TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

O comportamento dos investidores no mercado de ações brasileiro, em meio à crise política

Por:   •  18/9/2015  •  Trabalho acadêmico  •  1.613 Palavras (7 Páginas)  •  142 Visualizações

Página 1 de 7

O comportamento dos investidores no mercado de ações brasileiro, em meio à crise política.

Brasília - DF

2015

AVM Faculdade Integrada

MBA Executivo em Gestão de Investimentos

O comportamento dos investidores no mercado de ações brasileiro, em meio à crise política.

Projeto de pesquisa apresentado à

AVM Faculdade Integrada como parte integrante

do conjunto de tarefas avaliativas da disciplina

Metodologia da Pesquisa e da Produção Científica.

César Augusto Leitão

Brasília - DF

2015

SUMÁRIO

1 INTRODUÇÃO        

2 TEMA        

3 PROBLEMA        

4 JUSTIFICATIVA        

5 OBJETIVOS        

5.1 Objetivo geral        

5.2 Objetivo específico        

6 REVISÃO DE LITERATURA        

7 METODOLOGIA        

8 REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS        

1 INTRODUÇÃO

        

O contexto político brasileiro gera efeitos cada vez mais evidentes no cotidiano, particularmente no mercado. Empreendedores, investidores e importadores devem acompanhar de perto esses acontecimentos. Eles sugerem necessidade de adaptações na importação e exportação, que devem prosseguir sob cenário de frugalidade e de oscilações, causado principalmente pelos rumos políticos recentes.

Um dos efeitos mais evidentes desses rumos são as expectativas modestas para 2015. Bancos como o Safra e agências como a Rosenberg apostam em um PIB negativo em 2015. Até mesmo o Ministro da Fazenda admite PIB negativo no primeiro trimestre do ano. A explicação mais recorrente para essas opiniões são os desafios políticos atuais.

Os bastidores de Brasília geram ansiedade no mercado e afetam a economia. Os exemplos mais relevantes são as investigações sobre a Petrobras, empresa cujas dificuldades geram desconfiança no mercado, redução de expectativas e aumento no preço dos combustíveis. Por conseqüência, o investimento diminui e a produção encarece, aumentando custos e estimulando queixas contra o governo.

O partido empossado encontra pouco espaço para reagir. Está forçado a conter gastos, a resgatar o crescimento, a combater corrupção. Isso tem articulado opositores e críticos, ao ponto de congressistas considerarem a hipótese de um impeachment . A opinião é compartilhada por agências de consultoria política como a Eurasia e a Benko, que estimam haver 20% a 30% de chances de afastamento . Mesmo que isso não signifique risco sistêmico, é preciso cautela para evitar surpresas. Embora afete o mercado, a crise política brasileira será menos ruptura e mais oscilação. Mesmo assim, investidores e empreendedores prudentes devem considerar a possibilidade remota de uma oscilação extrema. Isso pode evitar que algum revés inesperado gere conseqüências de difícil controle.

Dentro do contexto apresentado acima, o presente trabalho tem como objetivo entender o comportamento dos agentes econômicos brasileiros, na crise financeira/política.

 

2 TEMA

O comportamento dos investidores no mercado de ações brasileiro, em meio à crise política.

3 PROBLEMA

Em meio a noticias de corrupção no país, como evitar uma grande oscilação no mercado de ações?

4 JUSTIFICATIVA

É necessário entender o comportamento dos investidores brasileiros no mercado, antes e durante o estouro da crise política vivida pelo país, que já vem se arrastando a algum tempo. Optou-se por utilizar as dados referentes a ações das empresas que compõe o Ibovespa e também Petrobrás, devido estes índices representarem as ações das empresas com maior relevância no país.

Os dados demonstram que em períodos de confiança os investidores compram excessivamente pressionando os preços de mercado das ações para um valor muito superior ao seu valor contábil (VPA), porém em momentos de incerteza, como o que sucedeu ao “estouro”  da crise política atual envolvendo empresas com alta procura, os investidores ficam muito temerosos em comprar ações, pressionando seus preços de mercado para valores mais baixos, inclusive inferiores aos valores intrínsecos. Desta forma vê-se que os investidores não são completamente racionais, sendo assim o mercado financeiro, mais especificamente o de investimentos, sempre apresentará falhas de funcionamento.

...

Baixar como (para membros premium)  txt (12.1 Kb)   pdf (155.7 Kb)   docx (20.6 Kb)  
Continuar por mais 6 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com