TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

RESENHA A IMPORTANCIA DO PLANEJAMENTO DAS AULAS DE EDUCAÇÃO FÍSICA

Por:   •  21/10/2017  •  Resenha  •  855 Palavras (4 Páginas)  •  4.639 Visualizações

Página 1 de 4

CASTRO, Patricia Aparecida Pereira Penkal; TUCUNDUVA, Cristiane Costa; ARNS, Elaine Mandelli. A importância do planejamento das aulas para organização do trabalho do Professor em sua prática docente. ATHENA - Revista Científica de Educação - v. 10, n. 10, jan./jun. 2008.

Resenhado por: Rafaela Muniz Araújo (UNOPAR) [1]*

O principal objetivo do planejamento é facilitar e organizar qualquer atividade que será efetivada, porém nem toda ação que é planejada é de fato concretizada. A Importância do Planejamento das Aulas para Organização do Trabalho do Professor em sua Prática Docente é um artigo da revista científica de educação Athena, os autores deste estudo tem como finalidade demonstrar a importância do planejamento na pratica pedagógica do professor.

O artigo foi estruturado em tópicos e subtópicos escrito com linguagem clara e concisa, e traz as principais etapas do planejamento que darão uma visão do que é necessário e adequado para o professor e seus alunos. Além de conceituarem diversos tipos de projetos e planos.

Os autores iniciaram o seguinte trabalho colocando o planejamento como fator importante para o desenvolvimento do homem ao longo de sua história. Para eles a humanidade ver o ato de planejar como algo indispensável desde o inicio de sua história, pois a cada decisão tomada, demanda medidas que organizem a ação a ser elaborada. Mas ainda a aqueles que se nega a planejar, eis uma questão que deve ser vista com cautela, pois o mesmo poderá conduzir a consequências boas ou ruins.

O texto explica que o planejamento só passou a ser bem definido no século XX, após a revolução comunista, já no mundo capitalista essa ideia só passou a ser utilizada depois da segunda guerra mundial, os governos tiveram grande adesão, e então outras instituições sentirão a necessidade de também aderir ao planejamento, por causa do advento das novas forças de produção, havia a necessidade de suprir as grandes demandas do comércio que surgiam, neste momento então há universalização do planejamento.

A realidade não é diferente na educação, porém o planejamento foi estabelecido de acordo com as regras capitalistas e seus fins monopolistas. No Brasil o conceito de planejamento é adotado em plena ditadura militar e escondia sentidos autocráticos, os militares faziam constantes fiscalizações para determina aquilo que deveria ser ensinado.

 No princípio o planejamento era utilizado como ferramenta de controlar a ação dos professores de modo a não interferir no regime político da época. Já nos dias atuais, o planejamento é uma ferramenta pedagógica, que organizar e subsidiar o trabalho do professor, preparando o profissional para os desafios das salas de aulas, porém o esse é um tema abrangente no qual devemos partir do princípio que o professor deve não só ensinar os conteúdos, mas também torna os alunos aptos atuarem dentro da sociedade, sendo assim, o professor deve preparar o plano aula de modo que o aluno possa compreender a relevância do que está sendo ensinado.

O plano de aula não é inimigo do professor, e sim um aliado, é pelo intermédio do planejamento que o professor vai esquematizar suas ações para alcançar suas finalidades durante aquele período. Para que exista total integração do planejamento de aulas, senso comum e consciência filosófica são necessário muito comprometimento da escola e dos alunos. O ambiente escolar é o lugar onde os professores e alunos têm total interação, é também o espaço em que se constrói conhecimentos, é por isso que se deve proporcionar informações a cerca de questões sociais e culturais.

...

Baixar como (para membros premium)  txt (5.5 Kb)   pdf (113.8 Kb)   docx (13.5 Kb)  
Continuar por mais 3 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com