TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

A Influencia da Musica no Comportamento Humano

Por:   •  12/3/2019  •  Relatório de pesquisa  •  1.271 Palavras (6 Páginas)  •  17 Visualizações

Página 1 de 6

Para compreendermos mais sobre  a constituição da esfera pública e privada é essencial destacarmos alguns conceitos básicos:

Políticas Sociais: As políticas sociais são respostas do Estado para enfrentar as expressões da questão social promovidas pelo capital, elas aparecem sob forma de serviços sociais no âmbito das políticas públicas.

Política Públicas: As políticas públicas são um conjunto de ações, metas, planos promovidas pelo governo ou mesmo por entidades privados visando garantir direitos de cidadania garantidos constitucionalmente.

Esfera Pública: É aquela que se expressa através da ação do poder público (Estado) no sentido de atender as demandas da sociedadeEX: os serviços públicos tais como escolas, hospitais, postos de saúde, corpo de bombeiros, polícia, entre outros.

Esfera Privada: é aquela representada no âmbito particular, representando interesses privados tais como a troca de mercadorias, a família e o trabalho social. EX: o mercado, os bancos, os serviços privados, os serviços filantrópicos e beneficentes.

Controle Social: espaço de pactuação entre sociedade civil e governo, a partir do qual a sociedade busca imprimir a participação social nas decisões públicas e obter respostas a cerca das responsabilidades do Estado. 

Cidadania: são os direitos a uma qualidade de vida socialmente aceita, como a mínima admissível para a sobrevivência humana. As instituições responsáveis pela efetivação destes direitos na percepção de Marshall são, principalmente, o sistema educacional e os serviços sociais. No argumento de Marshall, três são os componentes do conceito moderno de cidadania: direitos civis, políticos e sociais. Para ele, esses componentes seguiram caminhos separados e diferentes no tempo. O século XVII viu a afirmação dos direitos civis, o XIX a generalização dos direitos políticos e o XX assistiu à construção dos direitos sociais. Mas foi somente no século XX que a cidadania integral, com todas as suas três dimensões, consolidou-se.

Sobre a constituição da esfera pública, veja o vídeo a seguir:

 

As políticas sociais surgiram no cenário internacional no final do século XVIII e início do século XIX com a Revolução Industrial. Elas nasceram das manifestações da classe trabalhadora para a burguesia por melhores condições de trabalho e reconhecimento dos seus direitos sociais.

Faleiros afirma que as políticas sociais [...] constituem um sistema político de mediação, que visa a articulação de diferentes formas de reprodução das relações de exploração e dominação da força de trabalho entre si, com o processo de acumulação e com as forças políticas em presença (2004, p.45).

Alguns autores como, Ana Luiza d´Ávila Viana e Eduardo Levcovitz colocam a política social como uma atribuição, definida politicamente, de direitos e deveres legais dos cidadão. Estes direitos consistem em transferência de dinheiro e serviços com objetivo de compensar condições de necessidade e risco para o cidadão que goza de tal direito, e que não consegue ter acesso a esses mesmos bens com seus próprios recursos e/ou dotes individuais.

A política social aparece então como um instrumento de cidadania que deverá ser garantido pelo Estado através de serviços e benefícios socais. Elas podem ser entendidas como instrumentos para acesso aos direitos sociais através dos serviços públicos disponibilizados pelo Estado.

Partindo destas manifestações entre classes (proletariado e burgueses) o Estado aparece como figura central e mediadora destes interesses, é através dele que as políticas sociais serão utilizadas como ferramentas para acesso aos direitos sociais pela população.

No Brasil este cenário ocorre no período do Estado Novo, onde Getúlio Vargas inicia toda a história das políticas sociais brasileiras com as primeiras iniciativas da Previdência Social, tais como o reconhecimento dos direitos trabalhistas. Mais tarde isto também ocorre com a Saúde e Assistência Social.

Alguns outros conteúdos também devem ser abordados na temáticas, dentre eles:

O Taylorismo foi o primeiro método de organização científica do trabalho, desenvolvido por Taylor para atender um potencial de consumo de massas. Caracterizava-se pela exploração intensa do trabalhador e seu foco de atuação era a Indústria automobilística.

O Fordismo é o método de trabalho criado por Henry Ford (baseado nas experiências de Taylor) voltado para a Produção em Massa (grande n° de empregos com achatamento dos salários) através da racionalização do parcelamento de tarefas e fundamentado na LINHA DE MONTAGEM e da INTEGRAÇÃO VERTICAL (controle da produção total de autopeças – AUTOMATIZAÇÃO DA FÁBRICA).

...

Baixar como (para membros premium)  txt (8.9 Kb)   pdf (99.9 Kb)   docx (11.4 Kb)  
Continuar por mais 5 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com