se conecta a um conceito relevante pré-existente na mente do aprendiz, ou seja, é possível aprender significativamente uma nova idéia ou conceito na medida em que outras idéia ou conceitos estão disponíveis em campos mentais do individuo.

A aprendizagem significativa pode acontecer a partir de representações, de conceitos ou de proposições.

A aprendizagem por representações acontece quando a criança adquire um vocabulário novo. Primeiro ela aprende as palavras que representam os objetos reais e significativos. Nesse processo ela ainda não os categoriza nem os classifica.

A aprendizagem por conceituação acontece quando a criança, a partir de experiências concretas, compreende por exemplo que a palavra mamãe, pode ser usada para sua mãe e para todas as outras mães existentes. Quando as crianças de idade pré-escola se submetem a contextos de aprendizagem por descobrimento ou recepção e compreendem conceitos abstratos como "governo", "país", "mamíferos" podemos afirmar que aí se deu a aprendizagem significativa por conceitos.

Quando o indivíduo conhece o significados dos conceitos e pode formar frases que contenham um ou mais conceitos se diz que ele aprendeu uma proposição. Quando se compreende o significado da proposição " O modelo de desenvolvimento econômico do hemisfério ocidental é incompatível com a proteção da natureza" presupõe-se que o individuo reconhece conceitos complexos como "desenvolvimento", "hemisfério", "ocidental", "natureza". Nesse sentido é correto afirmar que ele assimilou e integrou tais conceitos a sua estrutura cognitiva, ou seja, seus conhecimentos prévios.

Para aplicarmos a aprendizagem significativa alguns pré-requisitos são necessários. É necessário que o material tenha uma significação lógica e psicológica e que o aprendiz esteja receptivo.

Por significação lógica entende-se que o material que o professor apresente ao aprendiz esteja organizado de maneira que a construção de conhecimentos aconteça.

Por significação psicológica entende-se o material deve permitir que o aprendiz conecte o novo conhecimento ao conhecimentos prévios que ele possui. Esse material também deve ser apresentado de forma que seja apropriado por campos de memória de longo prazo, do contrário o aluno se esquecerá rapidamente.

No entanto, se o aprendiz não dispuser de atitudinal e emocionalmente a aprendizagem significativa não acontecerá. O professor só pode ensinar enquanto ele motiva o aprendiz.

A aprendizagem significativa apresenta algumas vantagens para o desenvolvimento do aprendiz Produz uma retenção mais duradoura do conhecimento, é ativa, já que depende da assimilação da aprendizagem por parte do aprendiz e, se a nova informação for relacionada com a informação anterior, será assimilada em campos indeléveis de memória.

Além disso é necessário dizer que a aprendizagem significativa é pessoal, uma vez que depende dos recursos cognitivos de cada aprendiz.

Ausubel também coloca a ocorrência da Aprendizagem Mecânica, que é aquela que encontra muito pouca ou nenhuma informação prévia na estrutura cognitiva a qual possa se relacionar, sendo então armazenada de maneira arbitrária. Em geral envolve conceitos com um alto ou total teor de "novidade" para o aprendiz, mas no momento em que é mecanicamente assimilada, passa a se integrar ou criar novas Estruturas Cognitivas.

Muitas vezes um indivíduo pode aprender algo mecanicamente e só mais tarde percebe que este se relaciona com algum conhecimento anterior já dominado. No caso ocorreu então um esforço e tempo demasiado para assimilar conceitos que seriam mais facilmente compreendidos se encontrassem uma "âncora", ou um conceito subsunçor, existente na Estrutura

...

Baixar como (para membros premium)  txt (19.5 Kb)  
Continuar por mais 11 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com