TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

RESENHA CRÍTICA FILME TRÁFICO DE ÓRGÃOS

Por:   •  17/6/2015  •  Resenha  •  577 Palavras (3 Páginas)  •  4.146 Visualizações

Página 1 de 3

RESENHA CRÍTICA FILME TRÁFICO DE ÓRGÃOS

Trabalho apresentando como forma de obtenção de créditos de aprovação do curso de Pós-graduação em Biodiagnóstico com ênfase em Análises Clínicas da Faculdades Pitágoras na disciplina de ética e Sustentabilidade

Nome:

Professora:

BELO HORIZONTE

Setembro de 2014

O filme retrata uma situação em que um famoso advogado tem sua filha, uma criança que está com um problema de perda das funcionalidades de seu pulmão e precisando urgentemente de um transplante e existe uma fila gigante de espera e com aproximadamente duas semanas de vida. Ele então vai para o México um mercado negro da venda de órgãos na esperança de encontrar um órgão compatível com sua filha, chegando lá passa pelo primeiro dilema ao ser questionado pelo médico que mesmo que ela passasse na frente na fila da doação de órgãos, estaria passando na frente de algum mexicano que também precisasse do órgão e morreria por ela “pular a fila”. Mesmo assim ele prossegue, mesmo sendo algo antiético, mas que o amor pela filha o leva a continuar a busca pelo órgão. Quando então ele descobre as pessoas de uma rede internacional de trafico de órgãos e compra o órgão para sua filha. Até então ele acreditava que os órgãos seriam de pessoas mortas em acidentes ou causas naturais e que sua filha apenas passada a frente e se tornaria a primeira da fila a receber a doação. Sua filha as pressas vai para o México com sua mãe, chegando lá vai para a sala de cirurgia aguardar o transplante, enquanto o pai da garota conversa com um grupo de garotos, uma motocicleta aparece de repente e atropela um dos garotos que fica gravemente ferido, do nada aparece uma ambulância e leva o garoto. O pai da menina então percebe que o garoto vai ser o doador do órgão para sua filha e que ele foi atropelado intencionalmente para que fosse retirado o seu órgão e fosse transplantado na menina.

O segundo dilema e ápice do filme surge quando o pai da menina chega e encontra o garoto aberto na mesa de operação, pronto para ser retirado seus órgãos e transplantados em sua filha, nesse momento ele pede para que não façam aquilo e o médico que conduz a operação diz a ele, que é apenas uma criança de rua sem perspectivas e que seria impossível encontrar um doador tão rápido a não ser dessa forma, e que se ele não prosseguisse sua filha morreria, nesse momento a ética no pai, fala mais alto do que o amor pela filha, e talvez ele reflita que assim como sua filha que tanto ama, é uma vida que está em jogo. E uma vida vale mais do que outra? Com certeza não, pela ética mostrada pelo pai, se vê que

...

Baixar como (para membros premium)  txt (3.2 Kb)   pdf (42.2 Kb)   docx (11.5 Kb)  
Continuar por mais 2 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com