TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

Resenha Estudo de Caso sobre as empresas Amazon, Apple, Facebook e Google, discutido no FÓRUM da Harvard

Por:   •  7/8/2018  •  Trabalho acadêmico  •  1.345 Palavras (6 Páginas)  •  381 Visualizações

Página 1 de 6

Consultoria Empresarial

Estudo de Caso sobre as empresas Amazon, Apple, Facebook e Google, discutido no FÓRUM da Harvard

REFERÊNCIA:

DEIGHTON, John; KORNFELD, Lenora. Fórum de discussão da HBS para estudo de caso sobre as empresas Amazon, Apple, Facebook e Google. Massachusetts. Harvard Business School, 2013.

O estudo de caso foi originado por um fórum de discussão dos alunos de Harvard Business School em 2013, sobre as grandes empresas Amazon, Apple, Facebook e Google.

Fizeram uma evolução do assunto em ordem cronológica, contextualizando com o surgimento da internet, pois é o meio dos negócios envolvidos ou por atividade fim e como elas transformaram o cotidiano definiram tendências, usam a rede mundial de computadores para conectar-se com as pessoas, ou como meio de prospecção das empresas citadas, pelos autores. Depois vão demonstrando como as empresas surgiram, como elas definiram os seus negócios, como transformaram o cotidiano, estratégia de marketing e como acumularam capital.

Os autores abordam sobre a finalidade original da internet, que foi originada de uma rede exclusiva do ministério de defesa dos Estados Unidos, como ela se expandiu para nos dias de hoje conhecida como Internet, e que não tinha a intenção de ser uma plataforma de marketing.

Ao longo que vão evoluindo o assunto abordam sobre a bolha da internet, que compreende entre os anos 1997 e 2000, mas que somente em 2013 houve a integração das práticas de marketing.

Falam sobre a identificação inicial das empresas no mercado, mas que com o tempo elas tentam dividir entre si os outros segmentos, mas divisão inicial era Google com publicidade online, Amazon com e-commerce, Facebook com redes sociais e Apple com o smartphones.

Depois os autores seguem o assunto dividindo pela ordem cronológica dos acontecimentos e por empresa citada. Começa com a Amazon então destaca como ela surgiu, como evolui para os dias atuais para um dos players da computação na nuvem, um segmento tão diferente do inicialmente comercializado pela mesma, que era de vendas online de livros.

Continuam com a cronologia dando como marco o surgimento do Google, que surgiu como um portal de uma ferramenta de busca, que não tinha uma receita, o objetivo era dar um “gostinho” do poder de seu mecanismo de busca e esperar “pescar os peixões”, então teve êxito quando o Yahoo! escolheu seu algoritmo para as buscas em seu portal. Depois destacam como o Google começou a vender propaganda para os anunciantes, em seguida evoluiu para o AdSense, que começou a restringir o resultado das pesquisas para empresas parceiras. Fazem mais destaques da evolução inorgânica dela, por meio da compra de outras empresas como YouTube, DubleClick, AdMob e ITA.

Os autores destacam outro marco dessa empresa, que foi o desenvolvimento de um sistema operacional de telefone móvel, então entrou mais afundo nesse segmento comprando a Motorola Mobility.

Então continuam com a evolução do Google com o lançamento do Google Play, um serviço online de armazenamento de música e de compra similar ao iTunes. Na mesma época, lançou o Google Wallet, que permitia usar o smartphone como um sistema de pagamento.

Falam sobre a entrada da concorrência na busca de consumidores, na mesma altura da Amazon, então o Google lança o Google+, uma rede social integrada com suas ofertas de pesquisa, foto e vídeo.

Eles destacam que mesmo com todos os seguimentos ramificados da empresa, e apesar de uma década de inovação rápida, ela ainda obtinha a maior parte de seus lucros da pesquisa.

Outro gigante que os autores abordam é a Aplle, que nasceu em 1976 e em 2004 sua capitalização era de US$ 8 bilhões. De janeiro de 2009 até início de 2013 cresceu de US$ 75 bilhões para US$ 600 bilhões, tornando-se a empresa mais valiosa de capital aberto dos EUA. Evoluíra de fabricante de hardware para uma empresa líder na economia da internet.

Outro marco desse gigante, destacado pelos autores, foi em 2012, embora o Android do Google fosse o sistema operacional mais utilizado em dispositivos móveis, instalado em 72% dos aparelhos, a Aplle vencia com o iOS, o sistema operacional móvel mais utilizado pela maioria das pessoas nos EUA, contra 20% dos que utilizavam Android nesse mercado.

No setor de aplicativos para smartphones, ou apps, a Apple continuava liderando sobre o Google. De todos os apps baixados, desde a segunda metade de 2008, 60% vinham da Apple.

Outro gigante abordado pelos autores é o Facebook a maior rede social do mundo, criada por Mark

...

Baixar como (para membros premium)  txt (8.5 Kb)   pdf (55.9 Kb)   docx (14.8 Kb)  
Continuar por mais 5 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com