TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

Relatório Final de Estágio

Por:   •  20/3/2020  •  Trabalho acadêmico  •  5.035 Palavras (21 Páginas)  •  8 Visualizações

Página 1 de 21

[pic 1]        [pic 2]

FACULDADE DE CUIABÁ

CURSO DE GRADUAÇÃO EM PSICOLOGIA

        RELATÓRIO FINAL DE ESTÁGIO PROFISSIONAL I

Prof. Marcelo Campos

Neuzete Paula de Andrade

Cuiabá – Mato Grosso

2019/2

ÍNDICE

  1. RESUMO...........................................................04.
  1. INTRODUÇÃO.................................................05.
  1. CARACTERIZAÇÃO DA INSTITUIÇÃO........08.
  1. DESCRIÇÃO DO PROJETO...........................10.
  1. REFERENCIAL TEÓRICO...............................12.
  1. DESENVOLVIMENTO DO PROJETO..............16.
  1. CONCLUSÕES E RECOMENDAÇÕES...........19.
  1. REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS................21.
  1. RESUMO

O presente relatório tem a finalidade de caracterizar o campo de estágio, descrevendo as experiências vivenciadas enquanto acadêmico de Psicologia e demonstra o processo de aprendizagem e as atividades lidar com as contradições e limites entre as abordagens teórico-metodológicas da psicologia e as normativas da saúde pública /coleva é um dos desafios do estágio. Esta experiência foi gratificante e despertado nos estudantes o compromisso social e profissional com a Política Publica em Saúde Mental no Sistema Único de Saúde (SUS) com o entendimento da Reforma Psiquiátrica e em relação à substituição do modelo hospital hospício para atenção psicossocial em CIAPS, CAPS e CAPS AD. Portanto, o intuito é das atividades desenvolvidas é adquirir conhecimentos  no decorrer do curso, buscando atender as exigências do estágio profissional I, cujos objetivos traçados foram: Integrar o processo de ensino; pesquisa e aprendizagem; aprimorar hábitos e atitudes profissionais; agregar valores juntos ao processo de avaliação institucional e inserir o aluno no contexto do mercado de trabalho.

  1. INTRODUÇÃO

O presente relatório tem como finalidade de caracterizar o campo de estágio, descrevendo as experiências vivenciadas enquanto acadêmico de Psicologia e demonstra o processo de aprendizagem e as atividades vivenciadas no cotidiano da instituição que teve como espaço sócio- ocupacional o Centro Integrado de Assistência Psicossocial Adauto Botelho – CIAPS, Unidade III, CAPS AD.

O estágio Supervisionado de Psicologia em Políticas Publica em Saúde Mental foi ofertado pela Fauc Faculdade de Cuiabá  Curso de Graduação em Psicologia em parceria com CIAPS Adalto Botelho Unidade III CAPS e CAPS AD é uma forma de nos últimos 6 meses, amadurecer e operacionalizar aquilo que aprendemos em sala de aula é uma forma de vivenciar ouvindo as psicólogas que compartilharam suas experiências.

Da escolha do supervisor eram duas opções o Professor Marcelo Campos e a Professora Daniele em momento algum tive duvidas de quem eu gostaria  de queria que meu supervisor fosse o Professor Marcelo pela sua competência e experiência no assunto Política Publica em Saúde Mental.

Com relação a escolha do projeto bem como dos parceiros de estagio se deu por meio de escolha e logo após por contagem de nota pela coordenadora Cintia.O desenvolvimento das atividades nos foi propostas para a formação do 7º semestre de psicólogas este estagio teve como objetivos proporcionar aos graduando do curso de Psicologia a oportunidade de vivenciar a rotina no dia a dia de uma unidade básica de saúde mental bem como identificar os problemas de saúde as necessidades que requer a contribuição do psicólogo, a cooperação da equipe multidisciplinar de saúde, o planejamento e execução no avaliar ações em saúde individuais e grupais que atendessem à demanda espontânea e à oferta organizada; integrar criticamente o trabalho do psicólogo às ações desenvolvidas pelo serviço de saúde, potencializando os programas existentes como Arte terapia sala da beleza, sala de jogos, sala de pintura e artesanato e cozinha na atenção básica de saúde, esta forma de trabalho esta baseada na Lei N 10216, que fala,  instituição teve como característica de assegurar os direitos humanos e de proteção independente das divergências fenotípicas com o objetivo de gerar ambientes propícios a melhora do paciente de acordo com o Estado obtendo assim políticas públicas para influenciar a ressocialização do paciente na sociedade. Tais medidas não foram impostas de forma concreta e concisa que consiga obter ambiente com salas que estimulam o mental com estruturas capaz de obter melhorias físicas, mental e não isolamento de informação geral para o paciente ( da própria condição ou informações gerais que decorrem os meios em sua volta). Dentro da política nacional de saúde mental, cabe aos Centros de Atenção Psicossocial (CAPS) ser referência para os portadores de sofrimento psíquico grave e/ou crônico, incluindo-se os sujeitos psicóticos. Os CAPS trazem em suas diretrizes a realização de acompanhamento clínico e de reinserção social, bem como ser uma alternativa às internações hospitalares. Procuram se articular dentro de um fluxo municipalizado de saúde, sendo responsáveis por organizar a rede local de saúde mental e dar máxima resolutividade aos casos que surgem na comunidade de sua responsabilidade. Um dos principais problemas que necessitam do tipo de cuidado oferecido nos CAPS é o dos transtornos psicóticos.

...

Baixar como (para membros premium)  txt (34.4 Kb)   pdf (198.3 Kb)   docx (55.4 Kb)  
Continuar por mais 20 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com