TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

Trabalho Sociologia

Por:   •  19/11/2013  •  3.171 Palavras (13 Páginas)  •  412 Visualizações

Página 1 de 13

Departamento de Ciências Humanas

Curso: Pedagogia / 1° período

Principais Teóricos da Sociologia

8 de abril de 2011

Principais Teóricos da Sociologia

Trabalho apresentado ao professor Stanley da disciplina de sociologia do curso de pedagogia.

8 de abril de 2011

Introdução

Trabalho pesquisado sobre os principais teóricos da sociologia: Alguste Comte, Karl Marx, Friedrich Engels e Emile Durkheim (Vida, obra, principais escritos, legado e contribuição para os dias atuais).

Auguste Comte

Filósofo e sociólogo francês (19/1/1798-5/9/1857). Fundador do positivismo, corrente filosófica que prega o método científico como única forma de chegar ao conhecimento. Nasce em Montpellier e muda-se para Paris em 1810. Ingressa na Escola Politécnica em 1814, mas é expulso dois anos depois por liderar um movimento de protesto. Volta para sua cidade natal, onde estuda medicina antes de retornar a Paris, para dar aulas. Nessa época, começa a escrever os primeiros artigos para os jornais e conhece o conde Claude-Henri Saint-Simon, um dos fundadores do socialismo na França, de quem se torna discípulo, influenciado pelas idéias de reorganização econômica da sociedade. Em 1824 rompe com Saint-Simon e trata de divulgar em palestras e ensaios sua própria teoria filosófica. Casa-se em 1825, mas é abandonado pela esposa no ano seguinte, o que o leva a um esgotamento nervoso. Restabelecido, publica os seis volumes de sua principal obra, Curso de Filosofia Positiva, entre 1830 e 1842. Entre 1851 e 1854, edita os quatro volumes de seus estudos sobre o Sistema de Política Positiva, que completam sua obra. Em 1856 publicou o primeiro volume de Síntese Subjetiva, projetada para abarcar quatro volumes, cada um a tratar de questões específicas das sociedades humanas: lógica, indústria, pedagogia, psicologia. Não pôde concluir a obra ao falecer, possivelmente de câncer, em 5 de setembro de 1857, em Paris.

Obras e principais escritos

• Opúsculos de Filosofia Social (1816-1828) (republicados em conjunto, em 1854, como apêndice ao volume IV do Sistema de política positiva)

• Curso de filosofia positiva, em 6 volumes (1830-1842) (em 1848 foi renomeado para Sistema de filosofia positiva)

• Discurso sobre o espírito positivo (1848)

• Discurso sobre o conjunto do Positivismo (1851) (Introdução geral ao Sistema de política positiva)

• Sistema de política positiva, em 4 volumes (1851-1854)

• Catecismo positivista (1852)

• Apelo aos conservadores (1855)

• Síntese subjetiva (1856)

• Correspondência, em 8 volumes (1816-1857)

Legado

O núcleo da filosofia de Comte radica na idéia de que a sociedade só pode ser convenientemente reorganizada através de uma completa reforma intelectual do homem. Com isso, distintingue-se de outros filósofos de sua época como Saint-Simon e Fourier, preocupados também com a reforma das instituições, mas que prescreviam modos mais diretos para efetivá-la. Enquanto esses pensadores pregavam a ação prática imediata, Comte achava que antes disso seria necessário fornecer aos homens novos hábitos de pensar de acordo com o esta¬do das ciências de seu tempo. Por essa razão, o sistema comteano estruturou-se em torno de três temas básicos. Em primeiro lugar, uma filosofia da história com o objetivo de mostrar as razões pelas quais uma certa maneira de pensar (chamada por ele filosofia positiva ou pensamento positivo) deve imperar entre os homens. Em segundo

...

Baixar como (para membros premium)  txt (17 Kb)  
Continuar por mais 12 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com